Cientistas refutam lei que explicava distribuição de estrelas

ESO

Um grupo internacional de cientistas refutou a lei de astrofísica que data de 1955 e explica que a distribuição de estrelas em função da sua massa depende do lugar onde se formam.

Até agora, acreditava-se que a distribuição dos astros em função da sua massa estava determinada pelo lugar onde os mesmos se tinham formado, segundo uma lei astrofísica formulada em 1955 pelo astrofísico Edwin Salpeter.

No entanto, uma equipa coordenada pelo Centro Nacional de Pesquisa Científica (CNRS) de França desmontou essa teoria, mas, por enquanto, sem formular uma nova sobre a distribuição dos astros.

“A mesma coisa foi observada tantas vezes que levou a crer que se tratava de uma verdadeira lei”, explicou à Agência EFE Frédérique Motte, do CNRS, que acrescentou que, na realidade, “a distribuição não depende do lugar onde a estrela se forma”.

Motte afirmou que a descoberta publicada esta segunda-feira na revista Nature Astronomy terá “desdobramentos importantes“, já que a distribuição das estrelas “é um dos parâmetros fundamentais na astrofísica”.

Para chegar aos resultados, a equipa de cientistas analisou uma região distante de nossa galáxia conhecida como W43-MM1, na qual existe uma forte atividade de formação de estrelas.

Segundo Motte, esta descoberta foi possível graças às novas técnicas que permitem realizar observações cada vez mais distantes, como as que oferece o observatório ALMA, situado em pleno deserto do Atacama, no norte do Chile.

Antes desse estudo, as conclusões eram baseadas em observações de nuvens moleculares “muito próximas” de nosso sistema solar que eram “pouco representativas da diversidade de nuvens da galáxia”, esclareceu o CNRS em comunicado.

// EFE

PARTILHAR

RESPONDER

“As pessoas são mortas na mesquita, na rua e no trabalho". Em Cabul, reina o medo

Os assassínios seletivos de jornalistas, políticos e defensores dos direitos humanos são cada vez mais frequentes no país, com Cabul e várias províncias a registarem um aumento da violência nos últimos meses. O medo está …

"Fiquem em casa". Enfermeiros deixam "grito de alerta desesperado" aos portugueses

A Ordem dos Enfermeiros lançou esta sexta-feira uma campanha de sensibilização a apelar aos portugueses para ficarem em casa, afirmando que é “um grito de alerta desesperado face à situação de catástrofe que se vive …

Senado francês aprovou lei que protege os sons e cheiros do campo

O Senado francês aprovou a lei, esta quinta-feira, que protege o "património sensorial" das áreas rurais do país, depois de várias queixas sobre os ruídos e cheiros típicos do campo. De acordo com o canal televisivo …

Identificado em Portugal o primeiro caso da variante da África do Sul

O primeiro caso de covid-19 associado à variante genética da África do Sul foi identificado esta sexta-feira em Portugal pelo Instituto Nacional de Saúde Ricardo Jorge (INSA), adiantou à agência Lusa a instituição. O caso identificado …

Está a nascer o primeiro comboio português a hidrogénio (e vai substituir o Vouguinha)

Já arrancou o projecto para o desenvolvimento do primeiro comboio português a hidrogénio. A iniciativa visa transformar as automotoras a gasóleo que circulam na Linha do Vouga - o comboio chamado Vouguinha - por células …

Guardiola diz que Bernardo Silva "sempre foi importante" para City

O treinador Pep Guardiola disse esta sexta-feira que o português Bernardo Silva “está de volta” ao melhor nível e que “sempre foi importante" para o Manchester City, depois de ter "sentido" dificuldades na temporada passada. “Ele …

Fauci fala de "sentimento libertador" após saída de Trump da Casa Branca

O infeciologista Anthony Fauci, o principal rosto da Casa Branca no combate à pandemia de covid-19, admitiu um sentimento "libertador" após a saída da administração de Donald Trump e afirmou que poderá agora falar sobre …

Parlamento Europeu pede lei que reconheça como "fundamental" direito a desligar

O Parlamento Europeu (PE) pediu na quinta-feira à Comissão Europeia que proponha uma lei que reconheça o "direito a desligar" como sendo "fundamental", permitindo assim que "quem trabalhe por meios digitais desligue os aparelhos fora …

Portugal entra na lista da Alemanha de países de "alta incidência"

A Alemanha incluiu Portugal no grupo de mais de 20 países e territórios considerados de “alta incidência” da pandemia de covid-19. Neste grupo, além de Portugal, estão Albânia, Andorra, Bolívia, Bósnia, Egito, Espanha, Emirados Árabes Unidos, …

Hungria compra vacina russa apesar de não estar autorizada na UE

O Governo húngaro anunciou esta sexta-feira que chegou a acordo para comprar "grandes quantidades" da vacina russa contra a covid-19 Sputnik V, embora esta ainda não tenha sido autorizada pelas autoridades de saúde europeias. O ministro …