Marte antigo era ainda mais parecido com a Terra do que se pensava

NASA

A sonda norte-americana Curiosity

A sonda norte-americana Curiosity

Químicos encontrados nas rochas marcianas pelo rover Curiosity da NASA sugerem que o Planeta Vermelho já teve mais oxigénio na sua atmosfera do que tem agora.

O Curiosity, da NASA, forneceu novas evidências de que quantidades significativas de oxigénio já estiveram presentes na atmosfera de Marte.

Através do instrumento ChemCam do rover, cientistas do Laboratório Nacional de Los Alamos descobriram altos níveis de óxidos de manganês em rochas marcianas.

O rover fez a descoberta em fendas cheias de minerais nos arenitos da região da cratera de Gale, o que sugere que altos níveis de oxigénio flutuante existiram em Marte.

“As únicas formas cá na Terra, que sabemos fazerem estes materiais de manganês, envolvem oxigénio atmosférico ou micróbios,” afirma Nina Lanza, cientista planetária do Laboratório Nacional de Los Alamos no Novo México.

“Agora que vimos óxidos de manganês em Marte, queremos saber como é que se formaram”, explicou num comunicado.

De acordo com os investigadores, o manganês descoberto em Marte não seria capaz de se formar sem grandes quantidades de água em estado líquido e oxigénio. Ou seja, Marte um dia pode ter tido um ambiente como a Terra.

Marte pode ter sido habitável?

A hipótese colocada pela equipa de Lanza é a de que o oxigénio saiu da água que um dia o planeta teve para a atmosfera marciana, quando o campo magnético de Marte entrou em colapso.

“O oxigénio na atmosfera marciana pode ter vindo da quebra de água quando o planeta Marte estava a perder o seu campo magnético,” comenta Lanza. “Pensa-se que nessa altura da historia de Marte, a água era muito mais abundante”.

No entanto, sem um campo magnético para proteger a superfície, a radiação ionizante começou a dividir moléculas de água em hidrogénio e oxigénio.

Por causa da relativamente baixa gravidade de Marte, o planeta não foi capaz de agarrar os átomos mais leves de hidrogénio, mas os átomos mais pesados de oxigénio ficaram para trás.

Grande parte deste oxigénio foi inserido nas rochas, levando ao tom avermelhado que cobre a superfície hoje em dia. Apesar dos famosos óxidos de ferro avermelhados de Marte necessitarem apenas de um ambiente pouco oxidante para se formarem, os óxidos de manganês necessitam de um ambiente fortemente oxidante.

“É difícil confirmar se este cenário de oxigénio atmosférico de Marte realmente ocorreu. Mas é importante notar que esta ideia representa um desvio no nosso conhecimento de como as atmosferas planetárias podem tornar-se oxigenadas”.

O Curiosity investiga a Cratera Gale desde 2012. Os materiais ricos em manganês que encontrou estão em fendas cheias de minerais situadas em arenitos da região “Kimberley” da cratera.

Mas este não é o único lugar onde as altas abundâncias de manganês foram descobertas. O rover Opportunity, que explora Marte desde 2004, também descobriu recentemente elevados depósitos de manganês a milhares de quilómetros do Curiosity.

Isto suporta a ideia de que as condições necessárias para formar esses materiais estavam presentes muito além da cratera Gale.

ZAP / CCVAlg / Hypescience

PARTILHAR

RESPONDER

Planta que não se reproduzia há 60 milhões de anos no Reino Unido revivida pelas alterações climáticas

Há 60 milhões de anos que as cicas não se reproduziam no Reino Unido. Agora, com a subida das temperaturas devido às alterações climáticas, fizeram-no pela primeira vez. As cicas são plantas lenhosas muito parecidas com …

Líderes políticos e religiosos ultraconservadores reunidos secretamente em Fátima

A reunião foi promovida pela International Catholic Legislators Network (ICLN). O encontro começou na quinta e termina este domingo. Entre muitos, conta com a participação do primeiro-ministro húngaro, Viktor Orbán. Vários líderes políticos e religiosos ultraconservadores …

Rio alerta para "divórcio violento" e medo de Costa em perder votos para o BE

O líder do PSD, Rui Rio, disse este sábado que as críticas de António Costa ao Bloco de Esquerda refletem "ingratidão" e o "medo" que o Partido Socialista tem em "perder" votos para os bloquistas …

Trump diz que Boris é "o homem certo" e promete "grande acordo comercial"

Os dois líderes estiveram reunidos à margem da cimeira do G7. Trump elogiou Boris e garantiu que o acordo comercial com o Reino Unido será rápido depois do Brexit. Johnson diz que será "fantástico". O Presidente …

Uma impressora 3D construiu uma casa em apenas 12 horas

A impressora 3D S-Squared (SQ3D) construiu um protótipo básico de uma casa em cerca de 12 horas. A estrutura tem 46 metros quadrados e foi construída através de uma mistura de cimento em camadas. O trabalho …

Uma estrela supermassiva explodiu e aniquilou tudo à sua volta

Uma estrela renegada, que explodiu numa galáxia distante, forçou os astrónomos a colocar de lado décadas de investigação e a concentraram-se num novo tipo de supernova que pode aniquilar completamente a sua estrela-mãe - não …

G7: Macron e Trump com "elementos de convergência" sobre Amazónia, Irão e comércio

O Presidente francês, Emmanuel Macron, conversou este sábado com o Presidente norte-americano, Donald Trump, durante o almoço, que durou duas horas, sobre "elementos de convergência" relativos ao comércio, ao Irão e aos fogos na Amazónia, …

Dieta com poucos hidratos de carbono pode acabar com as enxaquecas

Pessoas que têm enxaquecas frequentes sabem que qualquer dica é bem-vinda. Aqui vai uma nova: uma dieta com poucos hidratos de carbono pode ser uma boa arma para evitar estas crises. Desde 1920 que os …

Encontrado o estaleiro mais antigo do mundo. Estava afundado na costa de Inglaterra

https://vimeo.com/355759312 Arqueólogos descobriram uma estrutura de madeira com 8.000 anos de idade — que será o local de construção de barcos mais antigo do mundo. A arquitetura estava particularmente bem preservada considerando o facto de estar 11 …

Astrónomos treinam IA para encontrar antigas colisões de galáxias

Há luzes brilhantes em todo o Universo que representam as colisões de galáxias. Os astrónomos encontraram agora uma nova forma de as encontrar. Há luzes brilhantes em todo o Universo que representam as colisões de galáxias. …