Descoberto um mundo com três sóis (que foi “quase esquecido”)

R. Hurt / Caltech

O KOI-5Ab foi o segundo candidato a planeta a ser encontrado pela missão Kepler da NASA. Porém, acabou por ser deixado de lado enquanto o telescópio espacial acumulava mais e mais descobertas de planetas.

Pouco depois de a missão Kepler da NASA começar a operar em 2009, o telescópio espacial avistou o que se pensava ser um planeta com cerca da metade do tamanho de Saturno, num sistema de múltiplas estrelas.

No entanto, o planeta acabou por ser deixado de lado. “O KOI-5Ab foi abandonado porque era complicado e tínhamos milhares de candidatos”, disse David Ciardi, cientista-chefe do Exoplanet Science Institute da NASA, em comunicado. “Havia escolhas mais fáceis do que KOI-5Ab, e estávamos a aprender algo novo com o Kepler todos os dias, de modo que KOI-5 foi quase esquecido.”

Agora, após uma longa caça que durou muitos anos e muitos telescópios, Ciardi disse que “ressuscitou o KOI-5Ab dos mortos”. Usando dados do Observatório W. M. Keck no Havai, Observatório Palomar da Caltech, Ciardi e outros astrónomos determinaram que KOI-5b parecia estar a circular uma estrela num sistema de três estrelas.

No entanto, ainda não conseguiam descobrir se o sinal do planeta era uma falha errónea de uma das outras duas estrelas ou qual das estrelas o planeta orbitava.

Em 2018, surgiu o TESS. Como o Kepler, o TESS procura o piscar da luz das estrelas que ocorre quando um planeta passa à frente ou cruza uma estrela. TESS observou uma parte do campo de visão de Kepler, incluindo o sistema KOI-5, e identificou KOI-5Ab como um planeta candidato. Além disso, descobriu que o planeta orbitava a sua estrela a, aproximadamente, cada cinco dias.

O planeta, que é provavelmente um gigante gasoso como Júpiter e Saturno devido ao seu tamanho, é incomum porque orbita uma estrela num sistema com duas outras estrelas companheiras, circulando num plano que está desalinhado com pelo menos uma das estrelas.

KOI-5Ab orbita a estrela A, que tem uma companheira relativamente próxima, a estrela B. A estrela A e a estrela B orbitam-se uma à outra a cada 30 anos. Uma terceira estrela ligada gravitacionalmente, a estrela C, orbita as estrelas A e B a cada 400 anos.

Os dados revelam que o plano orbital do planeta não está alinhado com o plano orbital da Estrela B, a segunda estrela interna, como seria de esperar se as estrelas e o planeta se tivessem todos formado a partir do mesmo disco de material rodopiante.

Os astrónomos não sabem o que causou o desalinhamento de KOI-5Ab, mas acreditam que a segunda estrela chutou gravitacionalmente o planeta durante o seu desenvolvimento, distorcendo a sua órbita e fazendo com que migrasse para dentro.

“Não conhecemos muitos planetas que existam em sistemas de estrelas triplas e este é muito especial porque a sua órbita é enviesada”, disse Ciardi.

“Ainda temos muitas dúvidas sobre como e quando os planetas se podem formar em sistemas de estrelas múltiplas e como as suas propriedades se comparam a planetas em sistemas de estrela única. Ao estudar este sistema em maior detalhe, talvez possamos obter uma visão de como o universo faz planetas”.

Estas descobertas foram apresentadas numa reunião virtual da American Astronomical Society.

Maria Campos Maria Campos, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

A icónica tapeçaria "Guernica" de Picasso foi retirada da ONU. Rockfeller pediu-a de volta

A icónica tapeçaria "Guernica", de Pablo Picasso, foi retirada do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) onde estava há mais de 30 anos. A pintura “Guernica”, considerada uma das obras-primas de Picasso …

Este robô-tartaruga não precisa de circuitos eletrónicos para andar. Basta ar

O robô macio de quatro patas, criado por uma equipa da Universidade da Califórnia, não precisa de nenhum circuito eletrónico para funcionar. Os robôs macios têm captado a atenção dos cientistas e o mais recente, criado …

Norte-americano cria secretária para manter crianças seguras durante os tiroteios nas escolas

Um norte-americano desenvolveu uma secretária à prova de bala para assegurar um lugar seguro às crianças dos Estados Unidos em situações de tiroteio. Passaram três anos desde que, a 14 de fevereiro de 2018, Nikolas Cruz entrou …

A Cidade do México proibiu tampões menstruais com aplicador. Agora, as mulheres estão furiosas

A Cidade do México já tinha proibido outros objetos compostos por plástico, como é o caso de copos e palhinhas, mas agora foi mais longe e resolveu banir os tampões menstruais que contém aplicadores. No …

Benfica 2-0 Rio Ave | Águia volta a voar

O Benfica regressou às vitórias na Liga NOS, três jogos depois. A formação “encarnada” recebeu e venceu o Rio Ave por 2-0, com os dois golos apontados por Haris Seferovic e Pizzi numa segunda parte …

Criança de dois anos cai do 12º andar (mas acaba por ser salva por estafeta)

No passado domingo, em Honói, na capital do Vietname, um estafeta salvou a vida de uma criança de dois anos que caiu do 12° andar de um prédio. Nguyen Ngoc Manh é agora conhecido como …

Em França, livrarias e lojas de discos são agora "comércio essencial"

O decreto de lei do Governo francês, publicado na última sexta-feira, incluiu as livrarias e lojas de discos na lista do chamado "comércio essencial", podendo permanecer abertas em caso de confinamento. Em declarações à agência France-Presse, …

Icebergue maior que Nova Iorque parte-se perto de estação de investigação na Antártida

Um icebergue gigante partiu-se esta sexta-feira na plataforma de gelo de Brunt, na Antártida, perto de um posto de investigação do British Antartic Survey (BAS). O bloco de gelo, com 1.270 quilómetros quadrados, será ainda maior …

A Greenpeace está a atirar pedras gigantes para o Mar do Norte. Eis a razão

Na semana passada, a Greenpeace atirou pedras gigantes ao mar ao redor do Reino Unido. Esta ação faz parte do objetivo da organização de acabar com os barcos de pesca de arrasto no fundo do …

Deco avança para tribunal contra Apple por manipulação de desempenho dos iPhones 6

A Deco Proteste anunciou esta segunda-feira que avançou com uma ação judicial contra a Apple, acusando-a de práticas enganosas por ter manipulado os iPhones 6, 6 Plus, 6S e 6S Plus para se tornarem obsoletos …