A NASA descobriu uma nova forma de aterrar em segurança na Lua

A NASA construiu um sistema totalmente novo que pode tornar a aterragem na Lua e em Marte muito menos arriscada – e já tem planos de testá-lo numa missão futura.

De acordo com o TechCrunch, o projeto de Evolução de Capacidades Integradas de Pouso Seguro e Preciso (SPLICE) da agência espacial norte-americana NASA visa melhorar a segurança de pouso combinando um conjunto de sensores a laser, uma câmara, um computador de alta velocidade e alguns algoritmos sofisticados.

“O que estamos a construir é um sistema completo de descida e pouso que funcionará nas futuras missões Artemis à Lua e pode ser adaptado para Marte”, disse Ron Sostaric, gestor do projeto, em comunicado da NASA. “O nosso trabalho é colocar os componentes individuais juntos e garantir que funcione como um sistema funcional.”

O sistema pode permitir que as sondas pousem numa variedade muito maior de locais, incluindo pedregulhos ou crateras próximas. Além disso, pode identificar áreas-alvo seguras que têm apenas metade do tamanho de um campo de futebol.

O SPLICE começa por trabalhar comparando scans da superfície abaixo com um banco de dados de pontos de referência conhecidos para descobrir onde está. De 4,8 a 6,4 quilómetros acima da superfície, um laser de três feixes tenta identificar o local de pouso mais seguro.

A agência espacial norte-americana planeia testar o sistema durante um voo num foguete Blue Origin New Shepard durante uma próxima missão. Em vez de procurar um lugar seguro para pousar na Lua durante esses testes, o SPLICE irá procurar um terreno adequado para pousar o foguete New Shepard na Terra.A NASA ainda tem muito trabalho a fazer para concretizar o seu sistema. “O pouso com segurança e precisão noutro mundo ainda tem muitos desafios”, disse John Carson, gestor de integração técnica para pouso de precisão. “Ainda não há tecnologia comercial que se possa sair e comprar. Cada missão de superfície futura poderia usar essa capacidade de pouso de precisão, por isso a NASA está a atender a essa necessidade agora.”

A NASA espera que o sistema esteja pronto e que permita que a primeira mulher pouse na Lua já em 2024 como parte de seu programa Artemis.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Como a NASSA mente… Então se durante quatro anos fartaram-se de fazer viagens à lua com alunagens 100% seguras, não bastava fazer o mesmo agora?? Conversa da treta! Ir à lua em 2024? Pois sim, esperem sentados!

Raro crustáceo parasita descoberto na boca de um tubarão em exibição num museu

Uma equipa de cientistas descobriu uma espécie extremamente rara de Cymothoidae na boca de um espécime de tubarão capturado no Mar da China Oriental e agora em exibição num museu. Os Cymothoidae são uma família de isópodes …

Série da Netflix faz disparar venda de jogos de xadrez nos Estados Unidos

A série "The Queen’s Gambit", da plataforma de streaming Netflix, que retrata a ascensão de uma jovem jogadora de xadrez na década de 1950, fez disparar as vendas deste jogo de tabuleiro nos Estados Unidos. …

Novo comité central do PCP eleito com 98,5%

O novo comité central do PCP foi este domingo eleito no XXI congresso nacional dos comunistas, em Loures, com 98,5% dos votos. Dos 611 delegados, 602 votaram a favor, seis abstiveram-se e três votaram contra na …

Elefante salvo de um poço profundo na Índia. Resgate durou 14 horas

Uma equipa de 50 pessoas ajudou a salvar um elefante que tinha caído num poço profundo em Dharmapuri, no sul da Índia. Moradores locais atiraram folhas de bananeira para o animal comer antes de ser …

Santa Clara 0-1 Porto | Magia de Díaz resolve jogo pobre

Missão cumprida. O Porto viajou até aos Açores para defrontar o Santa Clara e leva na bagagem os três pontos. Mas não o conseguiu com brilhantismo, longe disso. A eficácia foi a palavra de ordem, num …

Raro pinguim totalmente branco encontrado nas Ilhas Galápagos

Um raro pinguim com o corpo totalmente "pintado" de branco foi encontrado no arquipélago das Galápagos, no Equador. Em comunicado, o Parque Nacional das Galápagos detalha que o raro espécime foi encontrado enquanto um guia fazia …

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. Há uma razão

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. As cidades populosas, as vias não adaptadas, as poucas escolas de treino e a própria população são entraves à existência destes companheiros (e verdadeiros …

Governo das Ilhas Salomão quer banir o Facebook para preservar a União Nacional

O Governo das lhas Salomão quer banir temporariamente a rede social Facebook numa tentativa de combater o cyberbullying e a difamação, alegando que a plataforma está a "minar" a União Nacional. A decisão, que já …

Sob o nariz dos militares norte-coreanos, ex-ginasta salta muro de 3 metros e foge para a Coreia do Sul

Um homem norte-coreano que queria escapar da sua terra natal deu um salto de quase três metros num muro no início deste mês. O salto, que ocorreu sob os narizes dos soldados, trouxe-o para a …

Islândia quer tornar-se um refúgio para o teletrabalho. Mas não é para todos

A Islândia fez uma série de alterações no seu programa de vistos de trabalho remoto para cidadãos foram do espaço Schengen, tendo como objetivo tornar-se num destino atraente para os trabalhadores que procuram escapar dos …