Elon Musk tem plano para colonizar Marte e pagar por isso

Bret Hartman, TED / Flickr

Elon Musk, CEO da Tesla e SpaceX

Elon Musk é conhecido, entre muitas, muitas outras coisas, pelo seu desejo de colonizar Marte. Agora, o homem que pôs um Tesla Roadster em órbita no espaço publicou um artigo sobre o assunto.

Num artigo intitulado “Making Life Multi-Planetary” (“Tornando a vida multiplanetária”), publicado este mês na revista New Space, Elon Musk, o CEO da Tesla e da SpaceX, estabelece planos para construir um foguete e transportar cerca de 100 pessoas para o Planeta Vermelho.

Além disso, dá-nos ainda informações sobre como pretende pagar por isso. Musk explica no artigo que atualizou o design do Big Falcon Rocket (BFR) para o tornar mais pequeno do que o projeto original, e também potencialmente menos caro.

O novo design incorpora uma nave e um impulsionador de foguete num só sistema. Isso significa que pode substituir os atuais foguetes Falcon Heavy e Falcon 9, bem como a nave espacial Dragon, aplicando todos os recursos já utilizados nessas tecnologias.

Musk também descreveu o mecanismo Raptor, motor que já foi testado há algum tempo. “Temos que ter um motor extremamente eficiente. O Raptor será o motor de impulso-peso mais eficiente, acreditamos, de qualquer motor de qualquer tipo já fabricado. Já temos 1200 segundos de disparo em 42 testes principais do motor”, notou o CEO.

O CEO ilustrou como é possível pagar pelo BFR “canibalizando” a técnica atual da SpaceX. Elon Musk disse que o seu objetivo é ter “um stock de veículos Falcon 9 e Dragon” disponíveis para os clientes que desejem continuar a utilizá-los, apesar do desenvolvimento do novo sistema BFR.

Musk acredita que será possível construir o BFR através das receitas recolhidas em lançamentos de satélites e serviços para a Estação Espacial Internacional.

Elon Musk observou que uma parte essencial da tentativa de colonizar Marte é a capacidade de produzir propelentes localmente. Como a atmosfera do planeta tem dióxido de carbono e muita água, o bilionário sugere o uso do processo de Sabatier para fabricar metano e oxigénio molecular em Marte.

Depois de o propelente ter sido fabricado, o foguete BFR pode ser reabastecido para uma viagem de volta à Terra. O bilionário explicou que nenhum reforço é necessário para fazer lançamentos a partir de Marte, porque o planeta tem menos gravidade.

De acordo com o plano atual, a SpaceX planeia lançar as primeiras missões de carga para Marte em 2022, embora Musk tenha considerado esta uma meta “aspiracional”, o que significa que é a data desejada, mas pode ser difícil alcançá-la.

“Já começamos a construir o sistema – as ferramentas para os tanques principais foram encomendadas, a instalação está a ser construída e começaremos a construção da primeira nave por volta do segundo trimestre do próximo ano”, escreveu no artigo.

É interessante que Musk tenha definido uma linha do tempo para 2022, já que outros comentários feitos este ano sugeriam que uma missão já poderia ser lançada em 2019.

Em seguida, em 2024, a empresa quer realizar duas missões de carga e duas missões de tripulação à Marte. O objetivo da primeira é encontrar a melhor fonte de água no planeta, e o da segunda é construir a instalação para fabricar propelente localmente.

No final do artigo, Musk ainda pontuou alguns detalhes do seu plano para construir uma base marciana, começando com uma única nave e acrescentando outras antes de começar a estruturar uma cidade, “ao longo do tempo vamos transformar Marte num lugar realmente agradável para se estar“.

PARTILHAR

RESPONDER

A maior parte dos produtos de maquilhagem está contaminada com superbactérias perigosas

Nove em cada 10 produtos cosméticos atualmente em uso estão contaminados com superbactérias potencialmente prejudiciais, incluindo E. coli e Staphylococci. Beauty blender, rímel e brilho labial são os produtos que contêm os mais altos níveis …

NASA gravou acidentalmente a explosão de um cometa a aproximar-se do Sol

Astrónomos usaram dados do telescópio espacial TESS para estudar a explosão de um cometa durante a sua aproximação ao Sol. A investigação resultou num artigo publicado em novembro na revista científica Astrophysical Journal Letters. Foi a …

Objeto de Hoag é uma galáxia dentro de uma galáxia (que está dentro de outra galáxia)

Se observar atentamente a Constelação da Serpente poderá ver uma galáxia dentro de uma galáxia que, por sua vez, está dentro de outra galáxia. Este grande mistério do Universo é conhecido como Objeto de Hoag. Descoberto …

Parker Solar Probe lança nova luz sobre o Sol

Em agosto de 2018, a Parker Solar Probe da NASA foi lançada para o espaço, tornando-se pouco tempo depois a sonda mais próxima do Sol. Com instrumentos científicos de ponta para medir o ambiente em …

Encontrado no mar das Malvinas navio alemão da I Guerra Mundial 105 anos depois de naufragar

O naufrágio de um cruzador alemão da I Guerra Mundial foi identificado nas Ilhas Malvinas, onde foi afundado pela Marinha britânica há 105 anos. O SMS Scharnhorst foi o principal ativo da esquadra alemã na Ásia …

Boavista 1-4 Benfica | Águia goleia no xadrez do Bessa

O Benfica deu o pontapé de saída da 13ª jornada com uma vitória competente na visita ao Boavista, por 4-1. Num jogo potencialmente perigoso para as aspirações “encarnadas”, frente a um adversário com somente uma derrota …

Cientistas desenvolvem técnica para determinar o humor através da caligrafia

Uma equipa de cientistas estudou a biomecânica dos movimentos das mãos a escrever e a desenhar, e desenvolveu um método para avaliar as propriedades individuais da velocidade de escrita e da pressão do lápis no …

Quase seis mil denúncias de agressões sexuais em viagens da Uber nos EUA

A plataforma de transporte de passageiros Uber divulgou na quinta-feira um relatório, revelando quase seis mil denúncias de agressões sexuais a utilizadores, motoristas e terceiros nos Estados Unidos (EUA), em 2017 e 2018. No relatório de …

Polícia de Los Angeles vai usar dispositivo "ao estilo Batman" para prender suspeitos

A polícia de Los Angeles, nos Estados Unidos, vai adotar, no início do próximo ano, um novo dispositivo, conhecido como BolaWrap 100, que dispara um cinto de fibra sintética a uma velocidade de 200 metros …

Corriere dello Sport defende-se das acusações e garante ser "inimigo do racismo"

O jornal desportivo italiano Corriere dello Sport afirmou esta sexta-feira ser “inimigo do racismo”, defendendo-se das críticas motivadas pela manchete de quinta-feira, com o título “Black Friday” e ilustrada com os futebolistas negros Romelu Lukaku …