Estudo dá detalhes sobre o primeiro microssegundo do Big Bang

Uma equipa de cientistas da Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, estudou uma substância chamada plasma quark-gluão e revelou novos detalhes sobre os primeiros momentos do Big Bang.

Há 14 mil milhões de anos, no primeiro microssegundo do Big Bang, o plasma quark-gluão (PQG) era a única matéria que existia no Universo. Esta investigação “conta uma história única de como o plasma evoluiu”, explicou You Zhou, em comunicado.

A substância, que consistia em quarks e gluões, foi separada pela expansão quente do Universo. Depois, os pedaços de quark transformaram-se nos chamados hadrões.

“Um hadrão com três quarks forma um protão, que faz parte dos núcleos atómicos que são, por sua vez, os blocos de construção que constituem a Terra, nós mesmos e o Universo que nos rodeia”, explicou o investigador, citado pelo Interesting Engineering.

A equipa usou o Grande Colisionador de Hadrões, no CERN, para recriar a pequena janela temporal em que todo o Universo ainda era relativamente compacto e concentrado.

Durante o primeiro microssegundo (0,000001 de segundo) do Big Bang, o plasma quark-gluão ainda estava presente, antes de desaparecer na sequência da rápida expansão do Universo, descobriram os cientistas.

Os resultados das simulações mostram que “o plasma quark-gluão costumava ser uma forma líquida fluida e que se diferencia de outras matérias por mudar constantemente de forma ao longo do tempo”, explicou You Zhou, autor do artigo científico publicado na Physics Letters B.

A descoberta de que esta substância era fluida e tinha uma textura lisa semelhante à da água vai contra a crença de que o plasma era uma forma de gás. “Os novos detalhes mostram que o plasma mudou de forma ao longo do tempo, o que é bastante surpreendente.”

O Big Bang é a principal teoria sobre a origem cosmológica. O Universo começou com uma enorme explosão, que concentrava toda a matéria existente, há cerca de 14 mil milhões de anos. Ao longo do tempo, terá passado por diversas fases de arrefecimento, reaquecimento e expansão, até tomar a forma atual.

Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Se aceitarmos a teoria do Big Bang, torna-se demasiado óbvio que ocorreu a explosão do buraco negro universal que é tudo o que existe agora disseminado no espaço-tempo. É curioso o plasma ser uma mistura de quarks com partículas mensageiras portadoras de força nuclear forte. Quando tudo esteve comprimido com a máxima força possível, a matéria devia estar reduzida a partículas verdadeiramente elementares, ou seja, os quarks têm forçosamente de ter estrutura interna, são compostos por outras partículas, essas sim as verdadeiramente elementares ou sem estrutura interna. Talvez jamais sejam detetadas ou descobertas, pois as condições para o fazer só seria possível numa situação de singularidade, e nós não podemos entrar nela.

RESPONDER

O Projeto Galileu quer provar a existência de aliens através da tecnologia deixada para trás

Investigadores vão centrar o seu trabalho na procura de objetos físicos associados a equipamento tecnológico extraterrestre, em oposição às pesquisas anteriores que se focaram em sinais eletromagnéticos. Um grupo de investigadores de Universidade de Harvard está …

O tesouro dos Templários pode estar escondido debaixo de uma casa em Inglaterra

Um historiador inglês alega que um edifício histórico em Burton, em Inglaterra, é onde está escondido o lendário tesouro dos Templários. Existem várias lendas sobre um tesouro que alguns templários conseguiram esconder do rei francês Filipe …

O núcleo interno da Terra está a crescer mais de um lado do que do outro

O núcleo interno da Terra está a crescer mais de um lado do que do outro. No entanto, isto não quer dizer que o nosso planeta esteja a ficar inclinado. Mais de 5.000 quilómetros abaixo de …

Incêndios devastam sul da Europa e obrigam a retirar moradores e turistas

Dezenas de aldeias e hotéis foram este domingo evacuados nas zonas turísticas do sul da Turquia devido a incêndios que começaram há cinco dias e já mataram oito pessoas no país, devastando também regiões da …

Há uma empresa a transformar as cinzas de entes queridos em diamantes

Uma empresa norte-americana transforma cinzas de entes queridos — e animais de estimação — em diamantes, que podem ser colocados em anéis ou colares. Lidar com a morte de um ente querido é sempre uma altura …

Pianista de aeroporto ganhou 60 mil dólares em gorjetas

Tonee "Valentine" Carter, que toca piano num aeroporto norte-americano, ganhou 60 mil dólares (cerca de 50.800 mil euros) depois de um estranho partilhar um vídeo seu a tocar. Tonee "Valentine" Carter, de 66 anos, não é …

Youtubers denunciam campanha de fake news contra vacina da Pfizer

De acordo com a imprensa brasileira, uma agência de marketing terá tentado que influenciadores digitais de todo o mundo partilhassem desinformação sobre as vacinas contra a covid-19. A denúncia foi feita por alguns dos influenciadores …

Na Tailândia, a legalização do aborto enfrenta "resistência espiritual"

Desde fevereiro, qualquer pessoa que procure fazer um aborto na Tailândia consegue fazê-lo legalmente, pelo menos no primeiro trimestre. Ainda assim, muitos médicos e enfermeiros recusam-se a levar a cabo o procedimento. A advogada Supecha Baotip …

Haiti. Viúva do presidente assassinado implica seguranças no crime

Martine Moise, a viúva do presidente haitiano Jovenel Moise — assassinado na sua residência por um comando armado no início de julho — descreveu abertamente o ataque e partilhou as suas suspeitas sobre o crime …

Covid-19. Portugal regista 2.306 novos casos e aumento nos internados

Portugal registou este domingo 2.306 novos casos de infeção por covid-19 e mais oito mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).  Portugal regista este domingo oito mortes atribuídas à covid-19, 2.306 novos casos …