Morreu Gene Wilder, o primeiro Willy Wonka

(dr) Paramount Pictures

O ator americano Gene Wilder no papel de Willy Wonka

O ator americano Gene Wilder no papel de Willy Wonka

O ator, que ficou conhecido por filmes como “Willy Wonka and the Chocolate Factory”, de 1971, morreu esta segunda-feira, aos 83 anos.

Gene Wilder faleceu na sua casa em Stamford, Conneticut, com “complicações associadas à doença de Alzheimer”, confirmou o sobrinho Jordan Walker-Pearlman em comunicado oficial.

O ator, que ficou famoso por filmes como “Willy Wonka and the Chocolate Factory”, “Young Frankenstein” ou “The Woman in Red”, foi diagnosticado com cancro – Linfoma de Hodgkin – em 1999.

Gene foi casado com a atriz e comediante Gilda Radner entre 1984 e 1989, ano que esta morreu de cancro nos ovários.

Em 1991, o ator casou com Karen Boyer, com quem ficou até ao fim da sua vida. Tem uma filha, Katharine Wilder, que adotou em 1967, época em que foi casado com Mary Joan Schutz.

Especialista em comédia, Gene Wilder foi nomeado para os Oscares da Academia pelo seu papel no filme “The Producers/Os Produtores”, de Mel Brooks (1865), e pela co-autoria do argumento do referido “Young Frankenstein”.

Mas foi a sua interpretação de Willy Wonka, na adaptação de 1971 do livro de Roald Dahl “Charlie e a Fábrica de Chocolate”, que lhe deu mais protagonismo.

Foi também realizador e ator de teatro e televisão. Recebeu um Emmy, em 2003, pela sua participação especial na sitcom Will & Grace.

Move

PARTILHAR

RESPONDER

Sindicato vai processar Ryanair por assédio laboral e discriminação

O Sindicato Nacional de Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) vai processar a Ryanair por assédio laboral e discriminação, exigindo a restituição de créditos laborais, após a resolução de contratos por justa causa, disse …

Em Itália, preparar o regresso às escolas inclui serras afiadas

Itália, o primeiro epicentro de covid-19 fora da China, usou um regime agressivo de testes e uso de máscaras para conter uma segunda vaga no país. Agora, as escolas estão a preparar-se para receber, no …

Marcelo promulga Estatuto do Antigo Combatente e veta alterações ao direito de petição

O Presidente da República promulgou o novo Estatuto do Antigo Combatente, aprovado por larga maioria no parlamento em 23 de julho, desejando tratar-se de “o início de um caminho” e não “o seu termo”. Em nota …

O céu de Wuhan iluminou-se com 400 drones para homenagear a população

O céu de Wuhan, cidade chinesa onde se pensa ter surgido o novo coronavírus, em dezembro de 2019, foi iluminado, este domingo, com 400 drones para homenagear os habitantes. De acordo com o vídeo da CGTN, …

Vila do Conde revela que tem 173 casos ativos no concelho

A Câmara de Vila do Conde, do distrito do Porto, revelou esta quarta-feira que existem 173 casos ativos de covid-19 no concelho e que já está em marcha um plano de apoio à população, assim …

Descarrilamento de comboio na Escócia faz pelo menos três mortos

Três pessoas morreram e seis ficaram feridas em consequência do descarrilamento de um comboio de passageiros na Escócia, anunciou a polícia escocesa, citada pela agência Lusa. O acidente ocorreu 160 quilómetros a nordeste de Edimburgo. Numa primeira …

Temido garante que "não haverá exceções" para o Avante (e pede cautela com vacina russa)

A ministra da Saúde defendeu esta quarta-feira que a lotação da Festa do Avante!, organizada pelo PCP, terá este ano que ser inferior à capacidade máxima de 100 mil pessoas do recinto no Seixal, por …

Trump pondera impedir entrada de residentes suspeitos de exposição à covid-19

A Administração norte-americana está a ponderar barrar a reentrada no país a cidadãos norte-americanos ou residentes legais suspeitos de terem sido expostos ao novo coronavírus. De acordo com o Jornal Económico, que cita o jornal New …

Pelo menos 42 feridos em Beirute em confrontos entre polícia e manifestantes

Pelo menos 42 pessoas ficaram feridas, esta terça-feira, em confrontos entre manifestantes e a polícia, pelo quarto dia consecutivo, nas proximidades do Parlamento em Beirute. De acordo com a Cruz Vermelha libanesa, dos pelo menos 42 …

ONU envia ajudas para estabilizar falta de alimentos no Líbano

A Organização das Nações Unidas já começou a ajudar o Líbano, através do envio de farinha de trigo. O objetivo é começar a colmatar a falta de alimentos destruído pelas explosões. Segundo o The Washington Post, …