Talin fechou uma estrada para que sapos e rãs possam atravessar em segurança

A capital da Estónia fechou uma estrada movimentada, durante as noites do mês de abril, para garantir que milhares de sapos e rãs conseguem atravessar em segurança para o local onde se vão reproduzir.

Geralmente, são voluntários os responsáveis por ajudar estes sapos e rãs a atravessar as estradas durante a primavera, que dizem já ter salvado 97 mil animais em anos anteriores, incluindo dois mil espécimes no ano passado nesta mesma estrada, conta a agência Reuters.

Porém, com o aparecimento da pandemia da covid-19, esta ajuda torna-se impossível este ano, portanto o encerramento de estradas é a única salvação para estes anfíbios, que são mais ativos durante a noite. A agência noticiosa explica que a via vai estar fechada, entre as 21h00 e as 06h00, durante um período de duas semanas.

Os sapos já aqui estavam antes da estrada. Agora, as lagoas onde se reproduzem estão de um lado da estrada e o local onde passam o inverno está do outro. Por isso, são obrigados a atravessar para deixar os ovos”, explica Kristel Saarm, voluntária do Fundo Nacional da Estónia.

Como a superfície quente da estrada torna estes anfíbios mais sonolentos e lentos, estima-se que até cerca de 300 possam ficar presos de cada vez que tentam atravessar, deixando-os vulneráveis aos carros.

Segundo Oleg Siljanov, chefe adjunto do distrito de Haabersti, Talin está a considerar construir um túnel debaixo da estrada para que estes animais consigam atravessar, ou providenciar-lhes uma lagoa no lado onde passam o inverno.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Portugal vai ser o país europeu com menor percentagem de população ativa

De acordo com as novas projeções, em 2050, Portugal terá 1,6 pessoas em idade ativa por cada idoso, sendo que atualmente conta com 2,9. As projeções do Eurostat, divulgadas pelo Jornal de Notícias, indicam que em …

"Sentimento anti-Modi." Pandemia deixa primeiro-ministro indiano debaixo de fogo

A segunda vaga de covid-19 na Índia tem alfinetado Narendra Modi. Restam saber quais serão as consequências políticas para o primeiro-ministro indiano. Narendra Modi chegou ao poder em 2014, cheio de promessas de crescimento e prosperidade …

"Um dia feliz". Britânicos voltam em força (e até o calor se antecipou)

Turistas de quase toda a Europa podem, a partir desta segunda-feira, entrar em Portugal, no regresso do turismo internacional. É "um dia feliz" para o turismo nacional, sobretudo devido ao regresso dos britânicos que trazem …

FC Porto avança por Beto e já há valores em cima da mesa

O negócio entre o FC Porto e o Portimonense pelo avançado Beto já estará numa fase bastante avançada. Apesar de os três grandes terem demonstrado grande interesse em Beto, segundo avança o jornal O Jogo, são …

Odemira não é um caso único. Em Santarém, há situações "em tudo semelhantes"

O SEF tem investigado em Santarém situações "em tudo semelhantes às investigadas em Odemira e no Alentejo" por auxílio à imigração ilegal e tráfico de pessoas. Odemira tem estado recentemente no centro de toda a atenção …

No último ato da Liga, há uma luta por uma vaga europeia e uma fuga à despromoção

Vitória de Guimarães, Santa Clara e Famalicão lutam pela derradeira vaga de acesso às competições europeias de futebol da próxima época, numa 34.ª e última jornada marcada também pela ‘fuga’ à despromoção da I Liga …

"O PSD nacional tem de mudar e já", apela Alberto João Jardim

O antigo presidente do Governo Regional da Madeira defendeu num artigo de opinião, publicado esta segunda-feira, que o PSD nacional tem de "acordar" e "mudar já" e "não esperar pelos resultados das eleições autárquicas". No artigo …

Marega quebrou as regras e não volta a jogar pelo FC Porto

Depois de interagir com o Al Hilal, o seu novo clube, nas redes sociais, Moussa Marega não deverá voltar a jogar ao serviço do FC Porto, por ordem de Sérgio Conceição. É certo que falta apenas …

Os processos foram separados, mas Salgado e Vara serão julgados pelos mesmos juízes

Nos dois julgamentos que resultaram da separação de processos decidida por Ivo Rosa, Salgado e Armando Vara serão julgados pelo mesmo coletivo de juízes, apesar da distribuição ter sido eletrónica. Segundo avança o ECO, Ricardo Salgado …

Afinal, jogos da última jornada não vão ter público nas bancadas

A direção da Liga Portugal comunicou, esta segunda-feira, que, afinal, os jogos da última jornada da Liga NOS não vão ter público nas bancadas, como chegou a ser anunciado. "A Direção da Liga Portugal reuniu-se na …