Mais de 170 padarias multadas por restrição de venda de pão na Venezuela

fortinbras / Flickr

-

Nas últimas 48 horas, foram multadas 171 padarias, incluindo várias propriedade de portugueses radicados na Venezuela, por, alegadamente, estarem a restringir a oferta e a condicionar a venda de pão, anunciaram este domingo as autoridades venezuelanas.

“Não há razão para que os donos das padarias apliquem estes mecanismos de restrição da oferta, quando o Estado venezuelano, através do Ministério Popular para a Alimentação, tem garantido a matéria-prima básica, como é a farinha de trigo”, disse William Contreras, da Superintendência Nacional para a Defesa dos Direitos Socioeconómicos.

William Contreras falava aos jornalistas durante uma inspeção à Gran Majestic II, uma padaria propriedade de empresários portugueses que também foi multada e obrigada a encerrar por um período de 72 horas.

O responsável explicou que chegaram recentemente à Venezuela, 27 mil toneladas de farinha de trigo, provenientes do Canadá, e que algumas padarias foram ainda sancionadas por boicote, açambarcamento e insalubridade.

“Estamos também a fiscalizar as empresas que distribuem este farinha de trigo às padarias, uma vez que temos recebido denúncias de condicionamentos e restrição no fornecimento”, frisou.

“Desculpe, não temos pão”

Desde o passado mês de fevereiro que o setor venezuelano da panificação se declarou em emergência por falta de matéria-prima para fazer o pão e outros produtos, sendo frequente os letreiros com mensagens como “desculpe, não temos pão, por falta de farinha” em muitas padarias da Venezuela.

Em resposta, o Governo venezuelano anunciou a importação de mais de 50 mil toneladas de farinha de trigo, o que permitiu às padarias continuarem a funcionar.

No entanto os empresários queixam-se que o abastecimento de matéria-prima é irregular e insuficiente, o que tem levado a limitar a produção de pão a uma ou duas vezes ao dia e a venda a dois pães por pessoa.

Segundo o presidente da Federação Venezuelana de Industriais de Panificação e Afins (Fevipan), Tomás Ramos, as importações são insuficientes.

“Para que o inventário de farinha de trigo na Venezuela atinja níveis normais tem que haver 100 mil toneladas de matéria-prima nos moinhos e outras 100 mil toneladas em trâmites de importação”, mensalmente, disse aos jornalistas.

Por outro lado, segundo o presidente da Federação de Trabalhadores da Farinha (Fetraharina), Juan Crespo, cinco dos oito moinhos de trigo existentes no país “estão paralisados” por falta de matéria-prima.

Na Venezuela vigora, desde 2003, um apertado sistema de controlo cambial que impede a livre obtenção local de moeda estrangeira e obriga os empresários a recorrerem ao Executivo para obterem as autorizações necessárias para aceder às divisas (dólares) para as importações.

No entanto são cada vez mais frequentes as queixas de demoras e dificuldades para obter as autorizações e de que em muitos casos as divisas autorizadas são insuficientes e não são entregues atempadamente.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Fã descobriu morada de estrela pop nos reflexos nos olhos de uma selfie e atacou-a

A influencer japonesa Ena Matsouk que integra uma banda pop do país foi atacada sexualmente por um fã, depois de este ter descoberto onde é que morava através de uma selfie que ela publicou nas …

Comer bem melhora ativamente os sintomas de depressão

Uma nova investigação, levada a cabo por cientistas da Universidade Macquarie, na Austrália, sugere uma conexão casual entre a dieta e a depressão. Uma equipa de cientistas da Universidade Macquarie, na Austrália, realizou um estudo controlado …

Presidente da China promete esmagar o corpo e quebrar os ossos aos separatistas

O Presidente da China, Xi Jinping, afirmou que "quem tentar atividades separatistas em qualquer lugar da China acabará com o corpo esmagado e os ossos quebrados", de acordo com a edição digital desta segunda-feora do …

Ucrânia 2 vs 1 Portugal | Adeus ao primeiro em dia de CR700

O primeiro lugar do Grupo B já não foge à Ucrânia. Portugal foi a Kiev dominar e atacar muito, com 24 remates e diversas oportunidades, mas esbarrou no guarda-redes Andriy Pyatov – tal como no …

Primeira protagonista feminina de Astérix é parecida com a ativista Greta Thunberg

Como sempre, a saída de um novo álbum de Astérix, o grande herói da banda desenhada franco-belga, está rodeado de um grande segredo. Aliás, não poderia ser de outro modo pois é também um irredutível …

O Fortnite, um dos jogos mais populares do mundo, foi "engolido" por um buraco negro e desapareceu

O Fortnite, que já é considerado um dos jogos mais populares da atualidade, desapareceu durante o fim-de-semana. Agora, o que surge no ecrã dos jogadores, depois do fim da temporada X, é apenas um buraco …

Kais Saied eleito Presidente da Tunísia com 72,71% dos votos

O professor universitário Kais Saied, um estreante no mundo da política, foi eleito Presidente da Tunísia com 72,71% dos votos na segunda volta das presidenciais antecipadas de domingo, anunciou esta segunda-feira a instância eleitoral (Isie). De …

Série SpongeBob acusada de "violência", "racismo" e de perpetuar o "colonialismo"

A série infantil SpongeBob foi acusada de perpetuar o "racismo" e o "colonialismo" junto dos mais novos. A crítica é feita por uma professora da Universidade de Washington. No fundo do mar, a vida parece feliz. …

Neymar pára quatro semanas devido a lesão na coxa

O futebolista do Paris Saint-Germain Neymar (PSG) vai ficar afastado da competição nas próximas quatro semanas, após ter contraído uma lesão na coxa ao serviço da seleção brasileira, informou esta segunda-feira o clube francês no …

Vitor Baía e Villas-Boas voltam a abordar o futuro como potenciais sucessores de Pinto da Costa no FC Porto

André Villas-Boas foi entrevistado pela rádio France 3 e voltou a falar do sonho de ser presidente do FC Porto. Já Vitor Baía diz estar em paz em relação ao que poderá acontecer quando Pinto …