Revelado o mistério da maior pata de animal jamais encontrada. Era um dinossauro

Depois de 20 anos de investigação foi finalmente revelado o mistério do Bigfoot, o enorme fóssil de uma pata animal encontrado nos Estados Unidos. Os cientistas confirmam agora que se tratava mesmo de um dinossauro.

Todos os anos, centenas de turistas visita a região do Monte Rushmore, em Keystone, no Estado de Dakota do Sul, no EUA, onde estão gigantescas esculturas das faces de antigos presidentes norte-americanos – George Washington, Thomas Jefferson, Theodore Roosevelt e Abraham Lincoln.

No entanto, poucos são os que imaginam que essa região, há cerca de 150 milhões de anos, era o habitat de enormes dinossauros que, por coincidência, mediam o mesmo que as esculturas posteriormente criadas – entre 15 e 21 metros de altura.

Em 1998 foi descoberto nessa mesma região o Bigfoot, o maior fóssil de uma pata animal até agora encontrado. Vinte anos depois, a descoberta é finalmente comprovada: o fóssil encontrado – com cerca de 1 metro de comprimento por 1 de largura – pertencia realmente a um dinossauro.

O dinossauro em causa, um dos maiores que pisou a Terra, pertencia a um braquiossauro, um género do grupo dos saurópodes que viveu no final do período Jurássico –  tinha cerca de 20 metros de altura, 25 metros de comprimento e pesava cerca de 50 toneladas.

A descoberta

Há 20 anos, o paleontólogo Anthony Maltese e sua equipa, da Universidade do Kansas, escavaram região à procura de vestígios de camarasaurus, um dinossauro menor com metade do tamanho do braquiossauro.

“Quando descobrimos estes ossos, ficou imediatamente claro que eram muito grandes para pertencer a qualquer dinossauro identificado até então naquele local. Então deviam pertencer a uma espécie diferente“, recorda-se o investigador em declarações à BBC.

O material recolhido foi depois para a análise. Todos os vestígios passaram por scanners 3D e diversos softwares, com o objetivo de comparar as características do Bigfoot com as de outros exemplares de dinossauros já conhecidos.

(dr) Universidade do Kansas

Investigador da Universidade do Kansas junto do fóssil de braquiossauro na escavação de 1998

E, tal como explica o artigo publicado esta terça-feira no The Journal of Life and Environmental Sciences, não restam mais dúvidas: trata-se efetivamente de uma pata de braquiossauro.

“Os sedimentos da região são derivados de terra, eliminando, portanto, a hipótese de quaisquer criaturas marinhas gigantes”, explica o cientista, acrescentando que “ao analisar as formas dos ossos, foram capazes de determinar que se trata de um braquiossauro.”

Maltese, que atualmente integra o Rocky Mountain Dinosaur Resource Center em Woodland Park, Colorado, acredita que os afloramentos rochosos onde foi encontrada a pata contêm muitos outros “fantásticos esqueletos de dinossauros”, esperando conseguir fazer mais estudos naquela região.

Os braquiossauros passavam a maior parte do dia a comer folhas. E, recorrendo a modelos reconstituídos a partir de ossos, calcula-se que o animal fosse capaz de correr a 20 quilómetros por hora. Acredita-se ainda que o dinossauro ingerisse cerca de 2 toneladas de plantas por dia.

O braquiossauro ficou popularmente conhecido pela sua aparição no filme Jurassic Park – o Parque dos Dinossauros, de 1993. No entanto, e de acordo com relatos de cientistas, a cena em que o gigantesco animal se apoia apenas sobre as suas patas traseiras seria altamente improvável, uma vez que as suas patas traseiras eram mais curtas que as dianteiras.

ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

"Boas notícias" na Saúde. Costa promete mexidas nas taxas moderadoras já no Orçamento

No conselho de ministros desta quarta-feira, o Governo vai aprovar um plano de investimentos plurianuais no SNS, para a contratação de recursos humanos e aquisição de equipamentos. O primeiro-ministro, António Costa, prometeu aumentar o investimento na …

AMA deixa a porta aberta para russos competirem como atletas neutros

A Agência Mundial Antidopagem (AMA) considerou esta segunda-feira que dificilmente o Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) anulará os quatro anos fora das competições internacionais com que sancionou a Rússia, devido a questões relacionadas com doping. A …

Portugal na pior posição de sempre no Índice de Desempenho das Alterações Climáticas

Portugal caiu oito lugares no Índice de Desempenho das Alterações Climáticas (CCPI), com o desempenho do país a descer em quase todas as categorias, segundo o "Índice 2020" divulgado esta terça-feira. Com a pior posição de …

Costa pede a Bruxelas que IVA da luz possa variar com consumo

O primeiro-ministro enviou, esta terça-feira, uma carta à presidente da Comissão Europeia solicitando a alteração de critérios do IVA da energia para permitir a variação da taxa "em função dos diferentes escalões de consumo". No debate …

Uma ode aos sem-abrigo. Banksy presenteia Birmingham com uma nova obra de arte

Desta vez, Banksy deixou a sua marca na cidade britânica de Birmingham. A nova obra de arte, composta por duas renas, é uma ode aos sem-abrigo e à solidariedade da cidade britânica. Numa parede da cidade …

Morreu o ator José Lopes. Amigos fazem apelo para pagar o funeral

Morreu o ator José Lopes, aos 61 anos. A notícia está a ser avançada por vários amigos e familiares através das redes sociais. O ator José Lopes, de 61 anos, terá sido encontrado dias depois de …

Governo Regional acusa República de dever à Madeira cerca de 427 milhões

A República detém uma dívida acumulada com a Madeira desde 2015 na ordem dos 427 milhões de euros, declarou o vice-presidente do Governo Regional. “Sobre a ajuda do Governo da República à Madeira temos vindo a …

Governo da Tunísia paga recompensas por denúncias de corrupção

O primeiro-ministro tunisino, Youssef Chahed, ofereceu esta segunda-feira recompensas até 50 mil dinares (16 mil euros) a quem denunciar situações de corrupção e colaborar com a Instância Nacional de Luta Contra a Corrupção (INLUCC). Ao discursar …

Sydney. Qualidade do ar perigosa devido a incêndios no leste da Austrália

A qualidade do ar em Sydney atingiu esta terça-feira um nível perigoso devido à densa camada de fumo proveniente dos incêndios florestais, no leste da Austrália, indicou o Departamento de Meteorologia australiano. "Os ventos fracos e …

Governo prevê superavit de 0,2% e crescimento de 2% em 2020

O líder parlamentar do Partido Ecologista “Os Verdes” revelou esta terça-feira que o Governo prevê para o próximo ano um excedente orçamental de 0,2% e um crescimento de 2%. José Luís Ferreira, líder parlamentar do Partido …