/

Desapareceram 50 pistolas Glock da PSP. Dois agentes suspensos

5

A PSP suspendeu de funções dois agentes e instaurou um inquérito ao armazenamento de armas da direção nacional após terem sido extraviadas 50 armas de nove milímetros, anunciou esta quinta-feira o Ministério da Administração Interna.

Fonte policial adiantou à agência Lusa que na sequência da apreensão de uma arma de fogo durante uma operação policial que decorreu no Porto há duas semanas, foi detetado que esta pertencia ao armazém de material de guerra da direção nacional da PSP.

Segundo a mesma fonte, foi feita uma contabilização do armamento e foi detetado o extravio de um lote de 50 armas de nove milímetros.

Os dois agentes diretamente responsáveis pelas armas foram suspensos de funções e a PSP já instaurou um inquérito para perceber as causas deste desaparecimento.

Segundo o Diário de Notícias, a possibilidade do extravio das armas estar ligado com uma eventual rede de tráfico internacional começa a ganhar mais força.

Escreve o jornal que, na semana passada, as autoridades espanholas comunicaram à PSP que tinham apreendido, numa operação policial, três pistolas Glock com a inscrição “Forças de Segurança”, a mesma gravada nas armas utilizadas pela PSP, GNR e SEF.

Caso seja confirmado a ligação a uma organização de tráfico de armas, a investigação poderá ter de ser alargada à Polícia Judiciária, adianta o DN.

  ZAP // Lusa

5 Comments

  1. O Triste da notícia é que os agentes estão suspensos
    A notícia deveria ser que os agentes apanharam 3 vidas de cadeia efetiva sem recurso
    A suspensão é o mesmo que dizer aos outros para fazerem o mesmo, pois o castigo é apenas uma suspensão

  2. E tudo isto se passou enquanto a mumia escrevia um elogio de 600 páginas ao sócrates menosprezando o passas que curtia uma de relvas. será que andam a tramar um golpe de estado?

  3. Por cada arma que falta deveria ser um ano para o(s) agente(s) responsável(is) pelo desaparecimento das mesmas, isto se nada de grave acontecer em que uma delas esteja envolvida, ou seja, se algum inocente morrer ao levar um tiro com uma dessas Glock a pena passaria automaticamente para prisão perpétua com trabalhos forçados (sim porque não é justo que sejam os contribuintes a sustentar esse lixo, que trabalhem pra comer e pagar as despesas de estarem presos).

  4. auditoria aos paios de todas as forças armadas , para ficar a saber quanto armanento pago pelos contribuintes anda indevidamente a ser usado

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.