Sírios morrem de fome em cidades sitiadas

Pelo menos mais 16 pessoas morreram de fome em Madaya, cidade no oeste da Síria sitiada pelo Exército do país, mesmo após a chegada de comboios de ajuda humanitária, em meados deste mês.

A organização não-governamental Médicos Sem Fronteiras estima que os casos de desnutrição atingiram 320 pessoas, das quais 33 ainda correm “risco de morte”, e lamentou que os habitantes  da cidade continuem a morrer de fome.

Com os números divulgados este sábado, o total de pessoas que morreram de fome desde dezembro de 2015 em Madaya subiu para 46, calculou a MSF.

Localizada na província de Damasco, Madaya está cercada pelas tropas governamentais e seu destino é um dos temas a ser discutido nas negociações de paz na Síria que, após sucessivos adiamentos, tiveram início na sexta-feira em Genebra, na Suíça.

Antes de qualquer discussão, a oposição síria exige a implementação das resoluções do Conselho de Segurança da ONU, que preveem o levantamento do cerco das cidades em poder dos rebeldes.

Madaya é uma das quatro cidades incluídas num raro acordo, assinado no fim de 2015, que prevê a suspensão dos combates, para permitir a entrada de comboios de ajuda humanitária com equipes médicas e alimentos para as populações sitiadas.

Apesar do acordo firmado, as Nações Unidas, bem como várias outras instituições de ajuda humanitária, apenas conseguiram ter acesso limitado uma vez a Madaya e a Zabadani, cercadas pelas forças de Damasco, bem como as cidades de Fuaa e Kafraya, sitiadas pela oposição.

As Nações Unidas estimam que cerca de 486,7 mil sírios vivem cercados nessas quatro cidades sitiadas pelo Governo de Damasco, pelos rebeldes ou pelo grupo Estado Islâmico.

ZAP / ABr

PARTILHAR

RESPONDER

Encontrados medicamentos ilegais em suplementos para o cérebro

Cientistas encontraram medicamentos ilegais, não aprovados nos Estados Unidos, em suplementos que alegadamente melhoram o desempenho cognitivo. Clareza mental, criatividade aprimorada e uma memória extremamente nítida são algumas das promessas feitas a quem compra suplementos de …

Voluntários oferecem-se para cumprir pena de jovem acusado de blasfémia

Num ato de solidariedade, 120 voluntários pediram para cumprir a pena de um jovem nigeriano condenado a 12 anos de prisão por blasfémia. Entre os voluntários está o diretor do Memorial de Auschwitz. Ao todo, 120 …

ADN ajuda a identificar assassino em série num dos mais infames casos da Austrália

Uma amostra de ADN ajudou a justiça australiana a considerar um homem como culpado pelo assassinato de duas mulheres na década de 1990, encerrando um caso que permaneceu sem solução durante quase 25 anos. Durante quase …

Mais 665 casos e nove mortes por covid-19 em Portugal

Portugal regista, este domingo, mais 665 novos casos positivos e nove mortes por covid-19, segundo boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Assim, desde o início da pandemia, Portugal conta com 73.604 infetados e 1.953 …

De guerreiros a anciões. Grupo étnico no Quénia faz cerimónia única de "transformação"

Milhares de homens Maasai vestidos com xales vermelhos e roxos e com as suas cabeças revestidas de ocre vermelho reuniram-se esta semana para uma cerimónia que os transforma de Moran (guerreiros) em Mzee (anciãos). De acordo …

Há 60 anos, Richard Nixon tricou uma sanduíche (e este homem guardou-a desde então)

Há 60 anos, o então vice-Presidente dos Estados Unidos, Richard Nixon, trincou uma sanduíche - e Steve Jenne, um homem que vive em Illinois, guardou-a os restos desde então. De acordo com o The New York …

Coreia do Norte adverte Sul para não procurar nas suas águas oficial assassinado

A Coreia do Norte pediu hoje à Marinha sul-coreana que deixe de entrar nas suas águas territoriais, numa altura em que Seul procura recuperar o corpo de um oficial sul-coreano morto a tiro no mar …

"Um abandonar dos utentes". Centros de saúde atiram pacientes para farmácias e privados

Sem resposta nos centros de saúde, vários utentes vêm-se obrigados a recorrer ao setor privado e a farmácias. A Entidade Reguladora de Saúde já recebeu várias reclamações. Face à pandemia de covid-19, os centros de saúde …

Polícia treinou uma cadela para farejar provas eletrónicas

No Minnesota, Estados Unidos, a polícia treinou uma cadela para farejar dispositivos eletrónicos. Sota já ajudou a encontrar provas em dez crimes. A polícia estatal do Minnesota treinou uma cadela labrador britânica para farejar dispositivos eletrónicos, …

Trabalhistas lideram primeira sondagem desde que Boris chegou ao poder

O partido do primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, situa-se hoje, pela primeira vez desde que chegou ao poder, atrás da oposição trabalhista nas intensões de voto, o que estará relacionado com a gestão da crise pandémica, …