Plantar um trilião de árvores ajuda o nosso planeta? Depende

Plantar um trilião de árvores é uma boa forma reduzir as emissões de carbono, mas depende muito de onde estas são plantadas, sugere um novo estudo.

É do senso comum que as árvores são excelentes a armazenar carbono e a libertar oxigénio, um processo que permite tornar o nosso planeta mais verde. Assim sendo, plantar um trilião de árvores poderia ajudar a remediar as alterações climáticas? A resposta é complicada, escreve o portal Inverse.

A ideia foi lançada por vários cientistas e pelo governo de Donald Trump. Face às elevadas emissões de dióxido de carbono, plantar uma quantidade imensa de árvores poderia ser a solução para os nossos problemas. O consenso entre a comunidade científica é que plantar árvores pode, de facto, ajudar a baixar as emissões.

Mas quando se trata de plantar um trilião de árvores, o local onde se planta pode ser tão importante quanto o próprio plantio. O segredo é plantar estas árvores em zonas florestais que não estão tão preenchidas com árvores como poderiam estar, sugere um novo estudo publicado esta semana na revista científica Proceedings of the National Academy of Sciences.

Ao aumentar a densidade destas florestas, que atualmente não têm tantas árvores quanto poderiam, os humanos podem aumentar a sua capacidade de armazenar carbono em 20%, apontam os autores do estudo.

De momento, as florestas podem compensar cerca de 14% das emissões de dióxido de carbono todos os anos. Ao reflorestar estas zonas, muitas vezes desfalcadas por incêndios, os investigadores sugerem que se possa aumentar a absorção de carbono, eliminando mais de 187 toneladas métricas de dióxido de carbono por ano.

Embora não soe a uma grande novidade, restaurar árvores está “entre as estratégias mais eficazes para a mitigação das alterações climáticas”, escrevem os autores.

Apesar de Donald Trump ser muitas vezes visto como negacionista das alterações climáticas, o Presidente norte-americano sugeriu, em Davos, que se optasse por este plano. Sem grandes explicações científicas, mencionou apenas que esta medida tinha como objetivo “proteger o ambiente”.

Com este novo estudo, há uma melhor compreensão de onde devem ser concentrados esforços para fazer o melhor trabalho de captura de carbono.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Ao contrário do Jair, o Donald, aos poucos, vai admitindo a sua ignorância em relação a certos assuntos. A não ser que seja só para captar votos.

    • Donald e Jair são dos ditadores, só que Donald, ainda têm ajuda da CIA, central de inteligência dos Estados Unidos, sem fala que eles estão querendo domina o mundo, já o Jair é um presidente que não sabe nem governar o própio país, permitiu as queimadas na floresta maior do mundo, Amazônia é o pumão da terra.
      Até quando vocês corruptos vão continuar destruindo o planeta? até quando a CIA vai continua espionando as pessoas? mais sei que um dia a justiça será feita hipócritas.

  2. De facto deve ser importante o local onde essas árvores deverão ser plantadas, logo deveremos estar excluídos, pois, a floresta por cá está dominada por incendiários de várias espécies e está mais que visto que não haverá volta a dar, os resultados estão comprovados ano após ano.

  3. A nossa floresta é pobre. Praticamente é constituída por três espécies, apenas: eucalipto, pinheiro e sobreiro. Há mais diversidade nas cidades no que nos campos. Mesmo assim, todos os verões assistimos à destruição sistemática da pobre floresta que resta.

  4. Não basta plantar uma arvore (duas, cem, mil, milhares, as que forem) e deixa-la para ali, ao seu destino. O seu destino é que tem de ser programado, tanto na quantidade (e mistura com outras espécies), como nos tipos de solo, como ainda, e mais importante, no desenho da estratégia de plantio e seu acompanhamento: aceiros de combate a incêndios e à manutenção, por ex. Não, não sou engenheira florestal, mas sim plantadora e cuidadora de floresta (sobreiros+carvalhos) em terrenos próprios. Um sem numero de normas a cumprir (maioritariamente “proibições de”), sem que, durante o tempo de crescimento e manutenção- da qual decorre o tal aprisionamento de CO2- os produtores a nada (nenhum apoio) tenham acesso. O país passa assim a ter um “banco” de retenção de CO2 maioritariamente de forma gratuita (pois para baldios e outros há, por vezes, apoios à limpeza, etc.)

RESPONDER

PCP encerra jornadas parlamentares com sete páginas de críticas ao Governo

Sete páginas do discurso de encerramento das jornadas parlamentares do líder parlamentar do Partido Comunista Português (PCP), João Oliveira, foram dedicadas às queixas contra o Governo e o PS. As jornadas parlamentares do PCP terminaram com …

Um terço dos internados em UCI em Lisboa estava vacinado com a primeira dose

Cerca de um terço dos doentes com covid-19 internados em unidades de cuidados intensivos (UCI) na região de Lisboa e Vale do Tejo (LVT) já estava vacinado com a primeira dose quando deu entrada no …

Fernando Santos admitiu mudanças. Eis as mexidas que podem acontecer no "onze"

Fernando Santos admitiu promover alterações no onze inicial de Portugal frente à França. Eis a equipa que pode entrar em campo logo à noite. A derrota por 2-4 frente à Alemanha, no segundo jogo da fase …

MP pede pena de prisão efetiva entre dois e três anos para Armando Vara

O Ministério Público (MP) pediu, esta quarta-feira, a condenação de Armando Vara a uma pena efetiva próxima dos três anos de prisão por um crime de branqueamento de capitais, do qual foi pronunciado em processo …

Imunidade de grupo poderá ser atrasada. Jovens com mais de 18 anos vacinados a partir de 4 de julho

Henrique Gouveia e Melo, coordenador da task force para o Plano de Vacinação contra a covid-19, admitiu um atraso de até 15 dias na meta de 70% de população vacinada com a primeira dose, devido …

Supremo espanhol ordena libertação imediata dos nove políticos catalães

O Supremo Tribunal espanhol ordenou, esta quarta-feira, a libertação imediata dos nove líderes independentistas catalães condenados pela tentativa separatista de 2017, depois de o Governo ter concedido um indulto por "razões de utilidade pública". Segundo a …

Corona quer sair do FC Porto e tem uma escolha de eleição

Em final de contrato com o FC Porto, Jesús Corona olha para a porta de saída e vê no Sevilha a escolha de eleição para seguir a sua carreira. Jesús Corona termina contrato com o FC …

Índia alerta para variante Delta Plus, já presente em Portugal. É a chamada "mutação nepalesa"

A Índia alertou, esta terça-feira, para uma mutação da variante Delta, chamada Delta Plus, que já terá sido detetada em nove países, incluindo Portugal. O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge confirma que se …

PS acusa Rui Rio de "incoerência" por criticar Governo após palavras de Merkel

Sobre as críticas de Angela Merkel subscritas por Rui Rio, Ana Catarina Mendes lembra que, "em maio, o PSD criticava o Governo por não ter ainda anunciado a abertura aos voos do Reino Unido". A líder …

Arqueólogos investigam mistério de túmulos reabertos há 1400 anos

Um novo estudo mostra que pessoas que viviam na Europa há cerca de 1400 anos tinham o hábito de reabrir túmulos e retirar de lá certos objetos, algo que os arqueólogos ainda estão a tentar …