Suspensão do Alemanha-Holanda evitou ataque terrorista

Julian Stratenschulte / EPA

-

A suspensão do jogo amigável entre as seleções da Alemanha e da Holanda que ia acontecer esta terça-feira, em Hanover, evitou mais um “ataque terrorista minuciosamente planeado”, segundo fontes dos serviços secretos alemães citadas hoje pelo jornal alemão Frankfurter Allgemeine Sonntagszeitung (FAS).

O plano era detonar três bombas no interior do estádio IDH Arena enquanto decorria o jogo de futebol amigável entre a Alemanha e a Holanda, outra numa paragem de autocarro e uma última numa estação de comboios, segundo informações dos serviços secretos franceses comunicadas aos homólogos alemães.

Contudo, a célula jihadista que preparava este atentado continua em liberdade e poderá perpetrar outros ataques, adianta a mesma fonte ao jornal alemão.

A informação dos serviços secretos franceses incluía as identidades dos suspeitos, mas que até agora estão fora do radar dos serviços secretos alemães, que entretanto aumentaram a vigilância aos jihadistas considerados perigosos com o objetivo de encontrar os suspeitos.

O jornal alemão Hannoversche Allgemeine Zeitung já avançou na última sexta-feira, citando os serviços secretos franceses, que a célula jihadista que alegadamente pretendia atacar durante o jogo amigável era composta por cinco pessoas e queria detonar cinco explosivos.

Este jornal alemão também assegurava que o líder desta presumível célula tem nacionalidade alemã, mas não dava mais pormenores sobre as identidades dos outros elementos.

A Procuradoria-Geral alemã assumiu na última quinta-feira a investigação da suspensão do jogo de futebol na terça-feira por ameaça jihadista por um presumível delito de formação de associação terrorista.

O encontro foi suspenso à última hora por “indícios concretos” de que ia ocorrer um ataque com “explosivos”, segundo a polícia de Hanover.

O Governo alemão apoiou por unanimidade a decisão da suspensão do jogo, hora e meia antes do início previsto, mas sem querer entrar em detalhes.

As forças de segurança alemãs, que destacaram um forte dispositivo em Hanover devido ao jogo, não apreenderam quaisquer explosivos – apesar de vários falsos alarmes – nem fizeram qualquer detenção.

O FAS indica que a célula perante o alerta reservou as bombas para outra ocasião.

/Lusa

 

PARTILHAR

RESPONDER

Teoria ensinada na escola pode estar errada. Há um "núcleo mais interno" no centro da Terra

Uma equipa de investigadores da Universidade Nacional da Austrália confirmou, rastreando milhares de modelos numéricos, a existência do "núcleo mais interno" nas profundezas da Terra.  Na escola, os estudantes costumam aprender que o planeta Terra é …

Sonda passa ao lado de Vénus, tira-lhe uma fotografia e surpreende cientistas da NASA

A imagem obtida pelo Wide-field Imager (WISPR) da Parker Solar Probe foi capturada a 12.380 quilómetros de Vénus. A Parker Solar Probe, da NASA, capturou vistas deslumbrantes de Vénus em julho de 2020. O alvo da …

Cientista descobre espécie extinta de ganso através de uma pintura egípcia

Uma famosa pintura que estava originalmente no túmulo do príncipe egípcio Nefermaat levou um cientista a descobrir uma espécie de ganso já extinta. A cena "gansos de Meidum", originalmente pintada no túmulo do príncipe Nefermaat, encontra-se …

Físico cria algoritmo de IA que pode provar que a realidade é uma simulação

Hong Qin, do Laboratório de Física de Plasma de Princeton (PPPL) do Departamento de Energia dos EUA, criou um algoritmo de Inteligência Artificial que pode provar que a realidade é, na verdade, uma simulação. O algoritmo …

Quase 10 anos depois, avião de Gaddafi continua parado num aeródromo em França

Quase uma década depois de ter aterrado em solo francês, o avião presidencial do ex-ditador líbio continua parado num aeródromo no sul do país, estando no meio de vários processos judiciais que parecem não ter …

Governo recebeu 1.600 ideias para a bazuca. Costa agradece mobilização

Durante a fase de discussão pública, o Plano de Recuperação e Resiliência recebeu mais de 1.600 contribuições e mais de 65 mil consultas. O primeiro-ministro António Costa disse que, durante a fase de discussão pública, …

"Honjok" é o nome do movimento sul-coreano que reivindica a solidão

A solidão tornou-se um tema recorrente devido à pandemia de covid-19. Na Coreia do Sul, existe um movimento chamado "honjok", que promove um estilo de vida solitário. O isolamento imposto pela pandemia de covid-19 está a …

Do subsolo sírio à nomeação ao Óscar: hospitais em tempos de guerra numa "era de impunidade"

The Cave é o nome de uma produção que esteve nomeada para o Óscar de Melhor Documentário de 2020. É também o lugar onde hospitais sírios se escondem para salvar vidas longe de bombardeamentos e …

Patrícia Mamona sagra-se campeã no triplo salto em pista coberta

Esta tarde, Patrícia Mamona tornou-se a terceira atleta portuguesa a garantir a medalha de ouro para Portugal no Campeonato da Europa em pista coberta. A portuguesa Patrícia Mamona conquistou, este domingo, a medalha de ouro na …

Dias de aulas mais longos, férias mais curtas e cinco períodos. Em Inglaterra, já se equacionam formas de recuperar o tempo perdido

Há três medidas em cima de mesa que podem vir a ser adotadas para combater os atrasos na aprendizagem dos alunos. Na Inglaterra, as escolas reabrem para aulas presenciais esta segunda-feira, mas já se pensa …