Mourinho aceita pena suspensa e multa de 2 milhões por fraude fiscal

José Sena Goulão / Lusa

Mourinho é acusado de defraudar o Estado espanhol em 3,3 milhões de euros

Mourinho chegou a um acordo com a justiça espanhola para encerrar o processo no qual é acusado de fraude fiscal. O treinador português foi condenado a um ano de prisão com pena suspensa e ao pagamento de uma multa de 1,98 milhões de euros, o equivalente a 60% do valor defraudado.

De acordo com o El Mundo, José Mourinho aceitou declarar-se culpado de dois crimes fiscais relativos a 2011 e 2012, quando estava a treinar o Real Madrid. O jornal espanhol revela ainda que o acordo deve ser oficializado nos próximos dias.

Mourinho é acusado de defraudar o Estado espanhol em 3,3 milhões de euros, valor referente a impostos provenientes da exploração dos direitos de imagem, que não foram cobrados. A acusação aponta para que Mourinho tenha usado offshores na Irlanda, ilhas virgens e Nova Zelândia.

As conversações entre as duas partes começaram em novembro de 2017, depois de Mourinho ter sido presente ao tribunal de Pozuelo de Alarcón, em Espanha.

O caso de Mourinho teve o mesmo desfecho do que o de Cristiano Ronaldo que, em julho deste ano aceitou pagar 19 milhões ao fisco espanhol.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Coitado, podia faltar para ir ao supermercado abastecer a despensa e teve necessidade de roubar os espanhóis. Ladrão que rouba ladrão tem cem anos de perdão. Estás perdoado grande Mourinho, para a próxima corre melhor.

RESPONDER

Exames nacionais adiados. Terceiro período arranca a 14 de abril (mas à distância)

Esta quinta-feira, António Costa falou ao país para anunciar que o 3.º período irá recomeçar no dia 14 de abril, mas sem aulas presenciais. Os exames nacionais do secundário foram adiados. Esta quinta-feira, em declarações aos …

TAP. Estado equaciona reformas antecipadas sem penalizações

O Jornal Económico escreve esta quinta-feira que o Estado pondera avançar com reformas antecipadas sem penalizações na TAP, visando assim diminuir o impacto da pandemia de covid-19 na companhia aérea portuguesa. Apesar de a empresa ter …

Santa Maria ganha 40 camas para os cuidados intensivos

A maior unidade hospitalar do país reforçou capacidade dos Cuidados Intensivos para os doentes infetados, passando das atuais 80 camas para cerca de 120. O Hospital Santa Maria, em Lisboa, vai quadruplicar a sua capacidade …

"Isto é criminoso". Estivadores dizem que há risco de portos pararem

"Da forma como estamos a trabalhar nos portos, corremos o risco de todo o contingente ficar parado, porque não há nenhum cuidado em termos de criar equipas rotativas", garantiu o líder sindical. O presidente do Sindicato …

Demitiu-se o diretor do serviço de cirurgia e transplantação do Curry Cabral

Américo Martins demitiu-se esta quarta-feira por ter visto impedida a proposta de reorganização com circuitos independentes no hospital. O diretor do Serviço de Cirurgia Geral e Transplantação do Hospital Curry Cabral, Américo Martins, demitiu-se esta quarta-feira …

Bancos impedidos de cobrar comissões por operações digitais. Acesso a jogos online limitados

Os bancos vão ficar impedidos de cobrar comissões por operações de pagamento através de plataformas digitais dos prestadores de serviços, segundo uma proposta do PEV com alterações do PS aprovada no Parlamento. O projeto de lei …

Pessoas assintomáticas devem usar máscara, diz Centro Europeu de Controlo de Doenças

Num relatório divulgado na quarta-feira, o Centro Europeu de Controlo de Doenças (ECDC) referiu que as máscaras podem reduzir a propagação do novo coronavírus de pessoas assintomáticas, recomendando a sua utilização. De acordo com o Público, …

Portugal ultrapassa as 400 vítimas mortais. Cordão sanitário em Castro Daire equacionado

Portugal regista esta quinta-feira 409 mortos associados à covid-19, mais 29 do que na quarta-feira, e 13.956 infetados (mais 815), segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Trata-se de um aumento de 6% …

"Em segundo plano". OM alerta para falta de resposta para doentes prioritários não covid-19

A Ordem dos Médicos (OM) alertou esta quinta-feira para a falta de resposta aos doentes prioritários não covid-19, que diz estarem a ser relegados para segundo plano, em áreas que “não podem esperar” como a …

Lagarde contraria Draghi. Perdão de dívida às empresas é “impensável”

A presidente do Banco Central Europeu considera "impensável" conceder um perdão de dívida generalizado das dívidas contraídas pelas empresas, ao contrário do que sugeriu o antigo presidente do BCE, Mario Draghi. “Parece-me totalmente impensável. Não é …