Orgias homossexuais e gigolos: arcebispo envia relatório ao Vaticano

O arcebispo de Nápoles, Crescenzio Sepe, enviou ao Vaticano um relatório detalhando as supostas práticas homossexuais de dezenas de padres em Itália, que participavam em orgias ou recorriam à prostituição.

A diocese de Nápoles já confirmou a existência do dossier, de 1200 páginas, que denuncia comportamentos sexuais de 50 sacerdotes, incluindo um bispo. O documento denuncia alegadas práticas homossexuais de pelo menos 50 sacerdotes em dioceses italianas. Foi preparado e enviado por Francesco Mangiacapra, advogado que é atualmente gigolo.

“O mais sórdido que vi foi um sacerdote que ejaculou em frente à estátua de Nossa Senhora de Fátima”, revelou Mangiacapra em declarações ao Anticlericali. De acordo com o relatório, o adjunto da Basílica de San Giovanni, em Laterano, paga a acompanhantes através do Postepay – cartão pré-pago para realizar pagamentos seguros pela internet.

O dossier revela dados do diretor de um gabinete diocesano que terá procurado marcar encontros sexuais através de uma app, e de um padre que organiza orgias em instalações diocesanas. “A lista é comprida”, diz Mangiacapra.

O autor afirma que este é o resultado da impunidade dos líderes da Igreja: “A intolerância injusta que alimenta a ideia de ser capaz de separar o que se faz do que se diz, típico de quem tem dupla moral”.

Com o relatório, o advogado entregou também um CD com diversas gravações, imagens explícitas e capturas de ecrã de conversações numa app que os religiosos usavam para encontrar parceiro.

Arcebispo enviou relatório ao Vaticano

O arcebispo de Nápoles, Crescenzio Sepe, enviou ao Vaticano o relatório que detalha as supostas práticas homossexuais de dezenas de padres de Itália, que participavam em orgias ou recorriam à prostituição.

Em comunicado, a Arquidiocese de Nápoles explicou que recebeu o relatório a 28 de fevereiro do próprio autor, Francesco Mangiacapra, um jovem gigolo que recolheu informações e entregou tudo às autoridades eclesiásticas

“O cardeal Crescenzio Sepe resumiu o documento, com conversas e dados que envolvem distintas dioceses, e decidiu transmiti-lo às autoridades eclesiásticas competentes do Vaticano para que tomem as medidas necessárias”, indicou o texto.

O próprio Mangiacapra afirmou no mesmo comunicado que no dossiê estão 34 padres e seis seminaristas e que durante a investigação não teve conhecimento de casos de pedofilia ou condutas criminosas. “São pecados, não crimes“, especificou.

O escândalo foi levantado pelo portal de notícias LGBT Gaynews, que detalhou algumas práticas nas quais vários padres teriam incorrido, como orgias, contactos com homossexuais através de aplicações para o telemóvel ou em exibições na webcam.

ZAP // EFE

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Isto é o retrato do MUNDO … seja em qualquer quadrante, religioso, politico etc… gentalha capaz de TUDO sem olhar a meios, nem a quem, tudo pelo PRAZER e PODER. E vem esta gentalha fazer lindos discursos!!!

    Acredito na palavra de DEUS/CRISTO – não acredito nas palavras dos homens tão cumuns!!…

  2. Parece que voltamos novamente a santa inquisição, em que estes podiam violar e até assassinar qualquer um, tudo ligado em nome do cristo e não só,
    Sugestão minha, quem quiser seguir a profissão de padre, devia ser casado, e ser um homem, com um H grande, ou ser capado

Responder a José Cancelar resposta

Quénia. Ministro das Finanças preso por suborno e fraude

O Ministro das Finanças do Quénia, Henry Rotich, e vários funcionários do seu ministério foram presos esta segunda-feira por suborno e fraude num projeto de construção de duas barragens que envolve milhões de dólares. Em declarações …

Ursula Von der Leyen promete enfrentar líderes e recusar nomes para garantir Comissão paritária

Minutos depois da votação do seu nome no Parlamento Europeu em Estrasburgo, as primeiras palavras da presidente eleita da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, foram dedicadas aos líderes que a escolheram. Prometeu "trabalhar construtivamente …

"Os relatos de que o Irão deteve espiões da CIA são totalmente falsos"

Irão afirma que deteve 17 alegados espiões da CIA e que alguns foram condenados à morte. Esta segunda-feira, Donald Trump disse que os relatos são "apenas mais mentiras e propaganda". O Presidente dos Estados Unidos, Donald …

Base de dados de perfis de ADN conseguiu mais de 11 mil amostras em oito anos

A base de dados de perfis de ADN para fins de investigação criminal e identificação civil inseriu 11.774 amostras em quase oito anos, sendo a maioria de condenados, segundo o relatório de 2018 sobre o …

50 anos depois, o submarino francês "La Minerve" foi encontrado

O submarino francês, que desapareceu em 1968 com 52 homens a bordo, foi encontrado ao largo de Toulon, esta segunda-feira, 50 anos depois do seu naufrágio. "Acabámos de encontrar o submarino Minerve. É um sucesso, um …

Nova lei da violência no Desporto. Claques ficam sem cadeiras nos estádios

A nova lei da violência no Desporto, já aprovada no Parlamento, prevê que as claques fiquem em zonas específicas dos estádios sem cadeiras. A lei vai alterar comportamentos dos adeptos de todos os clubes, mas …

Caso Mayorga. Justiça norte-americana deixa cair acusação de violação contra Cristiano Ronaldo

A Justiça norte-americana deixou cair as acusações que remontam a junho de 2009, concluindo que as acusações contra Cristiano Ronaldo não podem ser provadas. A Procuradoria de Clark County, do Estado norte-americano do Nevado, anunciou esta …

Bloco vai reapresentar proposta de criação de juízos especializados em violência doméstica

O Bloco de Esquerda propõe juízos especializados para julgar violência doméstica, anunciou este domingo a coordenadora do partido, Catarina Martins. Este domingo, ao anunciar que o Bloco de Esquerda propõe juízos especializados para julgar violência doméstica, …

ISCEM vai fechar em setembro. Alunos só foram avisados agora

O ISCEM – Instituto Superior de Comunicação Empresarial vai fechar antes do arranque do próximo ano letivo. A escola terá enviado cartas aos alunos, informando-os do encerramento. Depois de não ter sido acreditado institucionalmente pela Agência …

Zidane aponta à saída de Bale. "Se puder ir embora amanhã, melhor"

O futebolista galês Gareth Bale pode deixar o Real Madrid nos próximos dias, disse no sábado o treinador da equipa espanhola, Zinedine Zidane, que o deixou de fora na derrota por 3-1 com o Bayern …