Astrónomos suspeitam de que há um tesouro escondido sob a superfície da Lua

Uma equipa de cientistas dos Estados Unidos e do Canadá suspeitam que haja um tesouro escondido nas profundezas da Lua.

Mineração de riquezas é a última coisa que está na mente dos astrónomos. Porém, saber mais sobre a química lunar poderá resolver um conflito sobre a aparente falta de elementos preciosos que se pensa formar o manto da Lua.

Desde sempre que olhamos para metade da face da Lua. Contudo, só recebemos as primeiras pistas reais sobre o que está por baixo da sua superfície quando os astronautas trouxeram para a Terra várias centenas de quilos de material lunar cerca há 50 anos.

“Temos um total geral de 400 quilos de amostras que foram trazidos de volta pelas missões Apollo. É uma quantidade muito pequena de material”, disse James Brenan, da Universidade Dalhousie, no Canadá, em comunicado publicado pela Phys. “Para descobrir algo sobre o interior da Lua, precisamos de reverter a composição das lavas que vêm à superfície.”

Retro-engenharia em basaltos trazidos de volta das missões Apollo 15 e 17 foi usada em 2007 para estimar a quantidade de elementos siderófilos que compõem o manto da Lua. Uma boa proporção deve ter sido proveniente de uma chuva de materiais de construção que sobraram à medida que o Sistema Solar terminou a sua fase de construção, por isso é um indicador útil do tipo de ataque que a Lua sofreu logo após a sua formação.

Estranhamente, as medições eram dez a 100 vezes menores que o esperado. Mesmo depois de aplicar modelos ajustando a maneira como os impactos dos meteoritos podem corroer a Lua, em vez de contribuir para a sua massa, os números nunca fizeram muito sentido, deixando muito espaço para perguntas.

Parte do problema pode estar na forma como os investigadores geralmente começam com a suposição de que a geoquímica da Lua é mais ou menos a mesma que a nossa. Não é exatamente uma suposição irracional, dadas as teorias amplamente sugeridas, sugerindo que a Lua foi feita a partir da própria carne e ossos do nosso planeta.

Mas, apesar de todas as semelhanças, existem diferenças. Assim, a equipa de cientistas combinou os resultados de experiências sobre a solubilidade do enxofre com modelos sobre pressão e termodinâmica do magma de arrefecimento para determinar um conjunto mais preciso de restrições à composição do manto lunar.

Os investigadores descobriram, de acordo com o estudo publicado em agosto na revista especializada Nature Geoscience, que a existência desses elementos siderófilos ausentes era mais do que provável – simplesmente não estariam à superfície.

“Os nossos resultados mostram que o enxofre nas rochas vulcânicas lunares é uma impressão digital da presença de sulfeto de ferro no interior rochoso da lua, onde pensamos que os metais preciosos foram deixados para trás quando as lavas foram criadas”, explicou Brenan.

Os resultados não fornecem, no entanto, uma estimativa sólida da composição de metais preciosos no manto. Se vale a pena minerar no futuro dependerá do que as futuras missões encontrarem. Explorações de formações rochosas profundas expostas a impactos nas regiões sul da Lua podem ajudar a restringir ainda mais os números de elementos de ferro no manto.

ZAP //

 

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. Como se já não bastasse o homem poluir os rios , desmatarem as florestas, poluir o ar que respiramos , agora pensam no “tesouro”que dizem ter na lua. O homem está tentando de várias formas acabar com o planeta. E ainda tem gente que vai dizer que isso é evolução .

  2. Aspectos importantes dos pesquisadores e que cheguem a uma hipótese comprovada espero aguardando seu retorno obrigado abraço

  3. o povo reclama mt sobre isso, reclama de poluição mas poluí, reclama de desmatamento mas n colabora plantando nem uma árvore, se for assim, Ent pq vc n viver numa caverna já q está estragando com o ambiente sem ao menos ajudá-lo, críticas n mudam nada, tenha atitude…

  4. desde quando o ferro é um metal precioso? Sabe-se que na formação do ferro podem formar-se outros metais, mais pesados como estanho, chumbo, prata ou mesmo ouro…Mas daí a que se conclua pela existência de um tesouro, só pelo facto de haver indícios de ferro, já vai uma distância enorme, a do disparate.

    • Muito obrigado Sr. Alberto Pires pela sua explicação baseada na ciência. Pena é que os jornalistas não se socorram desse conhecimento antes de criarem os títulos das notícias

  5. No futuro certamente irão explorar a lua, achando os tais minerais preciosos vão mandar para a Terra e mais para a frente quando a Lua não passar de um monte de ruínas esburacadas e sua presença na órbita da terra já não influenciar mais nada aqui vão querer usar os materiais para fazer uma Lua Artificial….O cachorro correndo em volta do rabo

RESPONDER

Wolves quer juntar Nélson Oliveira à armada portuguesa

O Wolves está em negociações com o AEK para a contratação do internacional português Nélson Oliveira. O jogador tem estado em destaque ao serviço do emblema helénico. O Wolverhampton está interessado na contratação do ponta-de-lança português …

Cientistas desvendaram alguns dos segredos do icónico "Ídolo de Pachacamac"

Investigadores revelaram novos detalhes sobre o Ídolo de Pachacamac, uma estátua icónica da arqueologia antiga peruana. O Ídolo de Pachacamac é uma estátua de madeira que se acredita representar um dos principais deuses da cultura Inca. …

Novas tabelas de IRS para 2020. Salários até 659 euros isentos de retenção na fonte

As novas tabelas de retenção na fonte a aplicar aos salários em 2020 foram publicadas esta terça-feira em Diário da República. Houve uma atualização das tabelas em 0,3%, mas o Governo desceu o montante da …

Paulo Pedroso deixou de ser militante do PS antes das eleições

O ex-ministro e antigo porta-voz do PS, Paulo Pedroso, disse esta segunda-feira à agência Lusa que deixou de ser militante do Partido Socialista antes das eleições legislativas de outubro, sem querer avançar as razões da …

Descoberto o aparelho digestivo fossilizado mais antigo já conhecido

Cientistas descobriram fósseis com 550 milhões de anos, no deserto do Nevada, nos Estados Unidos, que podem ter os aparelhos digestivos mais antigos já conhecidos. Entre cerca de 580 e 540 milhões de anos atrás, no …

Dois fetos encontrados sem vida em Espinho

Dois fetos foram encontrados esta segunda-feira sem vida em Espinho, adiantaram fontes da PSP à agência Lusa. Uma fonte da PSP de Aveiro avançou ter recebido às 12:22 um alerta para a existência de um …

Infarmed recomenda suspensão de medicamento devido a risco de cancro de pele

O Infarmed recomendou aos profissionais de saúde que deixem de prescrever Picato, um tratamento cutâneo de queratose atínica não-hiperqueratósica e não-hipertrófica, e aos doentes que não o usem. O gel, cuja substância ativa é o mebutato …

Três mísseis caem junto a embaixada dos EUA em Bagdade

Três projéteis caíram na noite de segunda-feira na designada '"zona verde" da capital iraquiana, perto da embaixada dos EUA, indicaram à AFP fontes dos serviços de segurança, que não mencionaram a existência de vítimas. A informação …

Estudo sugere que modernização reduz importância da religião na felicidade das pessoas

Em países mais desenvolvidos e em que há uma maior perceção de liberdade, a religião desempenha um papel menos importante na felicidade das pessoas. Um novo estudo sugere que em países em que a felicidade das …

Estrelas K são os melhores lugares para procurar vida

Na busca por vida para lá da Terra, os astrónomos procuram planetas na "zona habitável" de uma estrela onde as temperaturas são ideais para que a água líquida exista à superfície de um planeta. Uma ideia …