Dispara número de portugueses a ganhar salários superiores a três mil euros

Num ano, portugueses a ganharem salários de topo aumentaram 34,5%. Por outro lado, há menos 162 mil pessoas a receberem menos de 600 euros líquidos.

De acordo com o inquérito ao emprego do Instituto Nacional de Estatística (INE), cujos resultados foram revelados na edição desta quinta-feira do Jornal de Notícias, há cada vez mais salários de topo e menos salários muito baixos.

Os salários superiores a três mil euros são os que crescem ao ritmo mais elevado e os salários baixos, que rondam o mínimo nacional previsto na lei, estão em queda.

No segundo trimestre deste ano, Portugal tinha menos 162 mil pessoas a ganharem menos de 600 euros líquidos, em comparação com o mesmo período de 2017. Estes números correspondem a uma descida de 14,4% em relação ao cenário do ano passado.

Isto significa que há cada vez mais pessoas com salários nos escalões próximos da média nacional dos salários portugueses, ou seja, 887 euros. De acordo com o diário, quase metade dos trabalhadores portugueses tem salários entre 600 e 1200 euros, uma subida de 8,3%.

Já acima dos 1200 a evolução tem sido ainda mais surpreendente, uma vez que quase 70 mil pessoas ganham um ordenado acima da média para a economia portuguesa, um crescimento de 10,2%. Mas são os salários acima dos 3000 euros que crescem a um ritmo claramente mais elevado: 34,5% em apenas um ano.

Ainda assim, um em cada cem portugueses ganha aquele que é considerado um salário de topo.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Então, são uns felizardos… Não percebo é como há menos 162 mil pessoas a receberem menos de 600 euros líquidos. Morreram? Emigraram? Foram aumentadas em10 euros?

  2. Como dizia Winston Churchill: ” As únicas estatísticas em que se podem confiar são aquelas que nos mesmos falsificamos”,
    É mais do que óbvio que estes dados estatísticos estão todos martelados. Por um lado agora consideram o subsídio de alimentação com rendimento (que na verdade é, mas que só agora é considerado como dados estatístico), o subsidio de férias e de natal (mais uma vez é verdade que é um rendimento, mas que só agora é considerado como dados estatístico), deixaram de considerar certos compensações financeiras como rendimento (como é os valores miseráveis que muitas milhares de pessoas recebem nas formações, suicídios de desemprego, ajudas de custo, etc.).
    De ai que cada vez mais temos menos pessoas a receber o ordenado mínimo (e é verdade, o que não quer dizer é que cada vez mais não haja pessoas a receber menos!!!)
    Por outro lado, temos quase todos os funcionários públicos, de empresas públicas e diplomatas a verem atualizadas e devolvidas as regalias que tinhas anteriormente (se merecem ou não é outra questão!), assim como os executivos das grandes empresas (que na maioria das vezes são ex-políticos!).
    Desta forma vemos um disparar não real dos salários acima dos 3000€.
    Se martelarmos isto tudo como der jeito aos políticos, Portugal nunca teve rendimentos tão altos como agora.
    A infeliz realidade é que nunca na história de Portugal (república e monarquia) o pais esteve tão:
    -> “enterrado” em dívidas (somos um dos países mais devedores per capita do mundo… em média cada pessoa em Portugal deve por volta de 100.000€ ao exterior!)
    -> com o menor investimento (entenda-se por investimento todo o dinheiro que gera valor transacional, como empresas transformadora e de serviços com potencial exportador, e não a compra de imóveis por celebridade!!!) direto efetivo (que não é subsidiado pelo estado) do exterior (de facto o exterior esta retrair ou desfazer-se de investimentos passados.
    -> os bancos Portugueses não têm liquides nenhuma (começam a cobrar por tudo… tão grande é o desespero por dinheiro!)
    -> o estado Português esta mais “seco que o deserto da Sahara” (se não fosse a UE a adiar os pagamentos da ordem dos 16.000.000.000 da dívida este ano estávamos com uma Troika aqui outra vez… mas ninguém fala nisso… pois não!)
    -> E o pior de tudo, é que a vida nunca este tão cara e os Português tão “tesos” como agora.
    Por isso, a única forma que vejo os políticos de dizer que isto não esta assim tão mal é dar a entender ou passar a perceção de que “EU ESTOU MAL, MAS OS OUTROS ESTÃO MELHOR QUE EU”.
    Até pode ser verdade para alguns, mas, infelizmente, a triste realidade é que a grande maioria esta mal…

    • Sim, mas não faltam países com mais divida externa per capita do que os portugueses!!
      Portugal estava (em 2017) em 27º, com muitos países europeus com mais divida per capita do que Portugal!!

      List of countries by external debt:
      Rank Country/Region External debt US dollars Date Per capita US dollars % of GDP
      6 Luxembourg 3,781,000,000,000 31 December 2017[5] 6,968,000 6,307
      91 Palau 18,380,000,000 31 December 2014 est.[92] 846,000 6,209
      9 Ireland 2,384,247,000,000 31 December 2017[8] 496,000 684
      95 Monaco 16,500,000,000 30 June 2010 est. 434,000 240
      5 Netherlands 4,510,400,000,000 31 December 2017[4] 264,000 522
      15 Singapore 1,320,567,000,000 30 June 2017[15] 231,000 453
      50 Malta 96,251,300,000 30 June 2017[51] 223,000 879
      12 Switzerland 1,820,695,000,000 31 December 2017[11] 213,100 269
      36 Mauritius 189,220,000,000 30 June 2017[36] 148,000 1,536
      2 United Kingdom 8,475,956,000,000 31 December 2017[1] 127,000 313
      19 Norway 623,223,000,000 30 June 2017[19] 117,000 169
      16 Belgium 1,278,465,000,000 30 June 2017[16] 112,000 265
      46 Cyprus 119,672,000,000 30 June 2017[47] 97,200 597
      17 Sweden 938,692,000,000 30 June 2017[17] 94,500 177
      24 Finland 483,369,000,000 30 June 2017[24] 87,500 196
      3 France 5,689,745,000,000 31 December 2017[2] 87,200 213
      23 Denmark 491,617,000,000 30 June 2017[23] 85,700 163
      18 Austria 638,340,000,000 30 June 2017[18] 73,100 167
      81 Iceland 24,390,600,000 30 June 2017[82] 72,700 118
      40 Qatar 159,200,000,000 31 December 2016 est.[41] 68,100 102
      4 Germany 5,398,267,000,000 31 December 2017[3] 65,600 141
      14 Australia 1,487,720,000,000 30 June 2017[14] 60,800 126
      1 United States 21,171,000,000,000 3 May 2018 58,200 98
      11 Canada 1,931,900,000,000 31 December 2017[10] 52,300 115
      10 Spain 2,259,127,000,000 31 December 2017[9] 48,700 167
      — Puerto Rico 167,400,000,000 31 January 2015 est. 47,800 164
      93 Bahamas 17,560,000,000 31 December 2013 est.[94] 44,200 194
      27 Portugal 447,022,000,000 30 June 2017[27] 43,300 21
      https://en.wikipedia.org/wiki/List_of_countries_by_external_debt

  3. Tem toda a razão. Há países com uma maior dívida externa (neste caso o meu comentário não foi exato!).
    Mas se considerar o rácio da dívida externa com o capital (investido ou emprestado) no exterior (este rácio é designado de “Net international investment”) Portugal esta em 5º lugar dos piores (https://en.wikipedia.org/wiki/Net_international_investment_position#List_of_countries_and_regions_by_net_international_investment_position)
    Acredito que estes valores estejam muito martelados (para favorecer alguns países e prejudicar outros), mas o certo é que estamos muito mal!!!
    E pior que tudo, é que os governantes nos últimos anos nos têm “posto ao jeito” de que quando a “coisa rebentar” dos primeiros a levar “porrada” somos nós…
    Países como os USA, o UK, a França, etc. que também estão mal (e provavelmente pior do que anunciado) têm mais capacidade de resposta e de reação a uma crise que surja, quer por recursos económicos quer por capacidade militar intimidante.
    Pais como Portugal não podem ir atrás destes “monstros” pois se a “coisa” corre mal, eles descarregam para nos.
    E os nossos políticos que só pensam neles, depois descarregam para o povo… que, como sempre, acaba por pagar as estupideces, desonestidades, caprichos e incompetência dos nos governantes…

RESPONDER

João Félix coloca Benfica nas meias-finais da Taça

Um golo de João Félix, aos 14 minutos, bastou para o Benfica garantir hoje o apuramento para as meias-finais da Taça de Portugal em futebol, no encontro dos quartos de final com o Vitória de …

Hernâni marca no final do prolongamento e apura FC Porto para as 'meias' da Taça

O FC Porto, da I Liga, apurou-se hoje para as meias-finais da Taça de Portugal em futebol, após derrotar no prolongamento o Leixões, da II Liga, por 2-1, com Hernâni a fazer o golo do …

Eleito o destino turístico mais barato para 2019 (e Portugal fica à espreita)

O complexo Sunny Beach, na Bulgária, foi eleito o destino mais barato para turistas em 2019, de acordo com um estudo levado a cabo pela British Post Office, que analisou preços dos 42 pontos turísticos mais …

Netflix está a ser processada por causa de "Bandersnatch"

O episódio interativo de Black Mirror, que estreou no final do ano passado, não agradou à Chooseco, a editora responsável pela série de livros Escolhe a tua Aventura. A 28 de dezembro estreou o mais recente …

Piloto belga "admitiu" ter assassinado o secretário-geral da ONU em 1961

Dag Hammarskjöld, secretário-geral da ONU, morreu na queda de um avião quando tentava negociar a paz no Congo, e o desastre continua a ser investigado até hoje É um mistério com mais de cinco décadas cujo …

Acordo para o Brexit chumbado. Plano de May esmagado no Parlamento

O Parlamento britânico chumbou, por uma esmagadora maioria, o acordo de saída da União Europeia negociado pela primeira-ministra Theresa May. O líder da oposição, o trabalhista Jeremy Corbyn, aproveitou a derrota histórica de May para …

Senador italiano chamou “orangotango” a antiga ministra e foi condenado a pena suspensa

A justiça italiana condenou esta segunda-feira o senador da extrema direita Roberto Calderoli a 18 meses de prisão, com pena suspensa, por comparar, em 2013, a ministra da Integração, Cécile Kyenge, com um "orangotango". O tribunal …

Num restaurante do Dubai, deixar comida no prato dá multa (e é mais cara que a refeição)

Com o Dubai a tornar-se mais consciente do desperdício de alimentos, um restaurante lembrou-se de uma maneira de fazer com que os clientes não deixem comida no prato. O restaurante Gulou Hotpot, em Al Barsha, uma …

Roma e a Igreja em guerra milionária por causa das moedas da Fontana di Trevi

As moedas que os turistas lançam à Fontana di Trevi, um dos rituais mais populares entre quem visita Roma, está a causar problemas na relação entre a Igreja e a capital italiana. A câmara de Roma …

Frente Comum marca greve nacional da função pública

Os sindicatos da Frente Comum da Administração Pública decidiram marcar uma greve nacional para o dia 15 de fevereiro, anunciou Ana Avoila no final de um plenário realizado esta terça-feira em Lisboa. “Foi decidido marcar um …