Seleção norueguesa doa parte dos salários para que equipa feminina receba o mesmo

Ailura / Wikimedia

Jogo da selecção feminina de futebol da Noruega contra a Áustria

Os jogadores da seleção masculina de futebol da Noruega vão doar, a partir de 2018, parte dos seus salários para que as colegas da equipa feminina possam receber o mesmo valor.

Quando falamos de igualdade de género, a Noruega ocupa, sem dúvida, um lugar de destaque em relação ao resto do mundo e, por isso, nem o futebol fica de fora.

Para que homens e mulheres possam receber o mesmo salário quando estiverem a defender as cores da seleção, os jogadores da equipa masculina de futebol resolveram contribuir com parte dos seus salários para que os valores possam ser iguais.

Desta forma, o valor total pago às jogadoras da seleção feminina vai quase duplicar de 3,1 milhões de coroas norueguesas (comparado com os 6,55 milhões ganhos pelos colegas homens) para seis milhões de coroas – cerca de 638 mil euros.

Este valor já inclui as 550 mil coroas oferecidas pelos futebolistas às suas compatriotas. O dinheiro vem também de quantias que recebem de campanhas publicitárias.

https://twitter.com/UNILADFooty/status/916710967555252224

O capitão da seleção masculina, Stefan Johansen, apoia a 100% esta iniciativa. “Acho que é mesmo assim que tem de ser. Acho que pode ajudá-las muito. Queremos o futebol norueguês à frente. As mulheres são tão importantes como nós”, disse o futebolista, citado pelo jornal britânico Independent.

A mesma opinião tem o defesa Tore Reginiussen: “É bom poder contribuir. Não há nada nos resultados que tivemos nos últimos anos que indiquem que temos de ter muito mais. Agora, será uma distribuição mais uniforme. Isto é importante”, acrescentou.

Por sua vez, o líder da NISO (Federação Norueguesa de Jogadores Profissionais de Futebol), Joachim Walltin, diz que é “algo muito bom para a seleção feminina mas também para a Noruega como nação”. “Vamos ser pioneiros nesta área”, afirmou à NRK.

A diferença financeira é grande, especialmente tendo em conta que o futebol feminino possui alguma instabilidade: muitas das jogadoras ainda estudam e até trabalham.

Algumas das jogadoras norueguesas já agradeceram o gesto, como é o caso de Caroline Graham Hansen. “Obrigada por darem este passo pelas atletas mulheres. Por mostrarem igualdade e por nos ajudarem a todas, tornando um bocadinho mais fácil, a perseguirmos os nossos sonhos”, escreveu na conta do Instagram.

ZAP // Hypeness

PARTILHAR

RESPONDER

Harry Potter ganha novo (e estranho) capítulo

Harry Potter e o retrato daquilo que parecia ser um grande monte de cinzas é o título do mais recente pedaço da história protagonizada pelo famoso feiticeiro. Mas não foi J.K. Rowling que o escreveu. Os autores …

Rússia pode cortar a Internet mundial, avisa General britânico

É uma nova ameaça à "nossa forma de vida" e à segurança e economia mundiais. O alerta é do chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas do Reino Unido, Stuart Peach, que teme que a Rússia …

Tribunal mantém pena de 30 anos para mulher que alega ter sofrido aborto espontâneo

Um tribunal de El Salvador confirmou a sentença de 30 anos de prisão a uma mulher acusada de homicídio agravado devido à morte do seu recém-nascido. Teodora Vásquez garante que se tratou de um aborto …

WikiLeaks é agora um meio de comunicação social

Um tribunal britânico considerou, em sentença, que o portal de divulgação de informação WikiLeaks é, agora, uma "organização de meios de comunicação". Um tribunal britânico, que avalia casos sobre liberdade de informação, classificou o WikiLeaks como …

Arquiteto Manuel Aires Mateus vence Prémio Pessoa 2017

Esta sexta-feira, o arquiteto Manuel Aires Mateus foi distinguido com o Prémio Pessoa, uma das mais importantes distinções em Portugal. O arquiteto Manuel Aires Mateus é o vencedor do Prémio Pessoa, anunciado esta sexta-feira pelo presidente …

Investigação australiana recomenda fim do celibato na Igreja Católica

Esta sexta-feira, uma investigação australiana sobre abuso sexual de crianças recomendou à Igreja Católica que levante a exigência de celibato ao clero. A Comissão Real da Austrália, que corresponde à procuradoria-geral da república, divulgou esta sexta-feira …

Carrilho absolvido do crime de violência doméstica por falta de provas

O ex-ministro da Cultura Manuel Maria Carrilho foi absolvido do crime de violência doméstica contra a ex-mulher Bárbara Guimarães. A juíza do processo considera que não há provas suficientes para uma condenação. Manuel Maria Carrilho era …

Ex-dirigente da Cerci da Guarda usa instituição para faturar

O ex-vice-presidente da Cercig, a cooperativa de solidariedade social da Guarda com estatuto de utilidade pública, foi acusado de crime de participação económica em negócio, punível com 5 anos de prisão. De acordo com o Ministério …

Pensões, subsídios e abono de família aumentam já em Janeiro

As prestações sociais pagas pela Segurança Social vão subir já a partir de Janeiro de 2018, fruto do aumento previsto de 1,8% para o chamado Indexante dos Apoios Sociais (IAS). O IAS é o referencial usado …

Lince-ibérico esteve à venda (com urgência) no OLX

Um anúncio no OLX vendia "urgentemente" um lince-ibérico pelo valor negociável de 1500 euros. O Ministério Público já está a investigar o caso. O Ministério Público está a investigar uma possível venda online de um lince-ibérico, …