Astrónomos suspeitam de que há um tesouro escondido sob a superfície da Lua

Uma equipa de cientistas dos Estados Unidos e do Canadá suspeitam que haja um tesouro escondido nas profundezas da Lua.

Mineração de riquezas é a última coisa que está na mente dos astrónomos. Porém, saber mais sobre a química lunar poderá resolver um conflito sobre a aparente falta de elementos preciosos que se pensa formar o manto da Lua.

Desde sempre que olhamos para metade da face da Lua. Contudo, só recebemos as primeiras pistas reais sobre o que está por baixo da sua superfície quando os astronautas trouxeram para a Terra várias centenas de quilos de material lunar cerca há 50 anos.

“Temos um total geral de 400 quilos de amostras que foram trazidos de volta pelas missões Apollo. É uma quantidade muito pequena de material”, disse James Brenan, da Universidade Dalhousie, no Canadá, em comunicado publicado pela Phys. “Para descobrir algo sobre o interior da Lua, precisamos de reverter a composição das lavas que vêm à superfície.”

Retro-engenharia em basaltos trazidos de volta das missões Apollo 15 e 17 foi usada em 2007 para estimar a quantidade de elementos siderófilos que compõem o manto da Lua. Uma boa proporção deve ter sido proveniente de uma chuva de materiais de construção que sobraram à medida que o Sistema Solar terminou a sua fase de construção, por isso é um indicador útil do tipo de ataque que a Lua sofreu logo após a sua formação.

Estranhamente, as medições eram dez a 100 vezes menores que o esperado. Mesmo depois de aplicar modelos ajustando a maneira como os impactos dos meteoritos podem corroer a Lua, em vez de contribuir para a sua massa, os números nunca fizeram muito sentido, deixando muito espaço para perguntas.

Parte do problema pode estar na forma como os investigadores geralmente começam com a suposição de que a geoquímica da Lua é mais ou menos a mesma que a nossa. Não é exatamente uma suposição irracional, dadas as teorias amplamente sugeridas, sugerindo que a Lua foi feita a partir da própria carne e ossos do nosso planeta.

Mas, apesar de todas as semelhanças, existem diferenças. Assim, a equipa de cientistas combinou os resultados de experiências sobre a solubilidade do enxofre com modelos sobre pressão e termodinâmica do magma de arrefecimento para determinar um conjunto mais preciso de restrições à composição do manto lunar.

Os investigadores descobriram, de acordo com o estudo publicado em agosto na revista especializada Nature Geoscience, que a existência desses elementos siderófilos ausentes era mais do que provável – simplesmente não estariam à superfície.

“Os nossos resultados mostram que o enxofre nas rochas vulcânicas lunares é uma impressão digital da presença de sulfeto de ferro no interior rochoso da lua, onde pensamos que os metais preciosos foram deixados para trás quando as lavas foram criadas”, explicou Brenan.

Os resultados não fornecem, no entanto, uma estimativa sólida da composição de metais preciosos no manto. Se vale a pena minerar no futuro dependerá do que as futuras missões encontrarem. Explorações de formações rochosas profundas expostas a impactos nas regiões sul da Lua podem ajudar a restringir ainda mais os números de elementos de ferro no manto.

ZAP //

 

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. Como se já não bastasse o homem poluir os rios , desmatarem as florestas, poluir o ar que respiramos , agora pensam no “tesouro”que dizem ter na lua. O homem está tentando de várias formas acabar com o planeta. E ainda tem gente que vai dizer que isso é evolução .

  2. Aspectos importantes dos pesquisadores e que cheguem a uma hipótese comprovada espero aguardando seu retorno obrigado abraço

  3. o povo reclama mt sobre isso, reclama de poluição mas poluí, reclama de desmatamento mas n colabora plantando nem uma árvore, se for assim, Ent pq vc n viver numa caverna já q está estragando com o ambiente sem ao menos ajudá-lo, críticas n mudam nada, tenha atitude…

  4. desde quando o ferro é um metal precioso? Sabe-se que na formação do ferro podem formar-se outros metais, mais pesados como estanho, chumbo, prata ou mesmo ouro…Mas daí a que se conclua pela existência de um tesouro, só pelo facto de haver indícios de ferro, já vai uma distância enorme, a do disparate.

    • Muito obrigado Sr. Alberto Pires pela sua explicação baseada na ciência. Pena é que os jornalistas não se socorram desse conhecimento antes de criarem os títulos das notícias

  5. No futuro certamente irão explorar a lua, achando os tais minerais preciosos vão mandar para a Terra e mais para a frente quando a Lua não passar de um monte de ruínas esburacadas e sua presença na órbita da terra já não influenciar mais nada aqui vão querer usar os materiais para fazer uma Lua Artificial….O cachorro correndo em volta do rabo

Responder a JPA Cancelar resposta

Viagens ao Espaço têm um novo perigo desconhecido para os astronautas

Há um perigo inerente às longas viagens espaciais dos astronautas desconhecido até aos dias de hoje. Um novo estudo aponta que os cosmonautas podem ver o seu fluxo sanguíneo revertido na parte superior do corpo. A …

Macrocilix maia, a misteriosa traça que tem moscas a comer fezes nas suas asas

Macrocilix maia é uma espécie de traça que se destaca pela forma como se camufla dos seus predadores. Nas suas asas vê-se duas moscas a comer excrementos de pássaro. A natureza nunca falha em surpreender-nos e …

Há provas que ligam misteriosa doença que paralisa crianças a vírus raro

Pela primeira vez, foram encontradas provas da associação do Enterovírus D68, um vírus raro até há algum tempo, à Mielite Flácida Aguda, uma doença semelhante à poliomielite que tem afectado centenas de crianças, provocando a …

Antigos egípcios podem ter encurralado milhões de pássaros só para os mumificar

Novas evidências de ADN sugerem que os antigos Egípcios capturavam pássaros selvagens para sacrifícios ritualísticos (e para os poderem mumificar depois). As catacumbas egípcias contêm milhares de pássaros mumificados, especificamente íbis-sagrados (Threskiornis aethiopicus), empilhados uns sobre …

Estudo mostra que sondagens tendenciosas enviesam eleições políticas

Através de experiências práticas, uma investigação recente sugere que as sondagens tendenciosas podem influenciar e enviesar as eleições políticas, até mesmo nas grandes democracias. Enquanto uma eleição se aproxima no Reino Unido e uma votação presidencial …

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …