Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos entre estes pássaros, a verdade é que nós também podemos ser os culpados.

De acordo com o IFLSCience, que cita um estudo publicado na Biological Conservation, muitos deles ficam com cabelos e fios enrolados nos dedos, que lhes cortam a circulação e resultam em necrose e na eventual perda do membro.

Para iniciar a investigação, a equipa de investigadores andou pelas ruas de Paris, em França, onde categorizou 46 locais com base em tipos de habitat como, por exemplo, densidade de pessoas, folhagem e prédios próximos.

Os cientistas encontraram 30 pombas com dedos mutilados, entre abril e maio de 2013, anotando o estado dos danos em cada um deles. Também registaram a cor dos pássaros devido à ligação entre a coloração e a resposta imune celular.

Na sua amostra, um em cada cinco pombos adultos foi mutilado. A equipa não encontrou correlação entre deformidades nas patas e doença e, quando uma pata estava ferida, a outra não tinha mais probabilidade de ser magoada do que o normal.

Em vez disso, a equipa descobriu que “a mutilação dos dedos em pombos urbanos ocorre em áreas onde a poluição é alta, identificada aqui como poluição atmosférica e sonora, e que a mutilação é mais numerosa quando os habitantes humanos são mais numerosos”.

Os cientistas sugerem que a poluição do ar não é a causa direta, mas sim uma aproximação para quantas pessoas estão numa determinada área. Também observaram um aumento nas lesões nos dedos com a maior densidade de fios e cabelos no chão, como é o caso de zonas com cabeleireiros.

“Isto também acontece com outras aves urbanas”, afirma Frédéric Jiguet, investigador do Museu Nacional de História Natural (MNHN) e autor do estudo, acrescentando que ainda recentemente libertou um corvo com fios de plástico nos dedos.

“Os seres humanos costumam acusar os pombos de serem animais sujos, com doenças, mas a verdade é que são mutiladas porque vivem na sua sujidade. Na verdade, são vítimas da poluição humana. Sofrem muito mais com a nossa poluição do que nós com a sua presença”, acusa.

Outras hipóteses propostas anteriormente para este problema incluem infeções nas patas por andarem em cima dos seus excrementos, infeções provocadas pela bactéria Staphylococcus, lesões por impedimentos químicos ou físicos (como fios em edifícios) e deformidades hereditárias.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Em Portugal, principalmente nas cidades de Porto e Lisboa, já é altura de se criar e colocar em prática um plano para acabar com a praga dos pombos que são um perigo para a saúde pública, sujam e poluem o espaço urbano, são portadores de vírus e parasitas extremamente nefastos para o Ser-Humano, e promovem deterioração de monumentos e edifícios.

    É também importante que seja proibido alimentar os pombos e outras aves, devendo as autoridades efectuar o controle dessa prática mal-intencionada e aplicar pesadas multas a quem não cumprir com a lei.

RESPONDER

Portugal duplica capacidade de ventilação. Oito profissionais de saúde nos cuidados intensivos

O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, anunciou esta quinta-feira a duplicação dos equipamentos de ventilação e garantiu uma distribuição equilibrada dos testes de despistagem. “Entre ofertas, compras e empréstimos, estaremos em condições de duplicar …

Coreia do Norte reitera que não tem infetados. Coreia do Sul desconfia

A Coreia do Norte reafirmou que não regista nenhum caso de coronavírus (covid-19), numa declaração feita por um alto responsável pelo setor da Saúde de Pyongyang citado esta quinta-feira pela Agência France Presse. A Coreia do …

Ovar já tem linha telefónica própria para retirar pressão à Saúde 24

A Linha de Apoio Covid Ovar vai garantir assistência atempada à comunidade de 55.400 habitantes do concelho e é exclusiva para utentes que suspeitem ter sintomas do novo coronavírus. O Município de Ovar ativa, esta quinta-feira, …

Durão Barroso defende coronabonds (mas a prioridade é outra)

Em entrevista à SIC Notícias, Durão Barroso concordou com a criação dos ​​​​​​​coronabonds, mas defendeu que a prioridade é resolver "a crise humanitária". Durão Barroso considerou, em entrevista à SIC Notícias, que as instituições europeias têm …

Do empréstimo milionário à nacionalização. As soluções da TAP para resistir à crise

A TAP está a enfrentar uma das suas piores crises, face à pandemia de covid-19, e há várias soluções em cima da mesa, desde um empréstimo com aval do Estado à nacionalização da empresa. Para fazer …

"Matem-nos". Presidente das Filipinas autoriza disparos contra quem violar quarentena

O Presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, ordenou aos agentes da polícia e aos militares que disparem sobre qualquer pessoa que esteja a causar "problemas" durante o isolamento obrigatório, decretado devido à da pandemia de Covid-19. De …

Há mais de nove mil casos de covid-19 em Portugal. Número de recuperados sobe para 68

Um mês desde o primeiro teste positivo confirmado do novo coronavírus no país, Portugal tem um total de 9.034 casos confirmados de Covid-19, segundo o Relatório da Direção Geral da Saúde sobre a situação epidemiológica …

Ramalho Eanes: "Nós, os velhos, se for necessário oferecemos o nosso ventilador"

O antigo Presidente da República apelou aos mais "velhos", como ele, para darem o exemplo neste combate ao coronavírus, caso Portugal passe por uma situação semelhante à de Itália ou Espanha. Em entrevista à RTP, o …

"Profundamente preocupados". 13 países enviam recado a Viktor Orbán

Portugal e mais 12 países, entre os quais França, Bélgica e Espanha, garantiram, numa declarações conjunta, que apoiam a iniciativa da Comissão Europeia para verificar se as medidas de emergência implementadas respeitam os valores europeus. Os …

Da gripezinha ao "problema mundial". Bolsonaro fala com Trump e anuncia mais medidas

Jair Bolsonaro mudou de tom. Esta quarta-feira, o Presidente brasileiro anunciou um novo pacote financeiro de apoio a medidas para "manutenção de empregos", uma das suas maiores preocupações diante da pandemia de covid-19. O Presidente brasileiro, …