Repórter que pontapeou refugiados condenada a três anos com pena suspensa

(cv) Youtube

-

A repórter húngara, que foi apanhada a pontapear e a rasteirar refugiados que tentavam entrar no país, foi condenada a três anos com pena suspensa.

Petra Lazlo, a jornalista húngara que em setembro de 2015 foi filmada a agredir refugiados que entravam no seu país a partir da fronteira sérvia, foi condenada a três anos de pena suspensa com liberdade condicional.

O juiz que dirigiu o julgamento e ditou a sentença, esta quinta-feira, indicou, de acordo com os meios de comunicação húngaros, citados pela agência Efe, que o comportamento de Lazlo foi contrário às normas da sociedade e rechaçou o argumento do seu advogado de que a condenada atuou em autodefesa ao ver centenas de pessoas correr em direção a ela.

Lazlo, que recorreu da sentença, tinha sido acusada de vandalismo por pontapear e rasteirar refugiados, entre eles crianças, que tentavam esquivar-se à polícia.

A repórter acompanhou a sessão por videoconferência, teve momentos de choro e disse ter sido vítima uma campanha de ódio.

O Ministério Público húngaro apontou na acusação que o comportamento violento da acusada provocou a consternação “entre as pessoas que estavam presentes”, segundo a Efe.

Não obstante, também assinalou que não é demonstrável que “a origem das vítimas ou o facto de se tratar de imigrantes” fosse o que motivou a atitude agressiva da jornalista.

Petra Lazlo, que trabalhava para a estação de televisão húngara N1 TV, associada ao partido neonazi húngaro, Jobbik, foi despedida e depois pediu perdão pelos seus atos.

Na altura, a jornalista alegou que teve um “ataque de pânico” e que não se revê naquelas imagens.

“Sou apenas uma mulher, uma mãe agora sem trabalho, que numa situação de pânico tomou uma decisão errada”, disse.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Vaiado em Boticas, Galamba diz que foi obrigado a dar concessão de exploração de lítio

Depois de ter sido recebido com protestos em Boticas, devido à exploração do lítio, o secretário de Estado Adjunto e da Energia, João Galamba, assegurou que o Governo foi obrigado a dar a concessão, em …

Juventus quer esquecer drama com Ronaldo, mas colegas esperam pedido de desculpas

A Juventus vai reunir-se com Cristiano Ronaldo para resolver a situação da forma mais pacífica possível. Os colegas de equipa esperam um pedido de desculpas do português. A novela de Cristiano Ronaldo no último jogo da …

A cidade do futuro está a chegar. Volocopter promete táxis voadores já em 2022

A empresa alemã Volocopter prometeu na Web Summit que os seus táxis aéreos estarão a operar de forma comercial dentro de dois ou três anos. Em declarações ao ZAP, Alexander Zosel, co-fundador da empresa, disse …

João Mário dispensado dos trabalhos da seleção por lesão

O médio, um dos 25 convocados para os duelos de Portugal com Lituânia e Luxemburgo, de apuramento para o Euro 2020, foi dispensado da seleção nacional, esta segunda-feira, devido a problemas físicos. De acordo com uma …

12 mil anos de história genética mostram que todos os caminhos vão (mesmo) dar a Roma

Afinal, pode haver alguma verdade no famoso provérbio que diz que "todos os caminhos vão a Roma". Essa é a conclusão de investigadores que descobriram a rica história genética da área. No auge do Império Romano, …

Nuno Manta Santos anuncia saída do Marítimo

Nuno Manta Santos deixou de ser o treinador do Marítimo, anunciou, esta segunda-feira, o técnico na sua página do Facebook, deixando a equipa insular no 14.º lugar da I Liga portuguesa de futebol. A saída do …

Marcelo nota "salto" nas relações com Itália mas deixa um desafio à comunidade portuguesa

Esta segunda-feira, em Roma, o Presidente da República considerou que houve "um salto humano" nas relações luso-italianas e um "estreitamento" em termos culturais, económicos e políticos, mas pediu à comunidade portuguesa para "ir mais longe". "Agora …

Falta de funcionários. Brandão Rodrigues responsabiliza algumas escolas por atraso no processo

O ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, lembrou que algumas escolas demoraram a iniciar o processo de contratação de funcionários, garantindo que atualmente há muito mais assistentes e novas formas de colmatar as necessidades dos …

Cientistas inventam novo método para testar neurotoxinas letais sem usar cobaias

Os testes em animais não vão ser mais precisos relativamente a um grupo de neurotoxinas mortais, graças a uma nova investigação da Universidade de Queensland, na Austrália. Por mais benéfica que a Ciência seja para a Humanidade, …

México concede asilo a Morales. Ex-Presidente da Bolívia promete regressar "com mais força"

O ex-Presidente da Bolívia, Evo Morales, anunciou na segunda-feira que está de partida para o México, país que lhe concedeu asilo político, mas prometeu regressar brevemente "com mais força e energia", um dia depois de …