Política do governo foi sempre de “ter, sofrer e superar” apenas um resgate

Rodrigo Gatinho / portugal.gov.pt

-

A política do Governo português foi sempre “ter, sofrer e superar” apenas um resgate e de evitar a dependência dos credores após 17 de maio, porque esse cenário deixaria o país “sem liberdade e autonomia”, disse hoje Paulo Portas.

“Quando começas a falar do segundo resgate, uns meses depois começas a falar do terceiro. O calendário português para sair do programa termina a 17 de maio: um só resgate, um só empréstimo e um só calendário”, disse o vice-primeiro-ministro português, em declarações aos jornalistas em Madrid.

Como exemplo do “vexatório” que tem sido estar resgatado, Paulo Portas referiu-se ao facto de o Governo não poder, sem autorização da troika, avançar com a reforma do imposto das sociedades, que garantiu, começará este ano, e do IRS, que espera que possa arrancar em 2015.

“Não podemos baixar impostos sem consentimento da missão externa. Podem compreender como é vexatório, especialmente para a mais velha nação de fronteiras estáveis da Europa, ter que discutir com os seus credores, até o detalhe, sobre se se pode ou não fazer uma redução de impostos para a competitividade económica”, declarou.

Paulo Portas falava em Madrid no Fórum Europa, uma iniciativa de debates informativos promovida pelo Nueva Economia Fórum, durante a qual considerou que os últimos anos de “dependência dos credores” fez Portugal “sofrer como pais”.

Fatura da Sorte veio para ficar

Paulo Portas garantiu hoje que o Governo não vai recuar na “fatura da sorte” e insistiu que é uma medida de incentivo que “convida” de forma “simpática” as pessoas a participar na economia formal.

“Não vamos fazer marcha atrás”, disse Portas, questionado sobre esta questão no Fórum Europa.  “Isso de fazer concorrência ilegal aos do sistema formal não é um sistema tributário justo. Os que podem fugir fogem, mas os que têm que pagar pagam sempre”, afirmou.

O vice-primeiro-ministro considerou que em Portugal “não era tradição pedir factura” e que as medidas planeadas pelo Governo “têm obrigações por um lado e incentivos por outro”.

“O sorteio é uma das possibilidades de dar incentivo. Sorteiam-se as facturas que antes não se pediam. Convidar as pessoas de forma simpática a fazerem o que têm que fazer de forma obrigatória”, afirmou, acrescentando com humor: “Eu tomo muitos cafés, demasiados. Cada vez que o faço eu vou com o NIF e peço às pessoas a factura. Para baixar impostos”, afirmou.

Portas optimista quer menos burocracia

O vice-primeiro-ministro Paulo Portas saudou também o programa Simplex, do anterior Governo socialista, afirmando que chegou a hora de um “Simplex 2 para facilitar as relações entre as empresas e as administrações”. “São demasiadas as entidades decisivas num simples procedimento ou processo de investimento. São demasiadas as opiniões que se paralisam mutuamente”, afirmou Portas.

Entre outros exemplos de setores a reformar no Estado, Paulo Portas defendeu “uma cooperação prática entre as diferentes secretarias-gerais” dos vários ministérios, não para “fundir entidades”, mas para procurar “uma concentração de funções quando são parecidas”, como é o caso de pagamentos.

Num discurso em que se referiu aos avanços nos indicadores económicos durante o último ano – desde que interveio no mesmo encontro em Madrid -, o vice-primeiro-ministro afirmou que 2014 será “o primeiro ano de crescimento completo” e o “primeiro para além da troika”.

Reforma do Estado analisada em Espanha

Portas aplaudiu a decisão do anterior Governo socialista espanhol de introduzir a regra de ouro sobre finanças públicas na Constituição, que, em sua opinião, “ajudou Espanha a evitar um resgate geral” e “aumentou a confiança no momento mais crítico”.

Portas tinha participado na última vez no Fórum Europa em fevereiro do ano passado, tendo analisado, entre outras questões, a situação económica na Europa e em Portugal, afirmando agora que desde aí a situação portuguesa mudou.

O vice-primeiro-ministro participa ainda hoje em Madrid num encontro promovido pelo Governo espanhol com representantes de seis executivos europeus, para analisar a agenda da reforma do Estado. Esse encontro será inaugurado pela vice-presidente do executivo espanhol, Soraya Saénz de Santamaría, e encerrado pelo presidente do Governo, Mariano Rajoy.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ljubomir Stanisic rescindiu contrato “de forma unilateral” com a TVI

A caminho da SIC, o apresentador rescindiu o contrato com a estação de Queluz, avança a TVI. Ljubomir Stanisic tinha contrato até dezembro de 2020. “O Chef Ljubomir Stanisic rescindiu hoje [esta sexta-feira], unilateralmente, o contrato …

Netflix tem uma nova funcionalidade. Os cegos e os surdos agradecem

A nova funcionalidade da Netflix permite alterar a velocidade de reprodução dos seus filmes e séries. Esta é uma novidade bem recebida por espetadores cegos e surdos. A Netflix tem uma nova funcionalidade que permite que …

Cientistas transformam tijolos em dispositivos de armazenamento de eletricidade

Uma equipa de investigadores descobriu como converter o pigmento vermelho dos tijolos num plástico condutor de eletricidade. Esse processo permitiu transformar os tijolos em dispositivos de armazenamento de eletricidade. Esses supercapacitores de tijolo podem ser …

Primeiro Museu do Godzilla abre no Japão (e os visitantes podem entrar na boca do monstro)

O primeiro Museu do Godzilla do mundo está agora aberto no Japão e tem uma estátua enorme do icónico monstro, em cuja boca se pode entrar de slide. De acordo com a Newsweek, atualmente, os visitantes …

Hubble faz a primeira observação de um eclipse lunar total

Tirando vantagem de um eclipse lunar total, astrónomos usaram o Telescópio Espacial Hubble da NASA/ESA para detetar ozono na atmosfera da Terra. Este método serve como um substituto de como vão observar planetas semelhantes à Terra …

Biden tem 71% de probabilidade de vencer as eleições contra Trump

Joe Biden, candidato democrata à Casa Branca, tem 71% de probabilidade de vencer as eleições presidenciais norte-americanas frente a Donald Trump, o atual Presidente dos Estados Unidos, aponta uma nova sondagem. A pesquisa de opinião, levada …

Barcelona 2-8 Bayern | Atropelamento histórico na Champions

Noite histórica no Estádio da Luz. Em jogo dos quartos-de-final da Liga dos Campeões, o Bayern goleou o Barcelona por impensáveis 8-2 – com 4-1 em cada uma das metades. Um resultado que se tornou …

Depois das sementes, norte-americanos recebem máscaras, óculos de sol e até meias sujas da China

Vários residentes da Flórida, nos Estados Unidos, receberam pacotes misteriosos da China pelo correio que não tinham encomendado. Desta vez não eram sementes, mas sim máscaras cirúrgicas, óculos de sol e até meias sujas. Em declarações …

Imposto sobre refrigerantes reduziu o seu consumo

O imposto especial sobre as bebidas com maior teor de açúcar levou mais de 40% dos inquiridos num estudo da Universidade Católica esta sexta-feira divulgado a reduzir o seu consumo, comportamento que adotariam também com …

Uma só teoria da conspiração sobre a covid-19 matou 800 pessoas. 60 ficaram totalmente cegas

Pelo menos 800 pessoas morreram e 60 ficaram cegas na sequência de uma teoria da conspiração sobre a covid-19, concluiu um novo estudo. A investigação, cujos resultados foram esta semana publicados na revista científica American Journal …