Os neandertais já usavam palitos há 46 mil anos

Os neandertais já utilizavam palitos para remover restos de comida dos dentes há cerca de 46 mil anos, concluiu uma nova investigação internacional.

A equipa, liderada por Wioletta Nowaczewska, da Universidade de Breslávia, na Polónia, analisou dois dentes encontrados nas camadas do Pleistoceno da caverna de Stajnia, em Cracóvia, e encontrou marcas deixadas pela utilização de um palito.

Parece que a dona do dente tinha cuidados de higiene oral“, começou por explicar Nowaczewska, citada pelo portal Heritage Daily, acrescentando que, “provavelmente, entre os dois últimos dentes, havia restos de comida que precisavam de ser removidos”.



A equipa encontrou os vestígios daquilo que acredita ser o “rastro” de um palito utilizado por este ancestral humano, mas não conseguiu precisar de que material era feito.

“Não sabemos de que era feito o palito – um pedaço de madeira, de osso ou uma espinha de peixe. [Mas] tinha de ser um objeto cilíndrico bastante rígido, que o indivíduo utilizava com frequência para deixar um rasto claro [no dente]”, continuou.

Os dentes analisados, que terão pertencido a duas pessoas de 20 e 30 anos, já foram recuperados em 2010 e preservados no Museu Arqueológico de Varsóvia, mas só agora é que foram analisados detalhadamente, recorrendo a análises 2D e 3D.

Os cientistas acreditam que as marcas encontradas num dos dentes representam uma evidência de que os nenadertais tinham cuidados de higiene oral. Dentes com sulcos semelhantes já tinham sido localizados noutros espaços, inclusive em Espanha, mas a nova investigação sugere que a prática era comum entre estes hominídeos.

Para determinar se os dentes encontrados pertenciam ao nosso ancestral imediato (Homo sapiens) ou a um parente fóssil (Homo neanderthalensis), os cientistas avaliaram várias características do dente, como a estrutura da coroa, a espessura do esmalte, o contorno da superfície da dentina e o microtrauma da superfície da coroa.

“O bom estado do pré-molar permitiu-nos fazer análises 2D e 3D sobre a espessura do esmalte, reconstrução digital, deslocamento virtual da capa do esmalte e avaliação da espessura do mesmo, que no neandertal é mais fino do que no Homo sapiens. Todas estas características combinadas apontam para os neandertais“, detalha a líder.

Os resultados da investigação foram recentemente publicados na revista científica especializada Journal of Human Evolution.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

BdP prevê taxa de desemprego de 7,2% e crescimento económico de 4,8%

O Banco de Portugal (BdP) prevê que a taxa de desemprego atinja 7,2% em 2021, recuando para 7,1% em 2022 e 6,8% em 2023, e que o emprego cresça 1,3% este ano. No Boletim Económico de …

Finlândia 0-1 Rússia | Miranchuk recoloca russos na corrida

A anfitriã Rússia conseguiu hoje uma determinante vitória na luta pelo apuramento para os oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao bater a Finlândia por 1-0, em São Petersburgo. No primeiro jogo da segunda jornada …

Nove militares da GNR acusados de tortura

O Ministério Público (MP) do Porto acusou nove militares da GNR dos crimes de tortura e outros tratamentos cruéis, degradantes ou desumanos e sequestro agravado. O Ministério Público (MP) do Porto acusou nove militares da GNR, …

Costa garante que Lisboa terá o mesmo tratamento que os outros concelhos

Esta quarta-feira, num dia em que Portugal registou 1.350 novos casos ( 928 dos quais na região de Lisboa e Vale do Tejo), o primeiro-ministro afirmou que a capital terá o mesmo tratamento que os …

Salgado disposto a pagar à massa falida do GES para ficar isento de cumprir pena

Ricardo Salgado está disposto a pagar à massa falida do GES para ser dispensado de cumprir pena no processo que o irá julgar por três crimes de abuso de confiança, segundo a contestação da defesa …

PJ detém 12 pessoas por suspeitas de corrupção na Câmara de Loures

Entre os detidos pela Polícia Judiciária (PJ) estão dois empreiteiros, um arquiteto, um empresário ligado a uma obra particular e oito fiscais. Através da Unidade Nacional de Combate à Corrupção e no âmbito de inquérito dirigido …

Casos disparam: 1350 novas infeções e seis óbitos

Nas últimas 24 horas, houve 1.350 novos casos positivos de covid-19 e morreram seis pessoas, segundo os dados do boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). Portugal registou 1.350 novos casos e seis óbitos por covid-19 …

Parlamento vai ouvir Medina e ministro dos Negócios Estrangeiros

Fernando Medina e Augusto Santos Silva vão ser ouvidos no Parlamento sobre o caso da partilha de dados pessoais de ativistas russos. O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, e o ministro dos Negócios …

Mudanças na lei laboral podem prejudicar a retoma, avisa Centeno

É crucial para a retoma que haja "estabilidade e previsibilidade na legislação laboral", de forma a estimular o investimento empresarial e o crescimento económico, afirmou esta quarta-feira o governador do Banco de Portugal (BdP), Mário …

Costa, Von der Leyen na Cimeira Social no Porto

Von der Leyen dá luz verde ao Plano de Recuperação e Resiliência português. E "não é por acaso"

O primeiro-ministro, António Costa, e a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, anunciaram esta quarta-feira que o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) foi aprovado por Bruxelas.  A presidente da Comissão Europeia, Ursula von …