Macacos foram geneticamente modificados com cérebros humanos (e os seus neurónios aumentaram)

Um gene humano injetado nos cérebros dos macacos não apenas os tornou maiores, mas também aumentou a função dos neurónios, tornando os primatas “mais humanos”.

Os cérebros dos macacos são muito menores e mais lisos do que os cérebros humanos pois, durante a evolução, o neocórtex do nosso cérebro “dobrou” para formar a aparência enrugada, permitindo uma área de superfície maior do neocórtex no espaço restrito do crânio humano.

Um gene humano foi injetado nos fetos de sete saguis comuns e esses animais geneticamente modificados mostraram sinais de expansão do cérebro. Além disso, os cérebros dos macacos formaram partes enrugadas, como o que as que são vistas nos cérebros dos humanos, tal como o número de neurónios no neocórtex aumentou drasticamente.

O gene, denominado ARHGAP11B, controla o pensamento, o raciocínio e a linguagem conscientes e, após a injeção no cérebro do macaco, desencadeou o crescimento de mais células-tronco, o que resultou em cérebros maiores.

De acordo com o Daily Mail, estas experiências são “evocativas do filme Planeta dos Macacos, onde os primatas geneticamente modificados travam uma guerra contra a humanidade”.

O laboratório do investigador japonês Hideyuki Okano foi o primeiro a produzir saguis transgénicos com transmissão germinativa (GT).

Isto acontece quando as células-tronco embrionárias contribuem para as células reprodutivas de um mamífero (células germinativas) e são geneticamente passadas para os seus descendentes. No entanto, nesta experiência o GT não foi necessário, pois os fetos de sagui transgénicos não nasceram.

Okano referiu que os sete fetos de sagui estavam todos dentro do útero e foram retirados através de uma cesariana para análise durante a gravidez

Observou-se então que o neocórtex do cérebro do sagui comum “aumentou e a superfície do cérebro dobrou”. Além disso, a equipa também observou um aumento no número de neurónios da camada superior que aumentam com a evolução dos primatas.

O novo teste de injeção no cérebro de macaco revelou que o gene ARHGAP11B tem um grande impacto no desenvolvimento do cérebro e no aumento da funcionalidade.

Este tipo de experiências pode fazer com que os cientistas consigam alcançar novas barreiras tecnológicas e ajudar no tratamento de algumas doenças em humanos. As mesmas tecnologias usadas para “editar genes humanos” também estão a ser usadas em animais, que de acordo com a National Geographic, podem ser aplicadas na proteção de espécies ameaçadas como é o caso do demónio da Tasmânia.

Segundo o Ancient Origins, a edição de genes pode trazer de volta espécies animais já extintas.

De acordo com o bioeticista, R. Alta Charo, “desextinguir” poderia ser bom para ressuscitar características perdidas para a criação comercial, permitindo aos cientistas “misturar ou fazer novas espécies.

A cientista acredita que no futuro os bilionários podem oferecer às suas filhas “unicórnios de verdade” porque, provavelmente, estes vão existir através deste método.

O estudo foi publicado no jornal Science em julho.

ZAP //

PARTILHAR

12 COMENTÁRIOS

      • Conhecimento é muito bom… cultura geral também.
        Ele refere-se certamente aos macacos , etc… que vivem na India, Japão, China etc etc… quem já viu pelo menos um programa sobre eles na TV sabe isso.
        Em vez de futebol, leia, veja programas úteis.

  1. è das merdas mais parvas que podemos fazer, nós não precisamos destas experiências que só trazem mal ao mundo alterar a natureza mas enfim se eu manda-se…

  2. Unicórnios… lol. Se é isso que os cientistas querem desta tecnologia estamos bem tramados. E quando o unicórnio ou outros animais se transformarem num vector de propagação de mais doenças entre espécies? Estes cientistas não passam de capitalistas a criarem “produtos” vivos sem um propósito no ecosistema. E que tal utilizar a ciência para o bem comum em vez de fantasias económicas?

  3. Provavelmente estamos com um problema a nível mundial, pelo facto de O Homem querer fazer passar-se por Deus.
    Bando de imbecis, sou a favor do progresso e das novas tecnologias, em proveito do bem estar humano, e desde que se mantenha o equilíbrio Homem/Natureza, mas isto ultrapassa todos os limites, inclusive os da ética, e não se encaixa nos padrões que referi, em minha opinião

  4. Tanta coisa onde gastar tempo e dinheiro…
    Tratamento de doenças em humanos e prevenção de extinção de espécies, concordo. “Unicórnios”, OGM, comida transgénica e criação comercial de mutantes para produção alimentar… Livrem-nos deste mal, por favor!

RESPONDER

Encontradas fibras de poliéster em todo o Oceano Ártico

Investigadores encontraram fibras de poliéster em todo o Oceano Ártico. As evidências sugerem que lavar as nossas roupas está a contribuir para esta contaminação. Há muito tempo que o Ártico provou ser um barómetro da saúde …

Campus universitários nos Estados Unidos podem tornar-se super-propagadores da covid-19

Os campus universitários podem tornar-se super-propagadores do novo coronavírus, que causa a covid-19, para toda a sua área de abrangência, concluiu uma nova investigação levada a cabo nos Estados Unidos. Analisando os 30 campus universitários …

A "máscara mais inteligente do mundo" é recarregável, tem microfone e dá luz

A Razer afirma ter criado a máscara mais inteligente do mundo. O Projeto Hazel é um design com um revestimento externo feito de plástico reciclado à prova de água e é transparente para permitir a …

Novo tratamento permite que pessoas com lesões na espinal medula voltem a mexer mãos e braços

Uma equipa de investigadores da Universidade de Washington conseguiu ajudar seis participantes com lesões traumáticas da espinal medual a recuperar alguma mobilidade de mãos e braços. Muitas das pessoas que sofrem lesões traumáticas da espinal medula …

Ventiladores comprados à China custaram 1,3 milhões. Autarquias algarvias vão pedir devolução do dinheiro

Os 30 ventiladores comprados à China seriam usados nos hospitais do Algarve, mas os equipamentos não funcionam. Os autarcas vão agora exigir devolução do dinheiro. De acordo com a edição do jornal Público deste domingo, o …

EUA um passo atrás da China. Pequim leva avanço na Guerra Comercial (e as suas exportações estão em alta)

No ano em que a pandemia se expandiu em todo o mundo, muitos países viram-se em mãos com graves problemas financeiros e económicos. No caso da China, a situação foi mais positiva e o país …

Alexei Navalny detido no regresso à Rússia

O líder da oposição russa, Alexei Navalny, foi detido este domingo no aeroporto em Moscovo quando regressava à Rússia. Os serviços prisionais russos (FSIN) detiveram o opositor russo Alexei Navalny, este domingo, à chegada a Moscovo, acusando-o …

Prazo para trocas ou devoluções suspenso durante confinamento

O prazo para efetuar trocas ou devoluções de bens ficará suspenso durante o atual confinamento e as garantias que terminem neste período ou nos 10 dias seguintes serão prorrogadas por 30 dias, segundo diploma publicado …

Desde 2001 que polícias negros alertam para racismo de agentes do Capitólio

Com a invasão do Capitólio, investiga-se o alegado racismo existente na Polícia do Capitólio. Desde 2001 que agentes negros denunciam casos de discriminação racial no departamento. Desde 2001, centenas de agentes policiais negros processaram o departamento …

Um megatsunami devastou uma vila na Gronelândia. Três anos depois, há quem não possa voltar a casa

Em junho de 2017, Nuugaatsiaq, na Gronelândia, foi devastada por um megatsunami, cujas ondas foram desencadeadas por um enorme deslizamento de quase 30 quilómetros através do fiorde. Embora as ondas se tivessem dissipado quando chegaram a …