Ondas gravitacionais detetadas diretamente pela segunda vez

C. Henze / NASA Ames Research Center

Simulações numéricas de ondas gravitacionais emitidas pela colisão e fusão de dois buracos negros. Os contornos coloridos à volta de cada buraco negro representam a amplitude da radiação gravitacional; as linhas azuis mostram as órbitas dos buracos negros e as setas verdes representam a sua rotação

Simulações numéricas de ondas gravitacionais emitidas pela colisão e fusão de dois buracos negros. Os contornos coloridos à volta de cada buraco negro representam a amplitude da radiação gravitacional; as linhas azuis mostram as órbitas dos buracos negros e as setas verdes representam a sua rotação

Uma equipa internacional de astrofísicos anunciou esta quarta-feira, nos EUA, uma segunda deteção direta de ondas gravitacionais, quatro meses depois do anúncio da primeira observação do fenómeno, previsto há 100 anos, na Teoria da Relatividade Geral, do físico Albert Einstein.

A nova deteção, tal como a primeira, foi feita no Observatório de Interferometria Laser de Ondas Gravitacionais (LIGO – Laser Interferometer Gravitational Wave Observatory), constituído por dois detetores idênticos, na forma de tubos com espelhos nas extremidades, situados nos Estados Unidos a três mil quilómetros um do outro.

As ondas gravitacionais são pequenas ondulações no tecido espaço-tempo, provocadas pela deslocação de um corpo com massa, e que se propagam no Universo à velocidade da luz.

O fenómeno acontece com uma supernova (explosão de uma estrela em fim de vida) ou com duas estrelas de grande massa muito próximas uma da outra, assim como com a colisão de buracos negros (zonas do Universo das quais nada pode escapar, nem mesmo a luz, sendo por isso invisíveis).

As novas ondas gravitacionais, cuja deteção foi ontem anunciada numa conferência em San Diego, nos Estados Unidos, foram produzidas por outra fusão de dois buracos negros, há 1,4 mil milhões de anos, precisaram astrofísicos.

O sinal das ondas foi captado a 26 de dezembro e, apesar de ser mais fraco do que o primeiro, detetado em setembro, mas anunciado apenas em fevereiro deste ano, foi confirmado igualmente com 99,99% de certeza.

Os dois buracos negros em causa tinham uma massa oito a 14 vezes maior do que a do Sol, para um diâmetro de menos de 100 quilómetros.

A sua fusão gerou uma quantidade de energia equivalente à massa do Sol, que foi convertida em ondas gravitacionais, segundo os cientistas.

O novo sinal detetado pelo LIGO provém das 27 últimas órbitas de buracos negros, antes de colidirem.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Todos os caminhos levam a Putin". Donald Trump deverá ser acusado formalmente nos próximos dias

Os democratas estão a desenvolver o processo de destituição de Donald Trump, reforçando o foco na Federação Russa e nas ligações ao Presidente da Rússia, Vladimir Putin, quando começam a esboçar o texto acusatório do …

Marcha pelo Clima juntou milhares em Madrid. Greta saiu por recomendação da polícia

Milhares de pessoas participaram, esta sexta-feira, em Madrid, na Marcha pelo Clima, encabeçada pela jovem ativista ambiental sueca, que teve de abandonar a manifestação por recomendação da polícia. A Marcha pelo Clima começou às 18h00 locais, …

City vs United. Em Manchester, há uma guerra anónima a ser travada entre oriente e ocidente

Este sábado, Manchester City e Manchester United defrontam-se dentro de campo. Mas fora das quatro linhas decorre uma batalha oculta pelo domínio ideológico de gestão. O dérbi de Manchester é sempre um confronto importante no calendário …

Múmias milenares tinham tatuagens escondidas (e já podemos vê-las)

As tatuagens escondidas em antigas múmias egípcias estão agora a ser reveladas pelos cientistas, usando uma nova tecnologia de infravermelho, permitindo vislumbrar como os membros da sociedade há três mil anos viviam e trabalhavam. Tatuagens semelhantes …

Miguel Albuquerque avisa: deputados madeirenses do PSD podem viabilizar OE

O presidente da estrutura regional do PSD/Madeira, Miguel Albuquerque, disse esta sexta-feira que os três deputados na Assembleia da República poderão votar o Orçamento do Estado caso as reivindicações da região estejam asseguradas. “O Orçamento do …

"Não há falta de médicos" nos hospitais de Coimbra e Algarve, diz Marta Temido

A ministra da Saúde afirmou esta sexta-feira que não há falta de médicos nos centros hospitalares universitários do Algarve e de Coimbra, admitindo que poderá haver necessidade de rever escalas e formas de organização. “Não me …

Já pode beber uma cerveja que nunca "morre"

https://vimeo.com/377813387 Cientistas chineses criaram uma levedura geneticamente modificada que faz com que a cerveja nunca "morra". Esta inovação pode aumentar o prazo de validade da cerveja, com uma alteração mínima ao seu sabor. Não há nada melhor …

Cotrim Figueiredo: "Siza Vieira não tem peso político para levar a sua avante”

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, "não tem peso político para levar a sua avante" neste Governo, disse o deputado da Iniciativa Liberal João Cotrim Figueiredo, que é também candidato único à liderança do …

Arranca hoje a "contra-cimeira" contra "hipocrisia dos governos"

Enquanto na chamada "zona verde" se prepara a semana das negociações de alto nível da COP25, começa este sábado em Madrid uma contra-cimeira em que os movimentos ativistas procuram um contraponto ao que chamam a …

A maior parte dos produtos de maquilhagem está contaminada com superbactérias perigosas

Nove em cada 10 produtos cosméticos atualmente em uso estão contaminados com superbactérias potencialmente prejudiciais, incluindo E. coli e Staphylococci. Beauty blender, rímel e brilho labial são os produtos que contêm os mais altos níveis …