Nobel da Literatura não vai ser entregue este ano

Frankie Fouganthin / Flickr

Sara Danius renunciou ao cargo de secretária permanente da Academia Sueca e foi substituída por Anders Olsson

A Academia Sueca anunciou esta sexta-feira que não entregará o Nobel da Literatura em 2018. A decisão surge na sequência de um escândalo sexual.

A Academia Sueca não vai entregar o Nobel da Literatura este ano. O prémio relativo a 2018 será atribuído em 2019, em paralelo com o escritor que será distinguido no próximo ano. “A decisão foi tomada porque a Academia sente-se atualmente diminuída e com a confiança do público reduzida”, refere o comunicado da Academia Sueca.

Em causa estão acusações de assédio sexual e fugas de informação contra o marido de uma escritora que até há pouco tempo integrava a Academia Sueca.

As denúncias destes casos levaram à saída de cinco membros do júri, deixando assim de haver pessoas suficientes para avaliar e decidir o nome a atribuir o prémio. Segundo o Observador, a Fundação Nobel já tinha anunciado que o adiamento era uma possibilidade.

Na mensagem, os responsáveis da instituição explicam que “uma das circunstâncias que pode justificar uma exceção acontece quando uma instituição que atribui distinções é atingida por algo tão grave que pode minar a sua credibilidade“.

Esta situação está a ser encarada como uma “crise na Academia Sueca que afetou significativamente o prémio Nobel”. Ainda assim, a Literatura será a única categoria a ser alvo desta decisão, pelo que as restantes distinções serão entregues, como previsto, este ano.

O presidente da Fundação Nobel, Carl-Henrik Heldin, expressou o seu apoio à decisão, adiantanto que a Academia Sueca “irá esforçar-se para restaurar a credibilidade da instituição” e comunicar as medidas que serão tomadas.

“Também assumimos que todos os membros da Academia que percebam quer os esforços de reforma quer a futura estrutura organizacional se devem caracterizar por uma maior abertura em relação ao mundo exterior”, lê-se ainda no comunicado.

O Nobel da Literatura não foi atribuído sete vezes: em 1914, 1918 e 1935, e ainda de 1940 a 1943, por divergências políticas e pela alegada mediocridade dos candidatos. Em cinco dessas sete vezes, o Nobel foi adiado também para o ano seguinte.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Perda de habitat pode aumentar doenças que passam de animais para humanos, prevê ONU

Um novo relatório da Organização das Nações Unidas (ONU) alertou que podem surgir mais doenças que passam de animais para humanos, como a covid-19, à medida que os habitats são devastados pela exploração da vida …

Rússia ameaça retaliar face às sanções "hostis" do Reino Unido

A Rússia ameaçou responder às sanções "hostis" anunciadas por Londres contra 59 pessoas e entidades, 25 delas russas. A Rússia vai responder às sanções "hostis" anunciadas pelo Governo britânico contra 49 pessoas e organizações, 25 das …

Ministério dispensa quase todos os alunos da renovação de matrículas (após ataques informáticos e o desespero dos pais)

As matrículas online são agora obrigatórias apenas para os alunos que no próximo ano lectivo vão iniciar os 5.º, 7.º e 10.º anos de escolaridade. O anúncio é feito pelo Ministério da Educação depois das …

"Estavam prontos para bater". Atleta Ricardo dos Santos vai processar polícia londrina

O atleta português Ricardo dos Santos disse na segunda-feira que não demorou mais de 20 segundos a parar o carro, quando lhe foi pedido pelas autoridades em Londres, e garantiu que vai processar a polícia …

Motorista de autocarro em morte cerebral depois de agressões de passageiros em França

Um motorista de autocarro foi declarado em morte cerebral esta segunda-feira, em França, depois de ter sido agredido no domingo por passageiros a quem recusou a entrada no transporte público. No domingo à noite, um motorista …

Erro de laboratório origina 20 casos em dois clubes da Liga búlgara

Vinte pessoas estão infetadas com o novo coronavírus, após um futebolista com covid-19 ter participado no duelo entre o Cherno More e o Tsarko Selo, da Liga búlgara, devido ao erro de um laboratório, foi …

Soleimani foi assassinado de forma "ilegal e arbitrária", considera perita da ONU

A relatora especial da ONU, Agnes Callamard, considera que os Estados Unidos não apresentaram provas suficientes para justificar o ataque. Uma especialista da ONU concluiu que o general iraniano Qasem Soleimani, morto num raide norte-americano …

Bolsonaro infetado com covid-19

A imprensa brasileira confirmou, esta terça-feira, que o Presidente Jair Bolsonaro está infetado com covid-19. O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, testou positivo à covid-19. De acordo com a Globo, a informação foi avançada pelo próprio, …

Costa avisa que vem aí a "fase mais crítica" dos incêndios e pede prevenção

O primeiro-ministro participou numa reunião de acompanhamento e monitorização sobre prevenção e combate a fogos florestais e advertiu, esta terça-feira, que Portugal entra agora na fase mais crítica. Esta terça-feira, o primeiro-ministro advertiu que Portugal entra …

"Fracasso" no combate à covid-19. Diretora de Saúde de Israel demite-se

Siegal Sadetzki, diretora dos serviços públicos do Ministério da Saúde de Israel, denunciou o "fracasso" das autoridades em retardar a propagação da covid-19 no país, apresentando a sua demissão. Uma responsável do Ministério da Saúde de …