Reino Unido abre a primeira clínica para tratar viciados em videojogos

O sistema público de saúde do Reino Unido abriu na terça-feira a primeira clínica para tratar pacientes viciados em videojogos, apostando assim em tratar este problema como uma doença mental.

A clínica está destinada a pacientes entre os 13 e os 25 anos, informou o Observador. Será para ali, naquela clínina em Londres, que os médicos deverão dirigir o seus pacientes que demonstrem sofrer de distúrbios com videojogos. Além de consultas presenciais, haverá também a possibilidade de consultas através do Skype.

“O distúrbio com videojogos é uma doença de saúde mental que pode ter um efeito altamente debilitante da vida das pessoas, tanto para os pacientes como para as suas famílias, que podem sentir-se imensamente desesperadas perante o vício dos seus próximos”, disse a diretora do Centro para os Distúrbios com a Internet e Videojogos, Henrieta Bowden-Jones.

Em 2018, a Organização Mundial de Saúde (OMS) já tinha considerado o vício em videojogos como uma doença mental, classificando-o como “distúrbio com videojogos”.

Segundo a OMS, esta doença mental é “caracterizada pela falta de controlo em relação aos videojogos, priorização dos videojogos em detrimento de outras atividades ao ponto em que os videojogos se torna mais importantes do que outros interesses e atividades quotidianas, ou a continuação ou escalada do uso de videojogos apesar da ocorrência de consequências negativas”.

Ainda de acordo com a OMS, o diagnóstico confirma-se quando este padrão comportamental se manifesta ao longo de pelo menos 12 meses e tem efeitos negativos em dimensões como a pessoal, familiar, social, educacional ou profissional, entre outras.

“O distúrbio com videojogos não é uma doença mental que se possa desprezar. Estamos a falar de casos em que uma pessoa chega a passar 12 horas a jogar jogos de computador e que pode isolar-se socialmente e perder o seu emprego como consequência”, realçou Henrieta Bowden-Jones, citada pelo Guardian.

ZAP // //

PARTILHAR

RESPONDER

Protestos em Hong Kong. LeBron acusado de apoiar regime chinês

A super estrela do basquetebol LeBron James juntou-se à polémica entre a NBA e a China, após apelidar de “mal-informado” o treinador dos Houston Rockets, Daryl Morey, que expressou apoio aos manifestantes em Hong Kong …

Acordo para o Brexit está "prestes a ficar fechado"

A chanceler alemã, Angela Merkel, e o Presidente francês, Emmanuel Macron, disseram esta quarta-feira que um acordo para o Brexit está em finalização e poderá ser apresentado quinta-feira para aprovação no Conselho Europeu. "Quero acreditar que …

Em Chernobyl, estão a desaparecer "as memórias que as pessoas deixaram para trás"

Chernobyl é, atualmente, a maior atração internacional da Ucrânia e o novo presidente, Volodymyr Zelenski, já apresentou um projeto para trazer ainda mais turistas. No entanto, estão a desaparecer "as memórias que as pessoas deixaram …

Huawei afirma que a tecnologia 6G vai estar disponível daqui a 10 anos

O CEO da Huawei, Ren Zhengfei, assinalou, durante uma entrevista à CNBC, que a sua empresa está a trabalhar em redes móveis 6G, que estarão completamente desenvolvidas daqui a 10 anos.   "Trabalhámos em 5G e 6G …

Nazismo e comunismo classificados em pé de igualdade pelo Parlamento Europeu

No passado dia 19 de setembro, a União Europeia colocou comunismo e nazismo em pé de igualdade, depois de aprovar no Parlamento Europeu uma resolução condenando ambos os regimes por terem cometido "genocídios e deportações …

Conselho da Europa teme que polícia de Malta tenha “recusado provas” no caso da jornalista assassinada

Daphne Galizia era jornalista, acompanhava casos de corrupção no país e foi assassinada há dois anos. Pieter Omtzigt, relator do Conselho da Europa responsável pelo caso, diz que a abordagem da polícia e dos …

Itália quer mudar sede da final da Liga dos Campeões

A Itália quer que a final da Liga dos Campeões deste ano, marcada para o Estádio Olímpico Atatürk Olympic, mude de sede. Os últimos dias não têm sido fáceis para a UEFA. Depois dos incidentes racistas …

CNN coloca broa portuguesa entre os 50 melhores pães do mundo

A propósito das celebrações do Dia Mundial do Pão, que se celebra esta quarta-feira, a CNN fez uma lista com os 50 melhores pães do mundo e um deles é a broa portuguesa. A broa conhecida …

CP lança nova campanha: Lisboa-Porto por cinco euros e mais descontos até 80%

Há 10.300 bilhetes a custos muito reduzidos, anunciou a CP – Comboios de Portugal esta terça-feira. A nova campanha garante viagens nos comboios de longo curso Alfa Pendular e Intercidades “com 80% de desconto”, abrangendo …

"Níveis recorde". Glaciares suíços perderam 10% do seu volume nos últimos cinco anos

Os glaciares suíços perderam 10% do volume nos últimos cinco anos, a maior redução em cem anos, alertou esta terça-feira a Academia Suíça das Ciências. A Academia baseia-se nas medições feitas pelos peritos do painel intergovernamental …