Rússia acusa EUA de “pegarem fogo” ao norte da Síria

A saída das forças americanas abre caminho a uma invasão turca. Existe o risco de 12 mil jihadistas presos fugirem ou serem libertados se as Forças Democráticas da Síria forem expulsas do local.

O ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Serguei Lavrov, disse esta quarta-feira que a política norte-americana para a Síria pode “pegar fogo” à região, referindo-se à esperada intervenção militar turca.

Os curdos do noroeste da Síria, junto da fronteira com a Turquia, ficaram “muito inquietos” depois do anúncio norte-americano sobre a retirada das tropas dos Estados Unidos, disse Lavrov acrescentando que a situação pode “pegar fogo” à região. “É preciso evitar isto a qualquer custo”, acrescentou o chefe da diplomacia da Rússia que se encontra no Cazaquistão.

Entretanto, as autoridades regionais apelaram “à mobilização geral durante os próximos três dias” contra a ameaça da Turquia e exortaram os habitantes do noroeste da Síria a “resistir”.

O nordeste da Síria é governado de forma autónoma por uma federação de grupos étnicos e religiosos, que inclui árabes e cristãos, com uma maioria de curdos. Apesar de não ser reconhecida por Damasco, a região é dominada pelas Forças Democráticas da Síria, um conjunto de diferentes milícias, onde predominam as YPG curdas.

“Proclamamos o estado de mobilização geral durante três dias no noroeste da Síria” anunciou a administração através de um comunicado. “Apelamos a todos os que fazem parte do nosso povo a dirigirem-se para a zona da fronteira (…) para garantirem a resistência, neste momento que é historicamente delicado”, frisa o mesmo documento.

No domingo, em contacto telefónico entre o chefe de Estado turco, Recep Tayyip Erdogan, e o presidente norte-americano, Donald Trump, os Estados Unidos deram “luz verde” à ofensiva da Turquia no norte da Síria. O objetivo turco obrigar à retirada das milícias YPG/PYD – que Ancara considera uma extensão da guerrilha curda do PKK (Partido dos Trabalhadores do Curdistão) – de junto da fronteira com a Turquia.

A concretizar-se, a operação militar centrada na margem leste do Eufrates será a terceira intervenção militar de Ancara contra as milícias curdas no norte da Síria desde 2016. Ao mesmo tempo que se prepara o lançamento da ofensiva de larga escala turca, os Estados Unidos iniciaram a retirada dos soldados norte-americanos que se encontram na zona.

Washington exige que a Turquia tome responsabilidade sobre os milhares de membros do grupo radical Estado Islâmicos que se encontram detidos na região, mas as Forças Democráticas da Síria avisam que os 12 mil jihadistas poderão fugir ou ser libertados se a área cair nas mãos dos turcos.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Rúben Semedo na mira do Benfica para a próxima época

O Benfica está de olho no defesa-central dos gregos do Olympiacos para a próxima época. Rúben Semedo foi recentemente chamado à seleção para os jogos de apuramento para o Euro 2020. Segundo o Record, Rúben Semedo está …

Violência, voos cancelados e manifestação com cinco colunas marcam continuação dos protestos na Catalunha

Milhares de manifestantes pró-independência da Catalunha concentram-se esta sexta-feira em Barcelona para protestar contra a condenação pelo Tribunal Supremo espanhol dos 12 dirigentes políticos envolvidos na tentativa de independência da Catalunha em 2017. Os manifestantes, organizados …

Morreu Rui Jordão, antigo jogador de Benfica e Sporting

Rui Jordão, antigo avançado que passou pelo SL Benfica e pelo Sporting CP, morreu esta sexta-feira aos 67 anos. O luso-angolano faleceu devido a problemas cardíacos. Internado no Hospital de Cascais devido a um problema cardíaco, …

Rio tentado a recandidatar-se por temer pelo futuro do PSD

O atual líder do PSD, Rui Rio, pondera uma recandidatura ao cargo por temer pelo futuro do partido, escreve o jornal Público esta sexta-feira. Rui Rio pouco ou nada tem revelado sobre a decisão: desde as …

Adiamento do Brexit ainda em cima da mesa. Juncker fala em situação "extremamente complicada"

Apesar de Londres ter chegado a acordo com Bruxelas, o acordo ainda não passou pelo Parlamento britânico. Em cima da mesa continua o adiamento do Brexit. Os líderes mundiais mostram-se agradados e, acima de tudo, aliviados …

O adeus dos campeões. Alverca provoca hecatombe "leonina" na Taça de Portugal

O Sporting deixou-se surpreender pelo Alverca na terceira eliminatória da Taça de Portugal. Os ribatejanos bateram os 'leões' por 2-0, num jogo em que Varandas admitiu ter ficado envergonhado. A caminhada do Sporting na Taça de …

Rui Pinto encriptou dez discos externos. PJ não consegue descodificá-los

A Polícia Judiciária não consegue aceder a dez discos externos encriptados pelo hacker Rui Pinto. Desta forma, as autoridades podem estar a não conseguir obter provas essenciais à investigação. Em janeiro, as autoridades apreenderam doze discos …

Caso do bebé sem rosto. Médico que fez ecografias já teve pelo menos oito queixas na Ordem

O médico obstetra que fez as ecografias a Rodrigo, o bebé de dez dias que nasceu no Hospital de São Bernardo, em Setúbal, sem rosto, foi alvo de pelo menos oito queixas na Ordem dos …

Todos os europeus são descendentes de uma mesma pessoa (e é da realeza)

Todos temos um pai e uma mãe biológicos que, por sua vez, tiveram os seus pais biológicos, por isso todos temos dois avôs e duas avós. Se seguirmos a sequência - oito bisavós, dezasseis trisavós, etc …

Miguel Pinto Luz é candidato à liderança do PSD

O vice-presidente da Câmara de Cascais anunciou, esta sexta-feira, que se vai candidatar à liderança do PSD para suceder a Rui Rio. Foi através de um vídeo publicado no YouTube que Miguel Pinto Luz, vice-presidente da …