Professores “desenrolam” queixas em frente do parlamento (e pedem saída do ministro)

Rui Farinha / Lusa

Dirigentes da Federação Nacional dos Professores (Fenprof) colocaram esta quinta-feira grandes faixas com reivindicações junto da Assembleia da República e criticaram o ministro da Educação, que tem que “ir embora”.

“Quem não sabe ter uma atitude democrática só tem um caminho, é sair, ir embora, dar lugar a quem saiba fazer melhor, coisa que este ministro já provou não ser capaz”, disse o secretário-geral da Fenprof, Mário Nogueira, ao dirigir-se aos dirigentes, delegados e ativistas da organização sindical.

Aos jornalistas o responsável explicou depois porque defendeu a saída do ministro Tiago Brandão Rodrigues, afirmando que o governante tem falta de “capacidade de diálogo e de negociação”.

“O que se espera de qualquer governante é que seja capaz de ouvir, tenha condições e capacidade para negociar o que é negociável. Por exemplo, as questões de segurança e saúde no trabalho são matéria de negociação obrigatória. E relativamente àquelas que são hoje as insuficientes condições nas escolas nada foi discutido com as organizações sindicais, e nada foi negociado também relativamente as questões orçamentais, nomeadamente quais é que deviam ou não ser contempladas” no Orçamento do Estado, lamentou.

Ao contrário, disse, o ministro da Educação teve uma única reunião com as organizações sindicais para lhes dizer que se continuassem a insistir em temas como a recomposição da carreira, recuperação do tempo de serviço, combate à precariedade ou aposentação “estavam a ir para becos sem saída”.

No discurso que fez, mas depois também aos jornalistas referiu declarações que Tiago Brandão Rodrigues subscreveu em reuniões internacionais, de apelos ao diálogo social ou de reforço do investimento na educação, que deve valer quatro a seis por cento do Produto Interno Bruto e no mínimo 15 a 20% da despesa pública, e que o mesmo Tiago Brandão Rodrigues é responsável por um Orçamento para a educação de 3,2% de financiamento público.

“Ou o ministro é capaz de dar respostas aos problemas da educação ou deve dar lugar a quem seja capaz de o fazer”, afirmou.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Mário Nogueira já a ministro da educação, e o que muda se o ministro sair? O Mário Nogueira que explique nunca a saída de um ministro mudou fosse o que fosse apenas muda o ocupante da cadeira, sempre fui e continuo a ser contra demissão de membros do governo de este ou de outro

RESPONDER

Parque de esculturas subaquático vai ser inaugurado em Miami

Miami vai servir de casa para um novo parque de esculturas subaquático como nunca viu. O ReefLine é projetado para servir como um recife artificial e vai estar disponível a receber visitantes em dezembro de …

Da "política do filho único" a incentivos à natalidade: como a China tem mudado a sua estratégia populacional

A China está a planear incluir novas medidas para estimular a taxa de natalidade do país e lidar com o rápido envelhecimento da população. A estratégia passa pelo “plano de cinco anos” que deverá estar …

Vacinação será “grande prioridade” de presidência portuguesa da UE

O primeiro-ministro português, António Costa, referiu hoje que a vacinação contra a covid-19 deverá ser uma das “grandes prioridades” da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (UE), após um encontro com o presidente do …

No Cambodja, os aldeões usam "espantalhos mágicos" para afastar a covid-19

Os aldeões do Cambodja têm evitado a pandemia de covid-19 sem máscaras nem distanciamento social, mas sim com "espantalhos mágicos" que espantam o vírus mortal. Os dois espantalhos de Ek Chan, um aldeão de 64 anos, …

O Arecibo desabou. É o fim de uma era à procura de vida extraterrestre

O Observatório de Arecibo, em Porto Rico, morreu. Três semanas depois de um dos principais cabos de sustentação da sua cúpula ter desabado, danificado irremediavelmente o radiotelescópio, o icónico caçador de vida extraterrestre antecipou-se à …

O maior elevador panorâmico do mundo tem vista para os cenários de Avatar

Com o recente lançamento de fotografias subaquáticas dos bastidores do Avatar 2 e a notícia de que Avatar 3 está quase a terminar as filmagens, não há melhor momento para revisitar o parque nacional que …

Pandemia tirou comida da mesa, mas deu asas a startup que transforma plástico do mar em máscaras

A startup portuguesa Skizo transformou a pandemia numa oportunidade de crescimento. Quando faltava comida nalgumas mesas, a empresa de produção de sapatilhas e bolsas passou a fazer máscaras a partir de plástico retirado dos oceanos …

Na Irlanda, o Pai Natal é considerado um "trabalhador essencial"

A Irlanda fez esta semana um anúncio especialmente dedicado às crianças, afirmando que o Pai Natal é considerado um trabalhador essencial no país e, por isso, não terá as suas deslocações restringidas no período natalício. …

Mais 2400 novos casos. Portugal ultrapassa os 300 mil desde o início da pandemia

Portugal ultrapassou hoje a barreira dos 300 mil casos de covid-19 desde o início da pandemia no país, em março, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Portugal registou mais 2.401 novos casos, tendo passado a contabilizar …

Medidas para o Natal conhecidas no sábado. Passagem de ano com todas as restrições

O primeiro-ministro, António Costa, adiantou hoje que no sábado anunciará as medidas para o Natal “com as melhores condições possíveis”, mas avisou desde já que “a passagem do ano vai ter todas as restrições”. “O Governo …