Ricardo Esgaio apontado ao FC Porto

Hugo Delgado / EPA

Luis Díaz, do FC Porto, e Ricardo Esgaio, do SC Braga

O defesa direito do Sporting de Braga interessa ao treinador dos dragões, mas o negócio pode não ser fácil, porque os “guerreiros” querem muito mais do que 15 milhões de euros.

De acordo com a rádio TSF, o FC Porto está a estudar a possibilidade de contratar Ricardo Esgaio para a próxima época e já fez os primeiros contactos junto dos bracarenses.

O defesa direito do Sporting de Braga será o nome na lista de prioridades dos dragões que mais impressiona o treinador Sérgio Conceição, que pretende ter mais uma opção para este lado da defesa, para além de Wilson Manafá.

A mesma rádio apurou, no entanto, que este não será um negócio fácil, até porque os arsenalistas querem um valor muito acima dos 15 milhões de euros.

A TSF avança ainda que Stephen Eustáquio, médio do Paços de Ferreira, também está garantido no plantel portista na próxima temporada.

Relativamente a renovações, depois de Pepe, Sérgio Oliveira e Otávio, esta segunda-feira, a imprensa desportiva avança que o empresário de Marega também já está no Porto para finalizar a renovação do vínculo do maliano. Segue-se, depois, a renovação de Conceição.

Numa entrevista ao Porto Canal, na semana passada, o presidente do FC Porto, Pinto da Costa, afirmou que tanto o clube como o treinador têm interesse na renovação, depois de vários jornais avançarem que Conceição estava a adiar esta decisão.

“O Sérgio tem contrato até ao final da época. É minha intenção e a dele renovar. Ele entendeu que nesta altura quer estar focado na Champions, mas tenho a certeza de que, antes do final da época, faremos um novo contrato. Ele é uma peça importante no projeto. Há quatro anos, poucos acreditavam. Eu acreditava cegamente e continuo a acreditar que podemos fazer muito mais”, garantiu o dirigente.

Sobre Marega, Pinto da Costa disse que estavam a surgir dificuldades nas negociações apenas porque o empresário do avançado estava com dificuldades em viajar para Portugal por causa da pandemia.

  ZAP //

 

 

 

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.