Merkel despede-se da CDU e espera vitória da sua protegida

Felipe Trueba / EPA

Annegret Kramp-Karrenbauer, conhecida como AKK ou mini-Merkel, será a preferida da chanceler alemã. Foi Angela Merkel quem indicou AKK para o cargo de secretária-geral da CDU quando ascendeu ao topo da hierarquia partidária.

Os 1001 delegados do partido conservador vão dar, esta sexta-feira, um sinal ao escolherem quem sucede na chefia a Angela Merkel, uma vez que os dois principais concorrentes têm uma abordagem tão diversa à política que uma é apelidade de mini-Merkel e o outro de anti-Merkel, escreve o DN.

Annegret Kramp-Karrenbauer, conhecida como AKK, é a protegida da chanceler, que a indicou para o cargo de secretária-geral da CDU, cargo que a própria exerceu entre 1998 e abril de 2000.

AKK é também a preferida dos votantes da CDU. Segundo a mais recente sondagem publicada pelo canal ARD, 48% do eleitorado da CDU votaria nela. A segunda escolha, com 35%, é Friedrich Merz e, por fim, Jens Spahn. O ministro da Saúde, de 38 anos, caiu 10% em relação à anterior sondagem e só recolhe dois pontos percentuais.

AKK, de 56 anos, reúne ainda apoios entre atuais e ex-ministros do governo nacional e estadual. “Tem experiência no governo, ganhou eleições, é dura, foi ministra do Interior no Sarre, sabe afirmar-se e tem um coração com pendor social”, disse o antigo ministro do Interior Thomas de Maiziere. Tem também a preferência de algumas organizações partidárias, como a CDA – Associação dos Trabalhadores Democratas-Cristãos.

Na disputa entre os dois principais candidatos não caiu bem o apoio público do presidente do Bundestag (Parlamento alemão), Wolfgang Schäuble, a Friedrich Merz.

Em resposta, o ministro da Economia, Peter Altmeier, mostrou “surpresa”. “Uma vez que Wolfgang Schäuble rompeu o silêncio, posso dizer: estou convencido de que, com Annegret Kramp-Karrenbauer, temos a melhor hipótese de unir a CDU e ganhar as eleições.”

Merz, o “anti-Merkel”

Friedrich Merz, afastado por Merkel da liderança do grupo parlamentar em 2002, acabou por abandonar a vida política há dez anos. O advogado é um bem-sucedido administrador de empresas, em especial da filial alemã do banco de investimento BlackRock.

Se AKK representa a continuidade de uma política pragmática e centrista, Merz promete a rutura. As suas ideias são mais liberais do ponto de vista económico, mas mais conservadoras nos temas sociais, a ponto de ser comparado a Donald Trump.

Como Jens Spahn, é adepto de uma política de imigração mais fechada. “A abertura das fronteiras não pode ser um convite para permitir um afluxo não controlado à Alemanha, sobre o qual ainda hoje não recuperámos o controlo. Ainda há de 200 mil a 250 mil migrantes na Alemanha cujo paradeiro e origens desconhecemos”, afirmou.

Merz propõe ainda a entrada do Estado no mercado bolsista para “criar uma melhor riqueza e acumulação de capital a longo prazo para os agregados familiares” e um suplemento à poupança-reforma.

Já AKK prefere fazer um discurso virado para o partido, ao afirmar que é “profunda conhecedora do partido” e que tem experiência em vencer eleições.

As primeiras sondagens davam preferência a Merz, de 63 anos, que é visto como o mais competente, mas Kramp-Karrenbauer tomou a dianteira e é também vista como a mais credível, mais simpática e quem representa melhor os interesses do cidadão comum.

Angela Merkel é a chefe do governo alemão há 13 anos e líder da CDU há 18. Anunciou, a 29 de outubro, a intenção de não se recandidatar à liderança do partido. O congresso que vai escolher o sucessor está marcado para esta sexta-feira e sábado, em Hamburgo.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

China proíbe a venda de vários modelos de iPhone (e as ações da Apple caem)

As ações da gigante norte-americana Apple sentiram uma queda de 1,7% na bolsa de Nova Iorque depois de o Tribunal de Fuzhou, na China, ter proibido a venda de alguns modelos de iPhone no país. …

Suspeito da morte de Maëlys admite ter filmado agressões sexuais a crianças

O principal suspeito da morte da jovem lusodescendente Maëlys de Araújo admitiu ter filmado agressões sexuais contra a afilhada e a prima, de quatro e seis anos de idade, respetivamente, antes de, alegadamente, matar a …

Preço do bilhete para visitar o Taj Mahal sobe 400% (para os indianos)

Os especialistas alertam que o fluxo de pessoas está a causar danos irreversíveis ao monumento emblemático mais importante da Índia. O preço do bilhete para os visitantes indianos do Taj Mahal foi aumentado em 400%, na …

Morreu Gérman, o último habitante das ilhas Ciés

Germán Luaces Freijeiro, de 54 anos, instalou-se no arquipélago de Cíes, localizado na foz do estuário de Vigo, em meados dos anos 90 e nunca mais se voltou a mudar. Vivia sozinho naquelas ilhas onde acolhia …

Atentado no Mercado de Natal de Estrasburgo faz quatro mortos e nove feridos

Um tiroteio que ocorreu esta terça-feira na cidade francesa de Estrasburgo, no local onde ocorre o Mercado de Natal, fez pelo menos quatro mortos e nove feridos, anunciou a autarquia local. A Câmara Municipal de Estrasturgo …

Galatasaray vs Porto | Eficácia dá vitória e record de pontos

O FC Porto não abranda e somou a 12ª vitória consecutiva em todas as competições. Na deslocação ao terreno do Galatasaray, em jogo da sexta jornada do Grupo D da Liga dos Campeões, os “dragões” tiveram …

"O luxo do século XXI vai ser o interior de Portugal"

O Turismo está "a cumprir bem" o seu papel no combate ao despovoamento, considera o presidente da Turismo Centro, Pedro Machado, que vaticina que "o luxo do século XXI vai ser o Interior de Portugal". O …

Mãe tenta vender virgindade da filha na Internet por 21 mil euros

Uma mãe pôs à venda a virgindade da filha de 13 anos na Internet por 21.200 euros. A mulher chegou a enviar fotografias de carácter sexual da filha ao comprador, mas não esperava o desfecho …

Há polícias a dormir no carro devido aos preços dos quartos

Sem dinheiro para arrendar quartos, face aos preços praticados, "há polícias a dormir dentro de carros", denuncia o Sindicato dos Profissionais de Polícia (SPP). Acabados de formar na Escola Prática de Polícia, em Torres Novas, os …

António Lobo Antunes lamenta que Portugal e Espanha não sejam o mesmo país

O escritor António Lobo Antunes lamentou que portugueses e espanhóis não sejam cidadãos do mesmo país, numa entrevista dada ao jornal catalão La Vanguardia no âmbito da Feira Internacional do Livro de Guadalajara e publicada …