Macacos foram geneticamente modificados com cérebros humanos (e os seus neurónios aumentaram)

Um gene humano injetado nos cérebros dos macacos não apenas os tornou maiores, mas também aumentou a função dos neurónios, tornando os primatas “mais humanos”.

Os cérebros dos macacos são muito menores e mais lisos do que os cérebros humanos pois, durante a evolução, o neocórtex do nosso cérebro “dobrou” para formar a aparência enrugada, permitindo uma área de superfície maior do neocórtex no espaço restrito do crânio humano.

Um gene humano foi injetado nos fetos de sete saguis comuns e esses animais geneticamente modificados mostraram sinais de expansão do cérebro. Além disso, os cérebros dos macacos formaram partes enrugadas, como o que as que são vistas nos cérebros dos humanos, tal como o número de neurónios no neocórtex aumentou drasticamente.

O gene, denominado ARHGAP11B, controla o pensamento, o raciocínio e a linguagem conscientes e, após a injeção no cérebro do macaco, desencadeou o crescimento de mais células-tronco, o que resultou em cérebros maiores.

De acordo com o Daily Mail, estas experiências são “evocativas do filme Planeta dos Macacos, onde os primatas geneticamente modificados travam uma guerra contra a humanidade”.

O laboratório do investigador japonês Hideyuki Okano foi o primeiro a produzir saguis transgénicos com transmissão germinativa (GT).

Isto acontece quando as células-tronco embrionárias contribuem para as células reprodutivas de um mamífero (células germinativas) e são geneticamente passadas para os seus descendentes. No entanto, nesta experiência o GT não foi necessário, pois os fetos de sagui transgénicos não nasceram.

Okano referiu que os sete fetos de sagui estavam todos dentro do útero e foram retirados através de uma cesariana para análise durante a gravidez

Observou-se então que o neocórtex do cérebro do sagui comum “aumentou e a superfície do cérebro dobrou”. Além disso, a equipa também observou um aumento no número de neurónios da camada superior que aumentam com a evolução dos primatas.

O novo teste de injeção no cérebro de macaco revelou que o gene ARHGAP11B tem um grande impacto no desenvolvimento do cérebro e no aumento da funcionalidade.

Este tipo de experiências pode fazer com que os cientistas consigam alcançar novas barreiras tecnológicas e ajudar no tratamento de algumas doenças em humanos. As mesmas tecnologias usadas para “editar genes humanos” também estão a ser usadas em animais, que de acordo com a National Geographic, podem ser aplicadas na proteção de espécies ameaçadas como é o caso do demónio da Tasmânia.

Segundo o Ancient Origins, a edição de genes pode trazer de volta espécies animais já extintas.

De acordo com o bioeticista, R. Alta Charo, “desextinguir” poderia ser bom para ressuscitar características perdidas para a criação comercial, permitindo aos cientistas “misturar ou fazer novas espécies.

A cientista acredita que no futuro os bilionários podem oferecer às suas filhas “unicórnios de verdade” porque, provavelmente, estes vão existir através deste método.

O estudo foi publicado no jornal Science em julho.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

12 COMENTÁRIOS

      • Conhecimento é muito bom… cultura geral também.
        Ele refere-se certamente aos macacos , etc… que vivem na India, Japão, China etc etc… quem já viu pelo menos um programa sobre eles na TV sabe isso.
        Em vez de futebol, leia, veja programas úteis.

  1. è das merdas mais parvas que podemos fazer, nós não precisamos destas experiências que só trazem mal ao mundo alterar a natureza mas enfim se eu manda-se…

  2. Unicórnios… lol. Se é isso que os cientistas querem desta tecnologia estamos bem tramados. E quando o unicórnio ou outros animais se transformarem num vector de propagação de mais doenças entre espécies? Estes cientistas não passam de capitalistas a criarem “produtos” vivos sem um propósito no ecosistema. E que tal utilizar a ciência para o bem comum em vez de fantasias económicas?

  3. Provavelmente estamos com um problema a nível mundial, pelo facto de O Homem querer fazer passar-se por Deus.
    Bando de imbecis, sou a favor do progresso e das novas tecnologias, em proveito do bem estar humano, e desde que se mantenha o equilíbrio Homem/Natureza, mas isto ultrapassa todos os limites, inclusive os da ética, e não se encaixa nos padrões que referi, em minha opinião

  4. Tanta coisa onde gastar tempo e dinheiro…
    Tratamento de doenças em humanos e prevenção de extinção de espécies, concordo. “Unicórnios”, OGM, comida transgénica e criação comercial de mutantes para produção alimentar… Livrem-nos deste mal, por favor!

RESPONDER

O uso doméstico de carvão na China resulta em mortes prematuras

Um novo estudo indica que, na China, a poluição da queima de carvão residencial causa um número desproporcional de mortes prematuras por exposição a poluentes minúsculos inaláveis, conhecidos como PM2.5. A combustão do carvão por centrais …

Estudo alerta para níveis preocupantes de produtos químicos tóxicos no leite materno

Um novo estudo, que analisou o leite materno de mulheres americanas quanto à contaminação por PFAS, detetou o produto químico tóxico em todas as 50 amostras testadas, e em níveis quase 2.000 vezes mais altos …

Dinheiro, imóveis e arte. João Rendeiro perde fortuna para o Estado

Um milhão e meio de euros em numerário, contas e ativos bancários, obras de arte e quatro imóveis em Lisboa, Cascais e Oeiras vão ser arrestados a João Rendeiro, ex-presidente do Banco Privado Português (BPP). Segundo …

A primeira eco-casa impressa em 3D "nasceu" em Itália

A empresa de impressão 3D WASP e o Mario Cucinella Architects concluíram a casa TECLA. É o primeiro modelo de habitação eco-sustentável a ser construído a partir de matérias-primas locais usando tecnologia de impressão 3D.  O …

Partido de Le Pen desviou 6,8 milhões de fundos europeus, segundo jornal francês

O partido francês de extrema-direita União Nacional (RN, sigla original), liderado por Marine Le Pen, terá desviado 6,8 milhões de euros de fundos do Parlamento Europeu, revela este domingo um inquérito policial noticiado pelo Le …

Proporção divina. Antiga fórmula grega pode ser responsável pelo sucesso dos musicais

Desde 1972, quando "Jesus Christ Superstar" estreou na Broadway, os mais populares musicais quase unanimemente empregaram uma fórmula centenária conhecida como “a proporção divina” - e, surpreendentemente, parecem tê-lo feito acidentalmente. A proporção divina é um …

Egito já iniciou obras de alargamento do Canal do Suez

A Autoridade do Canal do Suez iniciou este sábado obras para ampliar dez quilómetros do troço sul, onde o navio Ever Given encalhou em março passado, causando o bloqueio de uma das vias de navegação …

Museu do Prado descobre erro de 500 anos numa das suas esculturas

O Museu do Prado, em Madrid, descobriu que uma das suas esculturas, que se pensava ser do século XV, é afinal uma obra do século XX. Em comunicado, o museu espanhol explicou que a escultura – …

Costa entrou em “modo avestruz” e Cabrita é uma “mancha”. Líder do CSD não poupa nas críticas

Francisco Rodrigues dos Santos fez duras críticas ao primeiro-ministro, António Costa, e ao ministro da Administração Interna, Eduarda Cabrita. O presidente do CDS-PP disse que o primeiro-ministro entrou "em modo avestruz no caso João Galamba" referindo-se …

Morreu o prefeito de São Paulo que venceu a covid-19, mas que perdeu a batalha para o cancro

O prefeito da cidade brasileira de São Paulo, Bruno Covas, morreu este domingo, aos 41 anos, vítima de cancro, segundo a imprensa brasileira e várias personalidades que nas redes sociais têm lamentado a sua morte. Bruno …