Nota artística: baile luso no 22

Antes de o 22 de Junho voltar a ser data em destaque neste espaço, o destaque chamou-se corona. Novamente. Não o mexicano do Porto mas o vírus que deu para o torto. Deu para o torto para Manafá, Fábio Vieira, Cláudio Ramos e Carraça. Todos infetados. Todos portugueses. Houve baile luso e ninguém me convidou?

Que calor. 2 graus em Famalicão, quando o jogo começou.

Nos dois encontros anteriores entre estas duas equipas, o FC Porto perdeu.

Estes dois são os dois conjuntos que, até agora, conseguiram travar o líder do campeonato. Só eles dois é que sabem travar os de Alvalade.

Dois tinham sido também os golos apontados pelos dois maiores rivais do Futebol Clube do Porto, pouco antes: 2-0 do Sporting na Madeira e depois 2-0 do Benfica na Luz.

Cheio de luz deve andar Taremi. Ainda dentro do primeiro quarto de hora o homem do Irão voltou a marcar.

A festa visitante não durou muito porque o Robert, de grande penalidade, quis juntar-se ao baile.

Bom, 2-0 não vai ficar.

1-1 também não vai ficar. Pouco depois, o inteligente Taremi foi travado pelo pouco inteligente Vaná. Sérgio Oliveira, novo penálti, novo golo.

Uma primeira parte com três golos e quase nenhuma oportunidade. Dois desses golos de grande penalidade, pois. Lá está o dois.

Dois golos de vantagem conseguiu de novo o campeão, graças a dois golos de Taremi. Bis do finalizador. Bem tinham avisado que este jogador justificava níveis mais altos do que o Rio Ave. Esse aviso surgiu na época passada, pela voz de um conjunto de carvalhos minhoto.

Pouco, muito pouco se viu de uma equipa que estava a perder em casa. Apesar de Marchesín ter aparecido, e bem, na reta final do duelo. Mas pedia-se mais aos anfitriões.

Para quem gosta de ver equipas mais modestas a jogar bom futebol, olhar para este Famalicão deve ser uma desilusão. Lembrando o que se viu na temporada passada, obviamente. Nem parece a mesma equipa.

Pois…não é a mesma equipa: dos 16 atletas que alinharam neste jogo, há sete meses nenhum esteve em campo na vitória sobre os portistas.

Do outro lado, o controlo foi tal que até deu para controlar o plantel, enquanto se pensava já na receção aos amigos da Luz. E um dos novatos marcou um belo golo. Foi o João, que tem um homónimo mais a Sul.

Quatro. Terminou. Novamente lugar dois para o campeão. Igualado com o próximo adversário no campeonato, que é lugar três por causa dos golos.

E possivelmente 2 graus abaixo de zero no final do jogo. Futebol é modalidade de inverno. No verão, estabeleceram os ingleses, joga-se críquete.

 

Nuno Teixeira, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Hélder Amaral: "O meu partido de sempre está a morrer"

Em declarações ao semanário Expresso, o antigo deputado do CDS-PP, Hélder Amaral, diz-se desiludido com o seu partido. O ex-deputado centrista Hélder Amaral, que foi também presidente da distrital de Viseu, não está feliz com o …

EDP antecipa pagamento a mais de mil fornecedores em Portugal e Espanha

A EDP vai antecipar o pagamento a mais de mil fornecedores, uma iniciativa que, à semelhança do que já aconteceu no último ano, irá manter-se para todos os pagamentos a fornecedores ao longo do primeiro …

Há centenas de pessoas em busca de tesouros que não existem na Índia (e a culpa é de um boato)

Moradores de pelo menos três vilas no distrito de Rajgarh, no estado indiano de Madhya Pradesh (MP), passaram a última semana à procura de um tesouro antigo que provavemente não existe. Centenas de aldeões estão a …

João Ferreira diz que Marcelo deixou jovens em situação de "vulnerabilidade" (e elogia lay-off a 100%)

João Ferreira criticou este sábado o atual Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa por deixar os jovens em situação de "vulnerabilidade". O candidato presidencial João Ferreira afirmou, este sábado, que o Presidente da República, Marcelo …

Marisa Matias critica que apenas 1% do orçamentado seja gasto com cuidadores informais

Marisa Matias, candidata presidencial apoiada pelo Bloco de Esquerda, criticou este sábado que apenas tenha sido executado 1% da verba prevista no Orçamento do Estado para 2020 para os projetos-piloto dos cuidadores informais. Os atrasos e …

Ana Gomes considera "elucidativo" que Sócrates a ataque e elogie Marcelo

Ana Gomes, candidata às eleições presidenciais, considerou “elucidativo” que o antigo primeiro-ministro José Sócrates a tenha atacado e elogiado Marcelo Rebelo de Sousa. Questionada pelos jornalistas sobre o artigo de José Sócrates divulgado na sexta-feira, em …

Só pela profissão, professores "não são grupo de risco"

Graça Freitas reconheceu a importância dos professores "para o funcionamento do país", mas rejeitou considerá-los um grupo de risco esta sexta-feira. Os professores não são considerados um grupo de risco que deva ser integrado entre as …

João Leão infetado com covid-19

João Leão, ministro das Finanças, testou positivo à covid-19. O governante encontra-se assintomático e em confinamento domiciliário. O ministro de Estado e das Finanças, João Leão, testou positivo à covid-19. A informação foi adiantada este sábado …

Ricardo Salgado quer anular multa de 75 mil euros

A defesa de Ricardo Salgado recorreu ao Supremo Tribunal de Justiça para tentar anular uma decisão do Tribunal da Relação de Lisboa que confirmou uma multa de 75 mil do Banco de Portugal por causa …

Portugueses começam a votar nas Presidenciais este domingo. Há 246 mil inscritos

Os portugueses começam a votar já neste domingo, uma semana antes das eleições Presidenciais de 24 de janeiro, no chamado voto antecipado em mobilidade para que se inscreveram mais de 246 mil eleitores. As europeias e …