Privacidade na Internet estará reservada apenas à elite em 2025

Duas instituições de investigação dos Estados Unidos preveem que, dentro de uma década, a privacidade na Internet seja algo reservado “apenas à elite”.

Num documento a propósito do 25º aniversário da World Wide Web, que se assinala hoje, especialistas do Centro de Investigação Pew e da Universidade Elon, em colaboração com especialistas em tecnologias, traçaram quinze cenários sobre o futuro da Internet.

Segundo uma das teses apresentadas, os utilizadores vão continuar a “privilegiar as vantagens” do imediatismo “sobre a privacidade”.

Robert Cannon, um dos especialistas ouvidos para a elaboração do documento, afirma que “as oportunidades da Internet são tremendas”, mas também corremos o risco de nos tornarmos “um Admirável Mundo Novo onde o governo (ou o poder corporativo) sabe tudo sobre todos em todo o lado e todos os passos podem ser previstos, e a sociedade é controlada pela elite que controla a tecnologia”.

A pesquisa conclui também que a troca de informação através da Internet estará “tão integrado na vida diária” em 2025 que se fará de forma “invisível, fluindo como a eletricidade”. Estas relações em rede poderão, porém, traduzir-se num aumento da desigualdade e provocar “ressentimento e eventual violência”, alertam.

“A natureza humana não está a mudar: há apatia, intimidação, assédio, estupidez, pornografia, truques sujos e crimes, e aqueles que os praticam têm uma nova capacidade para tornar miserável a vida dos demais”, realçam.

Os investigadores do Pew e da Elon antecipam que as organizações atuais possam não conseguir responder suficientemente rápido aos desafios colocados pela complexidade da rede global.

Internet também é sinónimo de esperança

Mas há teses mais otimistas, como a que refere a “esperança” da Internet, que promoverá mais “relações à escala planetária” e aumentará as oportunidades de educação, resultando em “menos ignorância”.

A 12 de março de 1989, o físico Tim Berners Lee, da Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear (CERN), publicou um artigo científico no qual propunha um novo sistema de gestão da informação e de partilha de informação entre computadores, difundindo o código para o fazer, gratuitamente, um ano depois.

Com o tempo, o sistema passou a ser conhecido como World Wide Web e converteu-se na ferramenta utilizada diariamente por milhões de pessoas em todo o mundo.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Marcelo pede tolerância zero contra o racismo (e pede “sentido nacional” a Governo e oposição)

O Presidente da República recomendou esta quinta-feira aos democratas “tolerância zero” e “sensatez” para combater o racismo, ao comentar as ameaças de que foram alvo três deputadas e outros sete ativistas. “Os democratas devem ser muito …

43% das escolas no mundo sem condições de higiene para reabertura segura

Mais de 40% das escolas no mundo não têm acesso a condições básicas de higiene, como água para lavar as mãos e sabão, aumentando os riscos de reabertura no contexto da pandemia de covid-19, alertam …

Mais seis mortes, 325 novos casos e 237 recuperados

Portugal regista esta quinta-fira mais seis mortes por covid-19, 325 novos casos de infeção e mais 237 pessoas dadas como recuperadas em relação a quarta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo …

"Filme fantástico". Novo livro revela cartas entre Kim Jong-un e Donald Trump

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, qualificou o seu relacionamento com o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, como um “filme fantástico”, segundo os editores de um livro a ser publicado, que revela a correspondência entre …

Grupo avisa Bruxelas que Portugal pode tornar-se ilha ferroviária na Europa

Um grupo de portugueses ligados ao setor ferroviário alertou a comissária europeia dos Transportes para a possibilidade de Portugal se tornar uma ilha ferroviária na Europa devido ao atraso em adotar "a bitola europeia" nas …

China encontra traços do coronavírus em asas de frango importadas do Brasil

Traços do novo coronavírus foram encontrados em asas de frango importadas do Brasil, na cidade de Shenzhen, no sul da China, noticiou, esta quinta-feira, um jornal oficial do Partido Comunista Chinês (PCC). Os traços foram detetados …

Denúncia de Rui Pinto leva a congelamento de conta bancária da Doyen

Oito milhões de euros que estavam numa conta bancária do fundo de investimento Doyen foram congelados pelas autoridades portuguesas. Uma denúncia do whistleblower português Rui Pinto levou o fundo a ser investigado por suspeitas de fraude …

Preocupado com a Bielorrúsia, Macron ligou a Putin (e aproveitaram para falar da vacina russa)

O Presidente francês, Emmanuel Macron, manifestou esta quarta-feira ao seu homólogo russo, Vladimir Putin, "uma preocupação muito grande" quanto à situação na Bielorrússia após a reeleição do chefe de Estado autoritário bielorrusso, Alexander Lukashenko. Segundo indicou …

Obras do Hospital Militar de Belém custaram mais do triplo do valor estimado

As obras no Hospital Militar de Belém, em Lisboa, custaram mais do valor inicialmente estimado, avançou o Diário de Notícias esta quarta-feira. De acordo com o jornal, estava inicialmente previsto que a reabilitação de três …

Autópsia a Valentina revela descolamento do crânio

A autópsia a Valentina, a menina de 9 anos encontrada morta na serra D’el Rei, em Peniche, distrito de Leiria, em meados de maio, revela descolamento do crânio, avança esta quinta-feira o Correio da Manhã. …