Apesar de “isto estar mais para os partidos de extremos”, Santana Lopes nega ligações ao Chega

António Cotrim / Lusa

O presidente do Aliança, Pedro Santana Lopes

Em entrevista à TVI24, Santana Lopes referiu que a saída do Aliança não é o fim da sua carreira política, ainda assim recusa um regresso ao PSD. O ex- primeiro-ministro assume as ligações à direita, mas salienta que nunca se juntaria aos extremismos de Ventura.

Pedro Santana Lopes confirmou que a saída do Aliança, partido que fundou e liderou até este fim de semana, não é o fim da sua carreira política. Contudo, refere que a sua continuidade na vida política não passa pelo PSD.

Na entrevista que concedeu à TVI24, afirmou que “as carreiras políticas só acabam quando desistimos de lutar pelo nosso país”, acrescentando que a sua decisão teve como fundamento aquilo que “a consciência me ditava. Às vezes fazemos isso e corre bem, às vezes fazemos isso não corre bem”.

O fundador do partido Aliança – agora liderado pelo antigo vereador da Câmara de Torres Vedras Paulo Bento – explicou que a sua iniciativa nunca teve como objetivo “ser presidente do Aliança”, pois  “a vida política, para mim, e ao contrário do que muitos pensam, não é uma forma de vida. Sempre adorei a intervenção política. Mas, graças a Deus, tenho a minha vida organizada”.

Santana Lopes apontou ainda duas razões que considera que foram fundamentais para o fracasso dos resultados obtidos pelo partido, referindo, primeiramente que “sem televisão não há partidos”. A outra razão deve-se ao facto de o país estar “numa época em que isto está mais para os partidos dos extremos”.

Em relação à transferência de alguns membros do partido Aliança para o Chega, Pedro Santana Lopes considera que “uma coisa é o que eu penso do Chega e das ligações à Marine Le Pen, ou ao Salvini. Não tenho nada a ver com isso, e não consigo estar na mesma família política em que eles estejam. Eu quando vejo o André Ventura naquele papel, algo me diz que ele está a ser arrastado por uma onda, que aquilo não é ele”.

O político, demonstra assim que não tem qualquer tipo de interesse em participar nas ações políticas do Chega, mas não nega ligações à direita.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Pai de Rosa Grilo constituído arguido por suspeita de favorecimento pessoal

O pai de Rosa Grilo, Américo Pina, foi esta quarta-feira constituído arguido num segundo processo relacionado com a morte do triatleta Luís Grilo. Segundo o jornal Público, a notícia foi confirmada por fonte próxima do processo, …

NOS e Vodafone vão partilhar equipamentos de redes móveis

A NOS e a Vodafone fecharam acordos com vista à partilha de infraestruturas e equipamentos de rede móvel, abrangendo as tecnologias 2G, 3G e 4G. A NOS e a Vodafone anunciaram um acordo de partilha de …

Eutanásia começa a ser discutida. Deputados consideram pergunta "confusa" e "não" é quase certo

A discussão sobre a eutanásia começa hoje no Parlamento e estende-se até sexta-feira. A proposta, que conta com o apoio da Igreja Católica, deve ser chumbada, tendo em conta os sentidos de voto já conhecidos, mas …

Cabrita mantém auditoria sobre falhas na GNR e PSP em segredo

A auditoria "Cartografia de Risco", feita pela Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) que detetou falhas na formação e organização na GNR e na PSP, continua em segredo no gabinete do ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita. Em …

Assassino publicou áudio a dizer que "vingou o profeta". Pai de aluna e dois menores podem ter sido cúmplices

O assassino do professor francês que mostrou caricaturas de Maomé numa aula divulgou uma mensagem de áudio nas redes sociais em que dizia ter vingado o profeta, após publicar uma fotografia da sua vítima, avança …

Avanços e ajustamentos em pezinhos de lã. Sem certezas, Governo tenta aproximar-se à esquerda

A tensão entre o PS e a esquerda já dura há duas semanas. O Governo já fez algumas cedências em troca do "sim" dos parceiros, mas falta a análise que tarda em chegar. Fonte do Governo …

"Bazuca" dá mais mil milhões para "revolução" nos transportes de Lisboa e Porto

O ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, diz que estamos perante uma "revolução" que vai mudar muito a circulação das pessoas em Lisboa e no Porto. O dinheiro vindo da União …

"Médicos pela Verdade". Ordem abre processo contra movimento que desvaloriza gravidade da covid-19

A Ordem dos Médicos abriu processos disciplinares a 7 médicos do movimento Médicos pela Verdade, grupo que desvaloriza a gravidade da covid-19 e se mostra contra o uso generalizado de máscaras e de testes de …

"Esta é a crise das nossas vidas". Vieira da Silva diz que chumbo do OE seria "dificilmente compreensível"

O ex-ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, José António Vieira da Silva, elogiou, em entrevista ao jornal ECO, a proposta para Orçamento de Estado para 2021 (OE2021) e disse que seria "estranho" que não …

Podemos acusado de financiamento irregular, crime eleitoral e falsificação de documentos

O partido espanhol Podemos é acusado de financiamento irregular, crime eleitoral e falsificação de documentos comerciais. A acusação consta num despacho do juiz de instrução Juan José Escalonilla, datado de 10 de setembro, ao qual a …