NASA vai criar “o lugar mais frio do Universo” na EEI

Jet Propulsion Laboratory / NASA

Conceito artístico do chip atómico que o Laboratório de Átomos Frios da NASA vai usar na Estação Espacial Internacional

Conceito artístico do chip atómico que o Laboratório de Átomos Frios da NASA vai usar na Estação Espacial Internacional

Neste verão, a NASA vai enviar à Estação Espacial Internacional (EEI) um laboratório especial onde será criado “o lugar mais frio do universo”, para estudar o comportamento dos átomos e da gravidade em tais condições, informa o Laboratório de Propulsão a Jato da NASA.

“As experiências com tais átomos podem mudar a nossa ideia sobre o que é a matéria e vão ajudar a entender a natureza fundamental da gravidade”, disse Robert Thompson, responsável pelo projeto CAL – Laboratório de Átomos Frios.

“Além disso, o CAL vai permitir uma aproximação da compreensão do que é a energia escura, uma das substâncias mais misteriosas do Universo”, acrescentou Thompson.

O condensado de Bose-Einstein é um estado incomum de agregação da matéria, semelhante ao gás e ao líquido, que se comporta como um único átomo e tem típicas propriedades “nucleares”.

Isto, diz o cientista, permite manipular facilmente as propriedades desses “átomos” artificiais e usá-los como qubits, células de computadores quânticos e protótipos de estruturas supercondutoras.

Há muito tempo que os físicos questionam como é que os “átomos” coletivos se comportam no espaço. No entanto, a verificação das ideias foi dificultada porque a instalação capaz de arrefecer os átomos de metais alcalinos para convertê-los no condensado de Bose-Einstein ocupa vários edifícios.

Recentemente, engenheiros alemães criaram uma versão em miniatura deste sistema, que enviaram para o espaço, criando o primeiro condensado “espacial” de Bose-Einstein.

NASA

A EEI – Estação Espacial Internacional

A EEI – Estação Espacial Internacional

Os cientistas norte-americanos vão agora realizar uma experiência mais prolongada e de maior escala com o condensado de Bose-Einstein a bordo da EEI, enviando para o espaço o dispositivo CAL, uma espécie de geleira do tamanho de uma mala.

No seu interior será mantida a temperatura de apenas um bilionésimo de grau Kelvin acima do zero absoluto. Tal indicador é cerca de 100 milhões de vezes inferior à temperatura típica do espaço – isso fará do interior do CAL o lugar mais frio do Universo.

A ausência de gravidade a bordo da EEI, de acordo com os cientistas, irá prolongar a vida útil do condensado, permitindo que os físicos estudem as suas propriedades durante mais tempo e utilizem tais “átomos coletivos” para várias experiências.

Thompson espera que, no espaço, o condensado de Bose-Einstein viva entre 5 a 10 segundos. No futuro, quando as novas versões do CAL forem enviadas para a EEI, este número poderá aumentar em centenas de vezes.

Além da ciência fundamental, tais experiências, diz a NASA, ajudarão a criar relógios atómicos mais precisos, permitindo também o desenvolvimento de computadores quânticos e sensores ultrassensíveis.

PARTILHAR

RESPONDER

Meteoritos desconhecidos podem estar a "bombardear" a atmosfera da Terra à velocidade da luz

Não é segredo que a Terra ocasionalmente recebe rochas do Espaço que explodem na atmosfera ou causam impacto na superfície. A Terra também vê chuvas de meteoros regularmente sempre que passa por nuvens de detritos …

Descoberto o ingrediente secreto para desenvolver um escudo contra radiação espacial mortal

Investigadores da Universidade Estadual da Carolina do Norte desenvolveram uma nova técnica para proteger eletrónicos da tecnologia de exploração militar e espacial da radiação ionizante. A nova abordagem é mais económica do que as técnicas …

Guardas e familiares das vítimas pediram clemência. Mas Nicholas Sutton foi executado

O norte-americano foi executado, esta quinta-feira, no Tennessee, devido ao assassinato de quatro pessoas, apesar de alguns pedidos de clemência por parte de guardas prisionais e familiares das vítimas. De acordo com a CNN, Nicholas Sutton, …

O primeiro drone acrobático tripulado de sempre é testado a fazer piruetas

Um novo vídeo mostra que o "Big Drone", da Drone Champions AG, é capaz de fazer acrobacias alucinantes com um passageiro dentro. A tecnologia dos drones melhora de vento em popa com o passar dos anos …

Fenómeno extremo ameaça corais na Grande Barreira na Austrália. E já matou quase metade

A Grande Barreira de Coral da Austrália pode estar a enfrentar a terceira "descoloração" no espaço de cinco anos, fenómeno provocado por um aumento da temperatura das águas do mar. Como avançou o Expresso, este fenómeno …

Trump critica cerimónia dos Óscares, "Parasitas" e Brad Pitt

O Presidente norte-americano criticou a cerimónia dos Óscares, esta quinta-feira, nomeadamente a atribuição do prémio de Melhor Filme para o sul-coreano "Parasitas" e ainda o ator Brad Pitt. Na noite desta quinta-feira, num comício em Colorado …

Paris lança número de emergência para fazer frente à crise de percevejos

O Governo francês lançou uma campanha, esta quinta-feira, para fazer frente à crise de percevejos que se instalou em Paris. Segundo a agência France-Press, citada pelo The Guardian, casas e hotéis da capital francesa estão a …

"Radical chique" e "ressentido". Filho de Paulo Branco pode ter sido o pivot do escândalo sexual em França

Juan Branco, o filho do produtor de cinema Paulo Branco, é o homem do momento em França. O advogado de 30 anos saltou para as luzes dos média no âmbito da divulgação do vídeo sexual …

Alcochete. "Se Mustafá estivesse lá aquilo não tinha acontecido"

O arguido Emanuel Calças disse, esta sexta-feira, em tribunal que, se Mustafá estivesse com o grupo que invadiu a academia do Sporting, "aquilo não tinha acontecido". "Tenho a certeza de que se o Mustafá estivesse presente …

Coronavírus ameaça o têxtil português (mas também é uma "oportunidade")

O sector têxtil nacional está ameaçado e pode parar a produção já em Março. Tudo devido à falta de matéria-prima que vem da China e que se deve à epidemia do novo coronavírus. A "situação …