Uma supernova de baixa massa pode ter desencadeado a formação do Sistema Solar

NASA

Uma equipa de investigação liderada por Yong-Zhong Qian, da Escola de Física e Astronomia da Universidade de Minnesota, nos EUA, defende que uma Supernova de massa baixa desencadeou a formação do nosso Sistema Solar.

Há cerca de 4,6 mil milhões de anos, uma nuvem de gás e poeira, que eventualmente formou o nosso Sistema Solar, foi perturbada. O colapso gravitacional resultante formou o proto-Sol com um disco protoplanetário que mais tarde viria a formar os planetas, luas, asteroides e outros corpos.

Uma supernova – a explosão de uma estrela no final do seu ciclo de vida – teria energia suficiente para comprimir tal nuvem de gás. No entanto, não havia provas conclusivas para apoiar esta teoria.

De acordo com o estudo publicado na Nature Communications, os cientistas decidiram focar-se nos isótopos de curta duração presentes no início do Sistema Solar que, devido à sua pequena vida, só podiam ter vindo da supernova desencadeante.

As suas abundâncias foram reveladas pelos meteoritos – que revelam bastante acerca da composição do Sistema Solar e, em particular, quais os isótopos de curta duração que a supernova desencadeadora forneceu.

“Esta é a prova que precisamos para explicar a formação do Sistema Solar,” comenta Qian.

As investigações anteriores de Yong-Zhong Qian e da sua equipa concentraram-se em vários mecanismos pelos quais os isótopos de curta duração ocorrem em supernovas de diferentes massas.

Os especialistas perceberam que os esforços anteriores no estudo da formação do Sistema Solar estavam focados numa supernova de alta massa como “gatilho”, o que teria deixado um conjunto de impressões digitais nucleares que não estão presentes no registo meteórico.

Portanto, Qian decidiu investigar se uma supernova de baixa massa, cerca de 12 vezes mais massiva que o nosso Sol, podia explicar o registo de meteoritos.

A equipa de investigadores examinou o Berílio-10, um isótopo que se encontra amplamente distribuído em meteoritos.

Na verdade, a presença do Berílio-10 era uma espécie de mistério. Muitos cientistas teorizaram que a espalação – o processo no qual as partículas altamente energéticas removem protões ou neutrões de um núcleo para formar novos núcleos – por raios cósmicos seria a responsável pelo Berílio-10 encontrado nos meteoritos.

Com recurso a novos modelos de supernovas, Qian e colaboradores descobriram que o Berílio-10 pode ser produzido por espalação de neutrinos tanto em supernovas de baixa massa como alta.

No entanto, apenas uma supernova de massa baixa como “gatilho” para a formação do Sistema Solar é consistente com o registo meteórico em geral.

“Para além de explicar a abundância do Berílio-10, este modelo de supernova de baixa massa também explicaria os isótopos de curta duração do Cálcio-41, do Paládio-107 e alguns outros encontrados em meteoritos”, afirmou Qian.

Os cientistas pretendem, agora, examinar os mistérios restantes dos núcleos de curta duração encontrados em meteoritos.

ZAP / CCVAlg

PARTILHAR

RESPONDER

Cardeal George Pell apresenta recurso final contra condenação por pedofilia

O cardeal australiano George Pell, antigo responsável das finanças do Vaticano, apresentou um último recurso contra a sua condenação por pedofilia, no Supremo Tribunal da Austrália, anunciou esta terça-feira a instituição. Segundo a agência Lusa, em …

David descobriu o tratamento para a doença que quase o matou

David Fajgenbaum foi internado no Hospital da Universidade do Arkansas, nos Estados Unidos, depois do Natal de 2013, quando teve uma recaída de uma doença rara auto-imune que quase o matou. A sua condição era tão …

Líder da extrema-direita alemã abandona entrevista depois de ter sido comparado a Hitler

Björn Höcke, líder do partido de extrema-direita AfD no estado federado da Turíngia, abandonou uma televisiva após ter sido comparado a Adolf Hitler. O líder do partido de extrema-direita Alternativa para a Alemanha (AfD) no estado …

Sobe para sete o número de vítimas mortais do mau tempo em Espanha

O cadáver de um holandês de 66 anos que desapareceu no domingo durante as inundações no sudeste de Espanha foi encontrado esta terça-feira, o que eleva para sete o número de mortes devido ao mau …

Universidade de Coimbra elimina carne de vaca das cantinas

A Universidade de Coimbra (UC) vai eliminar o consumo de carne de vaca nas cantinas universitárias a partir de janeiro de 2020, anunciou esta terça-feira o reitor, Amílcar Falcão. Este será o primeiro passo para, até …

Ângelo Rodrigues já fez a primeira cirurgia de reconstrução da perna

O ator Ângelo Rodrigues está internado no Hospital Garcia de Orta devido a uma infeção provocada por uma bactéria. Realizou uma cirurgia de reconstrução de parte da perna esquerda e está "em plena recuperação". Ângelo Rodrigues …

Guaidó questiona novo diálogo com o regime e alerta que crise se intensificará

O presidente da Assembleia Nacional diz que “nunca houve diálogo” entre o Governo de Nicolás Maduro e a oposição porque ao regime “não lhe interessava solucionar”. O líder político opositor Juan Guaidó questionou esta segunda-feira …

150 tigres foram resgatados de um templo na Tailândia. Mais de metade não sobreviveu

Mais de metade dos 150 tigres resgatados há três anos num templo budista em Kanchanaburi, no oeste da Tailândia, morreram, segundo os media locais. Em causa estiveram problemas relacionados com a consanguinidade, uma vez que foram …

Holanda. Mudanças na legislação fiscal sobre empresas para corrigir imagem de paraíso fiscal

O governo holandês deve apresentar esta terça-feira, no reinício dos trabalhos parlamentares, uma modificação da lei sobre a taxação dos lucros das multinacionais, com o intuito de corrigir a imagem de paraíso fiscal para os …

ISEP acaba com venda de garrafas de água de plástico

O Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP) vai, a partir desta segunda-feira, “acabar com a venda de garrafas de água de plástico de 33 centilitros” no campus, uma vez que, anualmente, são consumidas quase …