Quase metade da Terra e Marte terá desaparecido durante o nascimento

(cv) NASA 360

Segundo um novo estudo de investigadores da Universidade de Bristol, os embriões da Terra e de Marte eram tão quentes que a sua atmosfera – de silício e metais – se escapava constantemente para o espaço, fazendo com que os futuros planetas perdessem quase 40% de sua massa.

“Antes, sabíamos que o processo de formação dos planetas era muito tempestuoso, e que a Terra e outros planetas possuem uma composição química e isotópica incomparável a asteróides, mas não sabíamos que estas duas coisas estavam ligadas“, explica  Remco Hin, investigador da Universidade de Bristol, no Reino Unido.

“De certo, a colisão dos embriões dos planetas e a sua fuga para o espaço causaram grande impacto na composição da Terra e de Marte”, acrescenta.

Hoje em dia, os cientistas quase não têm dúvidas de que os planetas começam a nascer dentro de discos de gás, cheios de pequenas partículas de poeira e massas densas gasosas, e a sua formação é concluída depois de uma série de colisões entre planetesimais“embriões” de planetas do tamanho de Vesta ou Ceres – e asteróides.

Por outro lado, não ainda temos informação exacta acerca da aparência dos embriões desses planetas e como aconteciam as colisões entre eles. Alguns cientistas acreditam que os planetesimais se pareciam com esferas gigantescas ardentes de magma fundido, outros opinam que se pareciam mais com enormes bolas semilíquidas de detritos cósmicos.

Estas divergências, nota Hin no artigo publicado na revista Nature, em muitos aspetos estão ligadas ao facto de que até os mais antigos e “limpos” compostos de Marte, Terra e Lua diferem radicalmente da composição química e isotópica da matéria original do Sistema Solar, cujos fragmentos de vez em quando caem na Terra como asteróides.

Por enquanto, os astrónomos não podem explicar estas divergências, o que os impede de desvendar os principais “segredos” da formação da Terra e dos planetas fora do Sistema Solar.

A equipe de Hin e um grupo de cientistas da Oxford chegaram muito perto de encontrar resposta para esse enigma ao criar a primeira “simulação” computorizada detalhada do Sistema Solar original, que leva em consideração todos os processos físicos possíveis que influenciavam a formação e colisão dos planetas.

Os cálculos revelaram um efeito interessante, nunca antes imaginado. Foi descoberto que os embriões de planetas bastante pequenos, menores do que Marte, teriam uma atmosfera “instável” composta por vapor de silício, sódio, outros metais e substâncias químicas.

Essa atmosfera seria constantemente aquecida pela queda de outros corpos celestes em “embriões” semelhantes, perdendo-se no espaço incessantemente, pois a gravidade dos planetesimais seria demasiado fraca para reter uma atmosfera tão quente perto da sua superfície.

As leis físicas podem ser aplicadas a partir deste momento: quanto menor é a massa de um elemento ou seu isótopo, mais facilmente pode escapar da atmosfera do planeta. Sendo assim, magnésio, silício e outras substâncias bastante leves ter-se-ão perdido mais facilmente da atmosfera dos futuros planetas Terra e Marte.

Os astrónomos estimam que ambos os planetas possam ter perdido cerca de 40% da sua massa e tenham sido privados da maior parte das partículas volantes e isótopos leves – magnésio e outros metais – presentes em grande quantidade em asteróides e cometas.

De acordo com os cientistas, podem estar a ser formados neste momento planetas fora do Sistema Solar, e a observação da sua formação poderia ajudar a verificar se a teoria proposta é verdadeira ou não.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. O V/ texto começa com: “Os embriões da Terra e de Marte eram tão quentes que a sua atmosfera vaporosa – de silício e metais – era constantemente evaporada …”
    Era bom que quem escreveu saiba o que está a escrever.
    A atmosfera é matéria no estado gasoso e nunca “vaporoso”. E, o gás designa-se de vapor (nunca vaporoso), se resultar da evaporação de um líquido (…)

RESPONDER

Nicolas Bourbaki foi o maior matemático de sempre (mas nunca existiu)

Considerado como um dos maiores matemáticos de sempre, Nicolas Bourbaki não passava de um pseudónimo adotado por um grupo de grandes matemáticos, que revolucionou a matemática como a conhecemos. Nicolas Bourbaki está entre os maiores matemáticos …

No aquário do Tennessee, é uma enguia que acende as luzes da árvore de Natal

A enguia Miguel Wattson é a responsável pelo espírito natalício que se vive no Aquário do Tennessee, nos Estados Unidos. O Aquário do Tennessee, nos Estados Unidos, encontrou uma forma inusitada de celebrar esta época festiva: …

Há 34 anos, Diana dançou com Travolta. Agora, o seu vestido foi vendido por 261 mil euros

O vestido que a Princesa Diana usou para jantar na Casa Branca, em 1985, foi vendido por mais de 261 mil euros. O vestido azul que a Princesa Diana usou num jantar na Casa Branca, em …

Doentes crónicos com baixo nível de literacia em saúde recorrem mais às urgências

Os doentes crónicos e com um nível de literacia em saúde mais baixo utilizam mais vezes os serviços de urgência hospitalares e dos centros de saúde, bem como as consultas de medicina geral e familiar, …

Ártico viveu em 2019 o segundo ano mais quente em 119 anos

O Ártico viveu em 2019 o seu segundo ano mais quente desde 1900, de acordo com um relatório publicado na terça-feira, aumentando receios de degelo e aumento do nível da água. O Polo Norte está a …

Jardineiro encontra por acaso a obra mais procurada de Gustav Klimt. Estava no galeria onde foi roubada

Um funcionário da galeria de arte Ricci Oddi, na cidade italiana de Piacenza, encontrou por acaso a obra mais procurado do pintor austríaco Gustav Klimt. Estava na própria galeria, onde a obra terá sido roubada …

YouTube reforça políticas contra assédio online

O YouTube anunciou, esta quarta-feira, um conjunto de alterações às políticas que visam combater o assédio que existe na plataforma. O YouTube anunciou esta quarta-feira o reforço das suas políticas contra o assédio online, que preveem …

Deus bebé indiano vence caso em tribunal e reinvindica território sagrado

O Supremo Tribunal Indiano declarou Ram Lalla Virajman, um deus bebé, como o legítimo proprietário de Ayodhya, uma terra no norte da Índia considerada sagrada por muçulmanos e hindus. O tribunal decidiu que o Governo …

China usa comités partidários para manipular empresas estrangeiras

Em outubro, quando a Liga Norte-Americana de Basquetebol (NBA) tentou voltar atrás no apoio aos protestos em Hong Kong, foi criticada por se submeter ao regime autoritário da China. Mas são cada vez mais as …

Ângelo Rodrigues, Flamengo e Tinder. Os temas mais procurados pelos portugueses no Google

Ângelo Rodrigues, Flamengo, como saber onde votar, como funciona o Tinder e "Game of Thrones" estão entre os tópicos que os utilizadores portugueses do Google mais pesquisaram ao longo de 2019. Os dados são divulgados …