Era capaz de morar com o seu chefe? Os funcionários da Fiveable sim

Imagina-se a passar 24 horas por dia, sete dias por semana com o seu chefe? Os funcionários da startup Fiveable trabalham, comem e dormem na mesma casa. 

Numa altura em que o mundo se vê a braços com uma pandemia e o teletrabalho se tornou omnipresente, uma startup norte-americana decidiu ir ainda mais longe: segundo o The Guardian, os funcionários da Fiveable moram todos na mesma casa.

A decisão foi tomada pelos líderes da empresa que, ao mesmo tempo que queriam cortar custos, decidiram proporcionar aos trabalhadores uma experiência única. E os participantes desta aventura fazem um balanço muito positivo.

“Viver e trabalhar juntos não é para todos, mas para a Fiveable funcionou”, disse a fundadora e CEO Amanda DoAmaral. “Não apenas porque fomos capazes de nos mudar rapidamente, com o benefício de poder colaborar no conforto da nossa casa, mas porque também identificamos e construímos relacionamentos com outras pessoas que se importam tanto quanto nós com a nossa missão e objetivos.”

A empresa, especializada em tecnologia educacional, mudou-se para Milwaukee, no Wisconsin, na primavera de 2019.

A startup teve que reduzir custos e a coabitação parecia ser a solução ideal. Para promover esse estilo de vida original, a Fiveable elevou a fasquia: os funcionários que optassem por morar na casa não pagariam renda durante um ano, receberiam um salário integral e desfrutariam de algumas regalias, como um ginásio gratuito.

Além disso, também não teriam de custear as despesas das mudanças.

Apesar de ser uma oferta tentadora, a verdade é que morar com os chefes não é fácil – e chega, até, a ser desconfortável no início. “Eu queria impressioná-los“, disse Harry Cap ao diário britânico. Quando se mudou, o funcionário teve receio de que o seu comportamento fora do horário de trabalho ofuscasse as suas capacidades profissionais.

Inevitavelmente, os problemas acabam por se agravar pela convivência, mesmo quando a nossa casa é também o nosso local de trabalho. “Qualquer conflito que tenhamos tem que ser resolvido muito rapidamente, porque não queremos que isso afete o que estamos a fazer”, disse o diretor da experiência da Fiveable, Tan Ho.

Demitir alguém é uma merda“, confessou DoAmaral, que teve de demitir funcionários, incluindo aqueles que considerava seus amigos.

Nesta realidade também é difícil encontrar o equilíbrio entre o trabalho e a vida privada. Os computadores estão sempre ligados em casa e o conceito de fim de semana parece turvo. “Procuramos não trabalhar aos sábados. E os domingos são uma espécie de meio-dia”, rematou DoAmaral.

  Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Se era capaz de morar na casa do chefe?? Então não era… A mulher dele faz umas panquecas… Ui, é de chorar por mais!

RESPONDER

Rorhwerk, o maior instrumento musical do mundo

Rohrwerk, uma obra de arte efémera, é a maior "fábrica do som" do mundo

Uma espécie de "pavilhão do som". Alunos da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, criaram um novo instrumento musical, o maior alguma vez construído. Com 45 metros de altura, a obra de arte imponente …

Costa já pediu desculpas às confederações patronais. "Houve um lapso"

O primeiro-ministro afirmou, esta sexta-feira, que já apresentou um pedido de desculpas às confederações patronais por o Governo ter aprovado duas medidas na área do trabalho sem antes as ter apresentado em Concertação Social. À chegada …

Luxemburgo torna-se o primeiro país da Europa a legalizar o cultivo e consumo de canábis

O Governo luxemburguês anunciou, esta sexta-feira, que o país será a primeira nação do Velho Continente a legalizar o cultivo e o consumo de canábis. De acordo com a nova legislação, explica o jornal The …

Prisão preventiva para suspeitos da morte de jovem no metro das Laranjeiras

Os quatro suspeitos da morte de um jovem, na quarta-feira, na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa, ficaram em prisão preventiva, depois de presentes a primeiro interrogatório judicial. Os quatro arguidos, com idades entre os …

Cristiano vs. Salah: Klopp não queria comparar mas comparou

Treinador do Liverpool não acredita que vai encontrar um adversário debilitado: "Eles são capazes de fazer coisas incríveis". É o grande jogo de futebol no Reino Unido e um dos mais aguardados em todos os países: …

Bastonário dos Médicos considera direção executiva do SNS "um disparate"

O bastonário da Ordem dos Médicos considera que a criação da direção executiva do Serviço Nacional de Saúde, proposta no Estatuto do SNS aprovado esta quinta-feira, é "um disparate" e que há estruturas que podem …

João Leão no Parlamento: "A alternativa é um Orçamento apresentado pelo PSD"

O ministro das Finanças afirmou, esta sexta-feira, na Assembleia da República, que a alternativa à viabilização à esquerda da proposta de Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) é um Orçamento feito pelo PSD. "A alternativa que …

Mais de 30 mil mulheres polacas recorreram a métodos de aborto ilegais ou no estrangeiro desde a alteração na lei

Proibição à interrupção voluntária da gravidez entrou em vigor no início deste ano e as  exceções só se aplicam a casos de violações, incestos ou quando a saúde da mãe está em risco. Pelo menos 34 …

Fenprof anuncia nova greve no dia 12 e concentração em frente ao Parlamento

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) anunciou, esta sexta-feira, a realização de uma concentração em frente à Assembleia da República no dia 5 de novembro e a adesão à greve nacional da Administração Pública marcada …

Luis Díaz será a prioridade do Newcastle

Valor de mercado será agora inacessível para os clubes italianos, escreve-se... em Itália. O novo Newcastle deverá atacar o mercado do futebol com estrondo, possivelmente já daqui a pouco mais de dois meses, e a prioridade …