Merkel despede-se da CDU e espera vitória da sua protegida

Felipe Trueba / EPA

Annegret Kramp-Karrenbauer, conhecida como AKK ou mini-Merkel, será a preferida da chanceler alemã. Foi Angela Merkel quem indicou AKK para o cargo de secretária-geral da CDU quando ascendeu ao topo da hierarquia partidária.

Os 1001 delegados do partido conservador vão dar, esta sexta-feira, um sinal ao escolherem quem sucede na chefia a Angela Merkel, uma vez que os dois principais concorrentes têm uma abordagem tão diversa à política que uma é apelidade de mini-Merkel e o outro de anti-Merkel, escreve o DN.

Annegret Kramp-Karrenbauer, conhecida como AKK, é a protegida da chanceler, que a indicou para o cargo de secretária-geral da CDU, cargo que a própria exerceu entre 1998 e abril de 2000.

AKK é também a preferida dos votantes da CDU. Segundo a mais recente sondagem publicada pelo canal ARD, 48% do eleitorado da CDU votaria nela. A segunda escolha, com 35%, é Friedrich Merz e, por fim, Jens Spahn. O ministro da Saúde, de 38 anos, caiu 10% em relação à anterior sondagem e só recolhe dois pontos percentuais.

AKK, de 56 anos, reúne ainda apoios entre atuais e ex-ministros do governo nacional e estadual. “Tem experiência no governo, ganhou eleições, é dura, foi ministra do Interior no Sarre, sabe afirmar-se e tem um coração com pendor social”, disse o antigo ministro do Interior Thomas de Maiziere. Tem também a preferência de algumas organizações partidárias, como a CDA – Associação dos Trabalhadores Democratas-Cristãos.

Na disputa entre os dois principais candidatos não caiu bem o apoio público do presidente do Bundestag (Parlamento alemão), Wolfgang Schäuble, a Friedrich Merz.

Em resposta, o ministro da Economia, Peter Altmeier, mostrou “surpresa”. “Uma vez que Wolfgang Schäuble rompeu o silêncio, posso dizer: estou convencido de que, com Annegret Kramp-Karrenbauer, temos a melhor hipótese de unir a CDU e ganhar as eleições.”

Merz, o “anti-Merkel”

Friedrich Merz, afastado por Merkel da liderança do grupo parlamentar em 2002, acabou por abandonar a vida política há dez anos. O advogado é um bem-sucedido administrador de empresas, em especial da filial alemã do banco de investimento BlackRock.

Se AKK representa a continuidade de uma política pragmática e centrista, Merz promete a rutura. As suas ideias são mais liberais do ponto de vista económico, mas mais conservadoras nos temas sociais, a ponto de ser comparado a Donald Trump.

Como Jens Spahn, é adepto de uma política de imigração mais fechada. “A abertura das fronteiras não pode ser um convite para permitir um afluxo não controlado à Alemanha, sobre o qual ainda hoje não recuperámos o controlo. Ainda há de 200 mil a 250 mil migrantes na Alemanha cujo paradeiro e origens desconhecemos”, afirmou.

Merz propõe ainda a entrada do Estado no mercado bolsista para “criar uma melhor riqueza e acumulação de capital a longo prazo para os agregados familiares” e um suplemento à poupança-reforma.

Já AKK prefere fazer um discurso virado para o partido, ao afirmar que é “profunda conhecedora do partido” e que tem experiência em vencer eleições.

As primeiras sondagens davam preferência a Merz, de 63 anos, que é visto como o mais competente, mas Kramp-Karrenbauer tomou a dianteira e é também vista como a mais credível, mais simpática e quem representa melhor os interesses do cidadão comum.

Angela Merkel é a chefe do governo alemão há 13 anos e líder da CDU há 18. Anunciou, a 29 de outubro, a intenção de não se recandidatar à liderança do partido. O congresso que vai escolher o sucessor está marcado para esta sexta-feira e sábado, em Hamburgo.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Forças armadas alemãs ponderaram recrutar estrangeiros (mas ninguém se quis juntar)

As forças armadas da Alemanha estão a lutar para atrair recrutas muito necessárias, com o número de novos soldados no Bundeswehr a cair para um recorde no ano passado. A escassez é um desafio urgente para …

FC Porto vs Vitória Setúbal | Superioridade total do dragão

O FC Porto não vacilou e regressou às vitórias na Liga NOS. Na recepção ao Vitória de Setúbal, os “dragões” venceram por 2-0, num jogo que esteve longe de ser espectacular e que valeu pela …

Os portugueses dormem pouco e mal

Os portugueses estão a descansar poucas horas, dormindo em média menos de seis horas diárias, com reflexos negativos na vida ativa e social, disse esta sexta-feira o presidente da Associação Portuguesa do Sono (APS), Joaquim …

Vaticano destitui ex-cardeal dos Estados Unidos por acusações de abusos sexuais

A Congregação para a Doutrina da Fé expulsou do sacerdócio o ex-cardeal e arcebispo emérito de Washington Theodore McCarrick depois de este ser acusado de abusos sexuais de menores e seminaristas, anunciou o Vaticano. Num comunicado, …

Maré de água suja atingiu a já debilitada Grande Barreira de Coral

Um enorme manto de água poluída oriunda das recentes inundações que se registaram no nordeste da Austrália penetrou em partes da já debilitada Grande Barreira de Coral, o maior recife de coral do mundo. Estas camadas …

É oficial: Pedro Marques é o cabeça-de-lista socialista às europeias

O atual ministro do Planeamento e das Infra-estruturas, Pedro Marques, é o cabeça de lista dos socialistas às eleições europeias. Era uma notícia já avançada por vários órgãos de comunicação social e hoje António Costa confirmou-a. …

Governo espanhol aprova ordem de exumação de Franco

O Governo espanhol aprovou a ordem para exumar o ditador Francisco Franco do seu atual lugar de enterro, o monumento do Vale dos Caídos, medida à qual a família ainda se opõe. Os familiares de Franco …

Sonda da NASA aperta órbita em preparação para a missão Marte 2020

A missão MAVEN (Mars Atmosphere and Volatile Evolution) da agência espacial norte-americana, já com 4 anos, está a embarcar numa nova campanha para apertar a sua órbita em torno de Marte. A operação vai reduzir …

Trump precisa de oito milhões de dólares para o muro e a Casa Branca explica onde os vai buscar

A Casa Branca identificou esta sexta-feira os fundos federais que serão utilizados pela administração de Donald Trump para conseguir financiar a construção do muro na fronteira com o México. O Presidente norte-americano declarou esta sexta-feira estado …

Desativação de bomba da II Guerra Mundial paralisa e evacua Paris

Mais de mil moradores e trabalhadores evacuados, comboios urbanos, nacionais e internacionais cancelados, estradas fechadas, rotas de autocarro desviadas e pelo menos uma estação de metro encerrada em Paris. Também o bairro de porte de La …