Não mantenha o telemóvel perto do corpo

A ciência ainda não conseguiu esclarecer a relação dos telemóveis com tumores e outros tipos de riscos para a saúde humana. Enquanto alguns estudos apontam que a relação existe, outros desmentem-na.

A única certeza é a de que os telemóveis modernos transmitem radiação, e talvez a prevenção seja a melhor solução para evitar qualquer perigo. Por isso, o CDPH, Departamento de Saúde Pública da Califórnia, nos EUA, emitiu esta semana um aviso contra os perigos da radiação de celulares.

O CDPH pede que as pessoas diminuam o uso desses dispositivos e sugere manter a maior distância possível dos telemóveis.

“Apesar de a ciência ainda estar em evolução, há uma preocupação entre alguns profissionais da saúde pública em relação à exposição a longo prazo e alto uso da energia emitida pelos telefones”, diz a Dra. Karen Smith, diretora do CDPH.

O CDPH iniciou um relatório em 2009 sobre o uso dos telemóveis e a sua relação com a saúde dos utilizadores, mas os resultados só começaram a ser divulgados agora, após ordem judicial, depois de Joel Moskowitz, professor da Universidade da Califórnia, ter iniciado um processo para que o departamento divulgasse os resultados depois de começar a examinar se o uso de telemóveis aumentou o risco de tumores.

Os fabricantes de telemóveis querem que você mantenha uma distância mínima do corpo e deve descobrir qual é essa distância”, disse Moskowitz logo após o lançamento do rascunho do estudo.

A Comissão Federal de Comunicação dos EUA exige que os fabricantes de telemóveis assegurem que todos os telefones atendam a “limites objetivos para uma exposição segura”, mas não define qual seria essa distância.

O relatório do CDPH recomenda “não manter o telefone no bolso, não colocá-lo no ouvido durante um período de tempo prolongado, manter um uso baixo se houver pouca bateria, não dormir perto do aparelho e estar ciente de que se você estiver num carro, autocarro ou comboio em movimento rápido, o telefone emitirá mais energia de radiofrequência para manter a ligação”.

Outras organizações americanas já alertaram sobre os perigos da exposição à radiação do telemóvel, incluindo o Departamento de Saúde Pública de Connecticut, que emitiu recomendações semelhantes em maio de 2015.

“A preponderância das pesquisas indica que a radiação do telemóvel representa um grande risco para a saúde”, afirma Moskowitz.

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Nesse caso… fora com os telemóveis! Arranjem outra solução para as pessoas comunicarem ou instalem protecções anti-radiação, por exemplo, nas carcassas deles…

  2. E as milhentas torres carregadas de antenas esquisitas, que mais parecem painéis ou colunas de som, algumas até globalmente disfarçadas de árvores, não contam?
    Radiação para cá e para lá, só que em modelo imersão total, não conta?
    Quando se pensa nos imensos pruridos que a radiação das míseras antenas emissoras de televisão causaram nos anos 50 e o que se pratica agora, tá-se realmente num admirável chiqueiro novo.

RESPONDER

Cientistas investigam estranho gelo cor-de-rosa num glaciar dos Alpes italianos

Uma equipa de cientistas anunciou esta segunda-feira estar a tentar averiguar a origem de gelo cor-de-rosa num glaciar nos Alpes italianos. O fenómeno deverá ser provocada por algas que aceleram os efeitos das mudanças climáticas. A origem …

Especialistas de 32 países alertam OMS: covid-19 também se transmite pelo ar

Numa carta aberta à Organização Mundial de Saúde, 239 cientistas pedem que a organização reveja as recomendações que tem emitido, alertando para o facto de a covid-19 poder transmitir-se pelo ar. Numa carta dirigida à Organização …

Moreirense 0-0 Sporting | Nulo em jogo de pólvora seca

A 30ª jornada fechou no Minho com um nulo entre Moreirense e Sporting, que continua sem derrotas sob o comando de Rúben Amorim. A formação leonina poderia muito bem ter vencido em Moreira de Cónegos, pois …

Armazém flutuante. A China está a guardar petróleo no mar (e já se sabe porquê)

A China está a guardar uma quantidade épica de petróleo no mar. De acordo com a CNN, o país comprou tanto petróleo estrangeiro a preços baratos que formou um congestionamento maciço de navios-tanque no mar, …

Peregrinos em Meca proibidos de tocar ou beijar a Caaba por causa da covid-19

Os muçulmanos que vão participar na peregrinação a Meca não poderão tocar ou beijar a Caaba nem a "pedra negra", presentes na Grande Mesquita, local considerado como um dos mais sagrados pelo Islão, informaram as …

Países Baixos continuam a abater milhares de martas. 20 quintas afetadas pela pandemia

Esta segunda-feira, as autoridades holandesas abateram milhares de martas em mais duas fazendas onde foram detetados surtos de covid-19. Esta segunda-feira, as autoridades abateram milhares de martas em mais duas fazendas, sendo agora 20 as quintas …

Cientistas criam robô para fazer testes à covid-19 (e proteger os profissionais de saúde)

O Korea Institute of Machinery & Materials (KIMM) desenvolveu um novo robô de coleta remota de amostras que elimina o contacto direto entre os profissionais de saúde e os pacientes, potencialmente infetados com o novo …

"Não use desodorizante". A peculiar estratégia de Berlim para promover o uso de máscaras nos transportes públicos

"Não use desodorizante". Esta é a peculiar campanha adotada pela empresa que controla os transportes públicos em Berlim, na Alemanha, para promover o uso correto de máscaras, evitando assim novos casos de covid-19.  Tal como escreve …

Vírus pode ter estado adormecido antes de surgir na China, diz investigador de Oxford

O novo coronavírus pode ter estado adormecido algures no mundo antes de ter surgido na China, defendeu o investigador da Universidade de Oxford, Tom Jefferson, apontando para várias descobertas de amostras do vírus em Espanha, …

Federer sente falta de Wimbledon. "Deu-me tudo"

Roger Federer admitiu sentir a falta de Wimbledon, o torneio do "Grand Slam" que, se não tivesse sido cancelado devido à pandemia de covid-19, estaria a decorrer em Londres. O tenista suíço Roger Federer admitiu, esta …