Milionário da Somague declara falência e pede perdão de 67 milhões de euros

Tiago Petinga / Lusa

O ex-presidente da Somague, Diogo Vaz Guedes, declarou falência, pedindo o perdão de dívidas superiores a 67 milhões de euros. O Novo Banco e o BCP estão entre os credores do milionário.

O jornal Correio da Manhã (CM) avança que Diogo Vaz Guedes foi declarado insolvente no final de 2017, depois de alegar que lhe “faltam meios financeiros” para cumprir as dívidas que chegam aos 67,2 milhões de euros.

O antigo presidente da construtora Somague apresentou o pedido de perdão destas dívidas no Tribunal de Comércio de Sintra. Entre os seus credores estão o Novo Banco e o BCP que não se opuseram a esse pedido, como frisa o CM.

O jornal nota que Vaz Guedes só tem dois bens em seu nome, a casa onde mora, na Quinta Patiño, um condomínio de luxo em Cascais, e um automóvel.

Além disso, alegou que recebe apenas 500 euros por mês das empresas moçambicanas onde tem participações, a Kuikila Investments e a Prime Gas.

O Expresso noticiou que em Agosto de 2017, a Kuikila Investments, que se dedica a projectos energéticos, recebeu um subsídio de 880 mil dólares (750 mil euros) da Agência norte-americana de Comércio e Desenvolvimento para realizar um estudo em Moçambique.

No pedido de perdão de dívida enviado ao Tribunal, Vaz Guedes alegou que “por força da prestação de garantias pessoais às sociedades Gespura SGPS, SA e Stravaganza SGPS, SA contraiu dívidas que ascendem a 62 865 466 euros que as referidas sociedades não têm condições de pagar”, cita o CM.

Àquela verba “acrescem 4 331 944 euros de responsabilidades por si directamente contraídas, em situação de incumprimento”, acrescenta o ex-líder da Somague no documento enviado ao Tribunal.

Daqui a cinco anos, caso Vaz Guedes não consiga pagar as dívidas e se cumprir os termos do processo de insolvência, receberá a confirmação do perdão das mesmas.

Em 2016, a Aquapura Hotels Villas & SPA, a empresa de turismo que Vaz Guedes fundou com o apoio do presidente da EDP, António Mexia, foi também declarada insolvente, deixando dívidas de 46 milhões de euros. Entre os seus credores estavam a Caixa Geral de Depósitos.

A Somague, de que Vaz Guedes foi líder, chegou a ser uma das maiores construtoras portuguesas. Acabou por ser vendida ao grupo Sacyr em 2003, por um valor da ordem dos 180 milhões de euros, segundo foi noticiado.

A construtora continua no activo em Portugal e em Angola, tendo recentemente liderado o consórcio que venceu a empreitada de reparação da Ponte 25 de Abril, por uma verba de 12,6 milhões de euros.

ZAP //

PARTILHAR

30 COMENTÁRIOS

  1. Perdão?? Essa é boa. Vamos todos ficar a dever MILHÕES , declaramos falência e fica tudo bem…
    Estes vigaristas são RIDICULOS, espero que não haja perdão coisa nenhuma e façam pagar c/ tem MT. Que é certamente o caso, ou temos outro Ricardinho e Socrates. Se for o caso então vamos todos utilizar a mesma tática.

  2. São notícias como esta que me fazem pensar se na verdade Portugal é um País a sério ou se pelo contrário tudo não passa de um brincadeira, e os sucessivos governos não fazem mais do que brincar com as (poucas) pessoas honestas que ainda não emigraram. Este “artista” português declarou insolvência pois deixou de ter capacidade para pagar as suas dívidas, pouca coisa, 67 milhões de euros. Conclui ainda o Tribunal que o pobre insolvente apenas possui como bens, a sua casa, na Quinta Patiño, pois claro, e um automóvel (certamente que não é um Fia Punto). E se alguém tinha dúvidas que há portugueses de 1ª, de 2ª e de 3ª, ficou aqui o esclarecimento. Se eu deixar de pagar a prestação do cartão de crédito, penhoram-me a casa e o carro, pois sou seguramente português de 3ª, enquanto um gestor, que foi vigarista ou incompetente, cheio de dívidas, mantém a sua mansão e a sua viatura intocáveis, quando no mínimo deveria estar preso. Enfim, sem mais comentário.

  3. Pois, parece que o cidadão normal se deve, tem de pagar, e depois há outro tipo de cidadãos que têm como que um botão de “reset”, onde basta carregar e as dívidas astronómicas desaparecem.
    Não sei porque, mas os que mais carregam nesse botão são que que mais têm… e ninguém faz nada…
    Serei só eu a pensar que aqui há trafulhice e subversão das “regras do jogo”???

    • Isso é mentira e anda muito mal informado. Infelizmente anda aí muito artista que há primeira coisa atira-se logo ao chão e pede logo o estatuto de insolvente. Passado cinco anos está limpinho.
      E há advogados especialistas nessas coisas. Não são só os ricos. Informe-se e deixe-se de ser pateta.

    • Bem se vê que desconhece profundamente o assunto que aborda. O estatuto de insolvente é passível de atribuição a qualquer pessoa. Passados cinco anos estão “reabilitados”. E, regra geral, nada ou pouco pagam aos credores. E nalguns casos até têm fontes de rendimento mas “orientadas” para outras pessoas. Andam por aí muitos artistas a aproveitarem-se disto.

  4. SOMA(E SE)GUE:
    COITADO!!! SÓ(!) A CASA NA QUINTA DO PATIÑO E O CARRO… E VIVE COM 500€ NA QUINTA DO PATIÑO!!
    SÓ A AGUA PARA A REGA DOS JARDINS DEVE CUSTAR MAIS DE 500€!! e eu sou o Pai Natal
    E o resto escondido, fora do país e em nome dos familiares???? transferiu dívidas das empresas para ele, APRESENTAR-SE À INSOLVENCIA E LIMPAR TUDO EM 5 ANOS.
    É DE PEDIR UMA CAMPANHA NACIONAL DE SOLIDARIEDADE……

  5. Quando devemos 50 mil euros ao banco temos um problema, quando devemos 67 milhões, o banco tem um problema. São estas as regras do jogo

  6. Milionário da Somague ?!?
    Este sujeito deveria entrar em processo de insolvência, sendo-lhe retirada toda a fortuna para cobrir o prejuízo que provocou.
    Mas nada vai acontecer… afinal estamos num dos países mais corruptos do mundo, e este sujeito ainda vai ser elogiado por algum juiz por ser tão sincero… !! Os advogados de defesa já devem fazer fila para ficarem com uma boa parte do saque.
    O MP nem sequer se vai dar ao trabalho de descobrir o destino desses 67 milhões de euros !!

  7. Outro perdão para mais um corrupto???Já não basta???Andamos a pagar mais impostos para recuperar bancos e portanto não aturamos mais perdões!!!

  8. PARA AQUELES QUE ACHAM QUE ISTO É SO PARA ALGUNS :Em 2014, das 14.625 de insolvências decretadas, a maioria (10.242) foram de particulares ou famílias, uma situação que se manteve em 2015, ano em que das 15.292 falências decretadas, 10.585 correspondiam a pessoas singulares, segundo dados do Ministério da Justiça avançados à Lusa.

    • E por acaso, sim, por um mero acaso, sr. otario, V. Exa. sabe a que se devem essas insolvências de particulares ou famílias? Quais as razões e/ou motivos que levou essa gente a pedir insolvência? Ou é só e apenas botar faladura?

      • oh shº Camargo porque é que acha que milhares de famílias entraram em insolvência , essa ate vou deixar v/Ex responder , porque não tinham dinheiro para pagar, já sei que me vai responder foi a crise, os bancos, o Sócrates, e o cab. da do senhorio que me aumentou a renda

  9. Deixei de comentar este tipo de situações dado que desde há muito que está mais que dado adquirido: ricos podem falir devendo milhões e não pagam; pobres ou pagam ou são penhorados de imediato.

  10. É milionário porque paga o contribuinte que trabalha para alimentar a família. Esse contribuinte que se ficar a dever 10€ aos fisco passa a dormir na rua pois é despejado.
    É esta a matéria de que o nosso país é feito. Quando se diz país de M…..

  11. “O jornal nota que Vaz Guedes só tem dois bens em seu nome, a casa onde mora, na Quinta Patiño, um condomínio de luxo em Cascais, e um automóvel.”

    Os dois bens afinal são três… ou estarei a contar mal?

    • Estás a contar bem – o jornalista é que não sabe escrever!
      Deveria ser assim:
      “O jornal nota que Vaz Guedes só tem dois bens em seu nome, a casa onde mora, na Quinta Patiño (um condomínio de luxo em Cascais) e um automóvel”!!

  12. E para quem não sabe……. JÁ TÊM o PERDÃO dos Maiores credores, BCP e Novo Banco! Como alguém disse, mas em outro assunto…… as oligarquias estão aí e protegem-se umas às outras. No fim, PAGA Zé Povinho! O País da Democracia conquistada com cravos NÃO é para todos!

  13. Claro. Eu ontem fui às finanças negociar uma dívida de 7800€, estou desempregado, vou começar a trabalhar e por isso resolvi negociar a dívida. A resposta é: Sim senhor mas tem que nos dar uma “garantia”. Como é que vou dar uma garantia se não tenho bens nenhuns, tenho uma conta bancária miserável, mesmo miserável? Se não der uma “garantia” vem aí uma penhora sobre o vencimento, o que é meio caminho andado para um novo desemprego. A estes senhores é só facilidades, até gostava de saber como +e que ele com 500€ mensais paga o condomínio na Quinta Patino. Quem é que querem enganar com estas merdas senhores do governo? No meu caso, estou no precipício, em vez de me darem a mão para me ajudarem, não… deram-me mais um empurrão!!! TRISTE ESTE PAÍS.

RESPONDER

Portugal a dois pontos de atingir 85% da vacinação completa

Mais de 8,5 milhões de pessoas já têm a vacinação completa contra a covid-19, o que faz com que Portugal esteja a dois pontos percentuais de atingir a meta de 85% da população totalmente vacinada. Segundo …

Encontrada parte da matéria perdida do Universo

As galáxias podem receber e trocar matéria com o seu ambiente externo graças aos ventos galácticos criados por explosões estelares. Devido ao instrumento MUSE do VLT (Very Large Telescope) do ESO, uma equipa internacional liderada …

A Lilium testou o seu táxi voador de quinta geração — com direito a vídeo e som

Empresa alemã quer tornar-se uma referência do transporte aéreo de nova geração, pelo que se tem esforçado por responder a todos os pedidos e solicitações de melhorias enviadas por possíveis compradores. O modelo eVTOL da empresa …

Irão disponível para negociações sobre acordo nuclear nas próximas semanas

O Irão retornará às negociações sobre a retomada do acordo nuclear de 2015 nas próximas semanas, avançou o Ministério dos Negócios Estrangeiros esta terça-feira, apesar das suspeitas das potências ocidentais sobre a estratégia de Teerão …

Depois do Loon, nasce o Taara. Projeto usou lasers para transmitir 700TB de dados

Depois da morte do Projeto Loon, no início do ano, nasceu o Projeto Taara, que utilizou lasers para transmitir 700TB de dados através do rio Congo. O projeto muda, o nome é diferente, mas a missão …

Vizela - Paços de Ferreira bateu recorde de assistência na I Liga

Maior número de adeptos do campeonato também foi registado nesta jornada, no Benfica-Boavista; mas em termos de ocupação do estádio, o Vizela deixou longe toda a concorrência. Desde os anos 80 do século passado que não …

150 anos antes da viagem histórica de Colombo, um frade italiano escrevia sobre a America

Por volta do ano 1340, Galvano Fiamma registou, na sua Cronica universalis, a existência de terras a oeste da Gronelândia habitadas "por gigantes". Trata-se da primeira menção documentada do continente americano no Mediterrâneo, cerca de …

Os antigos compadres zangaram-se de vez. Trump puxa os cordelinhos nos bastidores para correr com McConnell

A relação de altos e baixos entre os dois azedou de vez depois de McConnell ter reconhecido a vitória de Joe Biden. Trump quer agora que um Republicano concorra contra McConnell pelo cargo da liderança …

Bombeiros embrulharam a maior árvore do mundo em papel de alumínio. Tudo para a proteger

O incêndio consumiu milhares de acres na Califórnia e o National Park Service viu-se obrigado a intensificar os seus esforços para proteger as jóias naturais, incluindo as maiores árvores do mundo. Os incêndios Colony e Paradise …

EUA trocaram "guerra implacável" por "diplomacia implacável" no Afeganistão, diz Biden

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, disse esta terça-feira à Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) que o país se está a concentrar na "diplomacia implacável" e no encerramento de uma era de …