O “Sol artificial” da Coreia do Sul acaba de bater um novo recorde mundial

Uma equipa de cientistas da Coreia do Sul acaba de fazer história: o Korea Superconducting Tokamak Advanced Research (KSTAR) funcionou durante 20 segundos.

A maioria dos métodos que usamos atualmente para produzir energia são poluentes e limitados. A fusão nuclear é uma grande aposta, na medida em que, aproveitando também a energia solar, seria possível produzir mais energia do que nunca e com segurança. Mas há um problema: a produção deste tipo de energia ainda não funciona.

Ainda assim, o progresso é constante. O mais recente passo foi dado por uma equipa de cientistas que estabeleceu um novo recorde mundial: o reator de fusão nuclear Korea Superconducting Tokamak Advanced Research (KSTAR), também conhecido como “Sol artificial coreano”, funcionou durante 20 segundos.

De acordo com o Extreme Tech, o reator conseguiu manter o seu plasma superaquecido a 100 milhões de graus Celsius durante 20 segundos. Apesar de não ser um marco impressionante, nenhum outro reator conseguiu manter-se em funcionamento durante mais de 10 segundos (no ano passado, o KSTAR atingiu a marca dos oito segundos).

Para recriar na Terra as reações de fusão que ocorrem no Sol, os isótopos de hidrogénio devem ser colocados no interior de um dispositivo de fusão como o KSTAR para criar um estado de plasma onde os iões e eletrões são separados. Os iões devem ser aquecidos e mantidos a altas temperaturas.

Até agora, houve outros dispositivos de fusão que controlaram o plasma a temperaturas de 100 milhões de graus ou mais, mas nenhum conseguiu bater a barreira dos 10 segundos.

Este ano, o KSTAR melhorou o desempenho do modo de Barreira de Transporte Interno (ITB), um dos modos de operação de plasma da próxima geração, desenvolvido no ano passado, e conseguiu manter o estado do plasma durante um longo período de tempo, superando os limites existentes.

“O sucesso do KSTAR em manter o plasma a alta temperatura durante 20 segundos será importante na corrida para garantir as tecnologias para a operação de plasma de alto desempenho, um componente crítico de um reator de fusão nuclear comercial no futuro”, reagiu Si-Woo Yoon, diretor do Centro de Pesquisa KSTAR, citado pelo Phys.

A próxima meta do KSTAR é, até 2025, manter o reator a uma temperatura de iões superior a 100 milhões de graus Celsius durante cinco minutos.

Os resultados da experiência ainda não foram publicados, mas foram partilhados na Conferência de Energia de Fusão da IAEA 2021.

Liliana Malainho Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. “aproveitando a energia solar”?
    O jornalista deve estar um pouco confuso. Os reactores de fusão nuclear não aproveitam nem usam energia solar.

    • Caro leitor,
      O jornalista não diz que os reatores de fusão nuclear aproveitam ou usam energia solar.
      O jornalista diz que “a maioria dos métodos que [NÓS] usamos atualmente para produzir energia são poluentes e limitados”, e que “A fusão nuclear é uma grande aposta, na medida em que, aproveitando TAMBÉM a energia solar, seria possível produzir mais energia do que nunca e com segurança”.

RESPONDER

Depois de 17 anos no subsolo, biliões de cigarras vão emergir nos Estados Unidos

Biliões de cigarras vão emergir nos Estados Unidos. O aviso é de um grupo de cientistas que alerta que, dentro de alguns dias ou semanas, as cigarras da Ninhada X vão surgir depois de 17 …

Foguetão chinês regressou à Terra (e a maior parte desintegrou-se)

Um importante segmento do foguetão chinês desintegrou-se este domingo ao reentrar na atmosfera terrestre e caiu no oceano Índico, perto das Maldivas, anunciou a agência espacial da China. "De acordo com o percurso e análise, pelas …

"Se eu encaixar, eu sento-me." Os gatos adoram caixas ilusórias

Qualquer amante de gatos sabe que estes animais têm uma predileção inata por se sentarem em espaços fechados, mesmo que o espaço seja apenas um contorno bidimensional de um quadrado no chão.  Os cientistas analisaram esta …

Jet pack da Marinha britânica. Fuzileiros navais testam macacão Gravity em exercício de embarque

Quem melhor do que as organizações militares para testar e usufruir dos jet packs? A Marinha Real Britânica e os Fuzileiros Navais reais testaram um macacão a jato, desenvolvido pela empresa Gravity Industries. Esta semana, a …

Marés de Júpiter podem ajudar a perceber a história do Sistema Solar

Uma equipa de investigadores detetou uma pequena perturbação gravitacional em Júpiter. A descoberta pode ajudar a investigar o interior do planeta e perceber melhor a história do Sistema Solar. "Se você tentasse mergulhar em Júpiter, nunca …

Em 1925, "O Isolador" prometia bloquear qualquer tipo de distração

Procrastinar foi, é e sempre será um passatempo irresistível. Por isso, nos anos 20, houve quem apresentasse uma solução radical para evitar este problema: "O Isolador". De acordo com o site IFLScience, o chamado "Isolador" foi …

Seca no México revela uma igreja submersa há 40 anos

Uma igreja no estado de Guanajuato, no México, sobrevive entre a água e os peixes, como única testemunha de um povoado inundado por uma barragem há mais de 40 anos. Agora, devido à seca que …

Neymar prolonga contrato com o Paris Saint-Germain até 2025

O avançado internacional brasileiro Neymar renovou contrato com o Paris Saint-Germain até 30 de junho de 2025, informou hoje o tricampeão francês e vice-campeão europeu de futebol. “O Paris Saint-Germain tem o prazer de anunciar que …

Países usaram modelo do queijo suíço para conter a covid-19. Na Índia, alguns "buracos" eram demasiado grandes

A grande maioria dos países adotou a estratégia do queijo suíço para responder à pandemia. Na Índia, os "buracos" eram demasiado grandes em três das camadas mais importantes. Para responder à crise sanitária desencadeada pela covid-19, …

Primeira-ministra da Escócia declara que "haverá maioria pró-independência" no parlamento

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, declarou hoje vitória nas eleições regionais, afirmando que "haverá uma maioria pró-independência" no parlamento escocês. Com as projeções a indicarem que o Partido Nacional Escocês (SNP), que lidera, foi o …