Suspeito do tiroteio na Florida pode ser condenado à morte

Broward County Sheriff's Office

Nikolas Cruz, 19 anos, autor do maior tiroteio de sempre numa escola nos EUA

O suspeito do tiroteio na escola do Estado da Florida, Nikolas Cruz, foi acusado formalmente de 17 homicídios em primeiro grau, o que pode significar uma sentença de morte, se for condenado.

Cruz, de 19 anos, é acusado do massacre ocorrido no dia de São Valentim, no liceu Marjory Stoneman Douglas, em Parkland, que provocou a morte de 17 pessoas e ferimentos a outras 16.

A acusação inclui também 17 tentativas de homicídio.

O advogado de defesa de Cruz afirmou que o seu cliente confessar-se-ia culpado, se os procuradores retirassem a pena de morte da mesa, o que poderia significar prisão perpétua.

Segundo o xerife, o suspeito, que tinha sido anteriormente expulso da escola, tinha em sua posse, pelo menos, uma espingarda semiautomática. Scott Israel acrescentou que a maioria das vítimas mortais estava no interior da escola, apesar de também terem sido encontradas três vítimas mortais no exterior do edifício.

Ainda de acordo com as autoridades, o atirador usou uma espingarda AR-15 com “incontáveis cartuchos”. O horário escolar estava quase a terminar quando ocorreu o ataque.

Segundo autoridades ouvidas pela CBS, o atirador acionou o alarme de incêndio da escola para provocar caos antes de efetuar os disparos. Um aluno afirmou à CBS que os estudantes pensaram inicialmente que tudo não passava de um exercício de treino.

O diretor do agrupamento escolar local, Robert Runcie, confirmou a existência de pelo menos 17 mortos.

Imagens divulgadas por canais de TV norte-americanos mostraram alunos a deixar o local sob escolta de polícias armados. Imagens que terão sido recolhidas no interior da escola contêm o som de disparos semelhantes ao de uma arma semiautomática.

Vários pais dirigiram-se ao local imediatamente após o ataque ter sido noticiado.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Bruno de Carvalho suspeito de tirar meio milhão de euros ao Sporting

Duas avultadas transferências de dinheiro, que saíram do Sporting a 24 de junho, estão sob suspeita. Estão em causa cerca de meio milhão de euros que terão sido pagos a duas construtoras. Não se sabe exatamente …

Bombeiros não informaram Proteção Civil de 50% das ocorrências

O corte de relações entre os bombeiros voluntários e a Proteção Civil está a fazer-se sentir. Os bombeiros não informaram a Proteção Civil de 50% das ocorrências no país. A Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) …

Funcionários públicos que continuem no ativo depois dos 70 não vão perder dinheiro

Os trabalhadores da Função Pública com mais de 70 anos que queiram continuar a trabalhar e, que para isso tenham a autorização do Estado, vão passar a receber, além do salário a que têm direito, …

Viagens podem obrigar deputados a entregar novas declarações de rendimentos

Os deputados podem ter de alterar as declarações de rendimentos para incluírem o reembolso das despesas de transporte como “rendimentos do trabalho”. A notícia foi avançada esta manhã pelo Diário de Notícias e surge depois de, …

Portugal já não deve ao FMI. Pagamento antecipado poupa 100 milhões de euros

O ministro das Finanças, Mário Centeno, anunciou que Portugal concretiza esta segunda-feira o pagamento do total da dívida ao Fundo Monetário Internacional (FMI), com a liquidação de 4,7 mil milhões de euros. Numa conferência de imprensa …

37% dos portugueses rezam diariamente. Somos o 9º país mais religioso da Europa

Portugal é um dos países mais religiosos da Europa, ocupando a nona posição, à frente de Itália (13.º) e de Espanha (16.º), com 44% da população a afirmar a sua crença absoluta em Deus. Estes dados …

Rui Rio acusa Governo de discriminação salarial

O presidente do PSD, Rui Rio, disse esta segunda-feira não compreender a proposta do Governo, que determina um salário mínimo diferente para o público e para o privado, defendendo que não deve haver discriminações. "Não compreendo. …

China e EUA discutem calendário de negociações para acabar com guerra comercial

O breve comunicado de Pequim indica que foi discutido "o calendário das próximas consultas económicas e comerciais", sem precisar, no entanto, onde e quando terão lugar. Negociadores chineses e norte-americanos discutiram por telefone um calendário de …

Sindicatos voltam ao Ministério das Finanças para discutir aumentos salariais

Os aumentos salariais na função Pública são esta terça-feira de novo discutidos entre as estruturas sindicais do sector e a secretária de Estado da Administração Pública, Maria de Fátima Fonseca. A Frente Comum de Sindicatos da …

Brexit. Juncker garante que "não há qualquer espaço" para renegociação

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, garantiu esta terça-feira no Parlamento Europeu que o texto do acordo de saída do Reino Unido da União Europeia (UE) não vai ser renegociado. "Estou espantado, porque chegámos a …