Ondas gravitacionais detetadas diretamente pela segunda vez

C. Henze / NASA Ames Research Center

Simulações numéricas de ondas gravitacionais emitidas pela colisão e fusão de dois buracos negros. Os contornos coloridos à volta de cada buraco negro representam a amplitude da radiação gravitacional; as linhas azuis mostram as órbitas dos buracos negros e as setas verdes representam a sua rotação

Simulações numéricas de ondas gravitacionais emitidas pela colisão e fusão de dois buracos negros. Os contornos coloridos à volta de cada buraco negro representam a amplitude da radiação gravitacional; as linhas azuis mostram as órbitas dos buracos negros e as setas verdes representam a sua rotação

Uma equipa internacional de astrofísicos anunciou esta quarta-feira, nos EUA, uma segunda deteção direta de ondas gravitacionais, quatro meses depois do anúncio da primeira observação do fenómeno, previsto há 100 anos, na Teoria da Relatividade Geral, do físico Albert Einstein.

A nova deteção, tal como a primeira, foi feita no Observatório de Interferometria Laser de Ondas Gravitacionais (LIGO – Laser Interferometer Gravitational Wave Observatory), constituído por dois detetores idênticos, na forma de tubos com espelhos nas extremidades, situados nos Estados Unidos a três mil quilómetros um do outro.

As ondas gravitacionais são pequenas ondulações no tecido espaço-tempo, provocadas pela deslocação de um corpo com massa, e que se propagam no Universo à velocidade da luz.

O fenómeno acontece com uma supernova (explosão de uma estrela em fim de vida) ou com duas estrelas de grande massa muito próximas uma da outra, assim como com a colisão de buracos negros (zonas do Universo das quais nada pode escapar, nem mesmo a luz, sendo por isso invisíveis).

As novas ondas gravitacionais, cuja deteção foi ontem anunciada numa conferência em San Diego, nos Estados Unidos, foram produzidas por outra fusão de dois buracos negros, há 1,4 mil milhões de anos, precisaram astrofísicos.

O sinal das ondas foi captado a 26 de dezembro e, apesar de ser mais fraco do que o primeiro, detetado em setembro, mas anunciado apenas em fevereiro deste ano, foi confirmado igualmente com 99,99% de certeza.

Os dois buracos negros em causa tinham uma massa oito a 14 vezes maior do que a do Sol, para um diâmetro de menos de 100 quilómetros.

A sua fusão gerou uma quantidade de energia equivalente à massa do Sol, que foi convertida em ondas gravitacionais, segundo os cientistas.

O novo sinal detetado pelo LIGO provém das 27 últimas órbitas de buracos negros, antes de colidirem.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Vespa asiática está a propagar-se pelo centro do país

A vespa asiática, ou vespa velutina, uma espécie invasora predadora das abelhas, está a propagar-se pela região centro do país, com ninhos identificados em todo o norte do distrito de Santarém, disse hoje à Lusa …

Já há mais de mil desaparecidos nos incêndios da Califórnia

As autoridades dos Estados Unidos informaram nesta sexta-feira que o número de desaparecidos no gigantesco incêndio que queima há mais de uma semana no norte da Califórnia já superam o milhar. Em conferência de imprensa, o …

As orcas partilham traços de personalidade com humanos e chimpanzés

As orcas exibem características de personalidade semelhantes aos humanos e chimpanzés, como a brincadeira, a alegria e o afeto, de acordo com uma nova investigação divulgada pela Associação Americana de Psicologia (AAP). Investigadores em Espanha analisaram …

Manifestante morre atropelada por mãe desesperada em bloqueio dos “coletes amarelos” em França

Uma manifestante dos “coletes amarelos” morreu em Sabóia, sudeste de França, atropelada por uma condutora em pânico, disse este sábado o ministro do Interior francês, Christophe Castaner. A condutora, que levava a filha ao médico, teve …

A César o que é de César. Costa fica a saber quem manda nos deputados do PS

António Costa está "muito satisfeito" com a liberdade de voto concedida pelo líder da bancada parlamentar do PS, Carlos César, aos deputados na proposta do Governo sobre o IVA da tauromaquia. Mas o mal-estar entre …

Distracção de professora provoca lesões em 40 crianças na China

A distracção de uma professora que se esqueceu de apagar uma luz ultravioleta numa escola de Tianjin, perto de Pequim, causou ferimentos e queimaduras em mais de 40 crianças, informou esta sexta-feira a imprensa local. Os …

A Terra está a comer os seus próprios oceanos

À medida que as placas tectónicas da Terra mergulham umas nas outras, arrastam 3 vezes mais água para o interior do planeta do que se pensava. Estes são os resultados de um novo artigo publicado a …

Portugal sob risco de "chuvas de lama"

Portugal corre neste sábado o risco de chuvas de lama, segundo a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) que avisa também para a fraca qualidade do ar durante o fim-de-semana. A APA prevê que as regiões de …

CIA concluiu que príncipe saudita ordenou morte de Jamal Khashoggi

O jornal Washington Post noticiou na sexta-feira que a Agência Central de Informações, CIA, concluiu que o príncipe herdeiro saudita ordenou o homicídio do jornalista Jamal Khashoggi em Istambul, citando fontes anónimas. A informação veiculada pelo …

Novas imagens mostram momentos de terror em Alcochete

Foram divulgadas novas imagens captadas pelo sistema de video-vigilância da Academia do Sporting, em Alcochete, que revelam como decorreu a invasão de 15 de Maio de 2018, que culminou com a agressão de jogadores e equipa …