Luzes espaciais a piscar no céu podem ser sinais de extraterrestres

Salvo raras exceções, as estrelas morrem e fazem-no numa de duas formas possíveis: passando lentamente para anãs brancas ou explodindo rapidamente como supernovas.

No entanto, algumas estrelas parecem morrer apenas temporariamente sem explosão nem luzes espetaculares – apenas desaparecem do céu noturno e aparecem novamente mais tarde.

De acordo com os cientistas por trás de um novo estudo publicado este mês na revista científica The Astronomical Journal, este fenómeno estranho pode ter duas explicações: ou estamos a assistir a algo completamente novo no campo da astrofísica ou a ver sinais de atividade extraterrestre.

Na quinta-feira da semana passada, os cientistas envolvidos no projeto “Vanishing and Appearing Sources during a Century of Observations” (VASCO) publicaram o seu primeiro estudo, que detalha a busca por objetos que apareceram em pesquisas sobre o céu noturno que datam da década de 1950, mas que não voltam a aparecer em pesquisas modernas.

Os investigadores analisaram 15% dos 150 mil objetos candidatos e encontraram 100 objetos vermelhos que surgiram e desapareceram nos últimos 70 anos. Os cientistas estão à procura de outros sinais de atividade extraterrestre, como lasers de comunicação interestelar vermelhos e esferas de Dyson – uma estrutura gigante hipotética que envolve uma estrela e aproveita sua energia.

O co-autor do estudo, Martin López Corredoira, observou, num comunicado divulgado pelo EurekAlert, que a equipa da VASCO não encontrou nenhuma evidência direta que ligasse as luzes à inteligência extraterrestre – mas o resumo do estudo implica que os autores também não estão a descartar essa possibilidade.

“As implicações de encontrar [luzes que desaparecem e aparecem] estendem-se dos campos astrofísicos tradicionais às pesquisas mais exóticas de evidências de civilizações tecnologicamente avançadas”, escreveram.

Os investigadores afirmam ainda que uma explicação por trás de uma estrela desaparecida poderiam ser eventos raros chamados “supernovas fahadas” que ocorrem quando uma estrela maciça entra em colapso num buraco negro sem nenhuma explosão visível.

Agora, os cientistas querem organizar um Projeto de Ciência do Cidadão auxiliado pela Inteligência Artificial e terão ajuda da comunidade para examinar anomalias nos 150 mil candidatos identificados.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. ZAP o texto «[fontes que desaparecem e aparecendo] » é o original ou uma tradução? não devia ser « [fontes que desaparecem e aparecem]» ?

  2. Pode tão simplesmente mostrar que entre nós e essas estrelas existem buracos negros que durante um determinado período absorvem a luz que devia cá chegar.

A estrela morta que emitiu ondas de rádio no interior da Via Láctea voltou a fazê-lo

O magnetar SGR 1935+2154, que em abril emitiu a primeira explosão de rádio conhecida de dentro da Via Láctea, explodiu mais uma vez. A pequena estrela morta responsável pela primeira deteção de explosões rápidas de rádio …

"Asteróide do caos". Novos dados confirmam que Apophis pode impactar com a Terra em 2068

Um astrónomo do Instituto de Astronomia da Universidade do Havai revelou novas descobertas críticas relacionadas com um grande asteróide que deverá passar muito perto da Terra. Dave Tholen e os seus colaboradores anunciaram a deteção da …

Luís Filipe Vieira reeleito com 62,59% dos votos

Luís Filipe Vieira foi reeleito para um sexto mandato como presidente do SL Benfica, com 62,59% dos votos dos sócios. Vieira está à frente do emblema da Luz desde 2003. Nem a pandemia travou os sócios …

Sporting 3-1 Gil Vicente | “Pote” de ouro na recta final

Sofrimento e alívio. O Sporting esteve a perder em casa por 1-0 com o Gil Vicente até aos 82 minutos, mas deu a volta ao marcador num curto espaço de tempo, acabando por fixar o …

Descoberto na Austrália recife de coral mais alto do que o Empire State Building

Um novo recife "maciço" de 500 metros foi descoberto na Grande Barreira de Corais da Austrália, tornando-o mais alto do que alguns dos arranha-céus mais altos do mundo. Os cientistas encontraram o recife separado - o …

Encontrados restos de ossos e madeira em pregos que terão sido usados na crucificação de Jesus

Um geólogo israelita analisou pregos supostamente associados à crucificação de Jesus Cristo e descobriu que os objetos contêm traços de osso e madeira. Em 1990, durante a escavação em Jerusalém do túmulo de Caifás, o sumo …

Oreo construiu um "Cofre do Apocalipse" para proteger as suas famosas bolachas

Depois do Svalbard Global Seed Vault, que guarda mais de um milhão de amostras de sementes num bunker, e o Arctic World Archive, que preserva os dados do mundo de hoje, a Oreo criou um "Cofre do …

"O Palmeiras sabe quem é o Abel?" - as dúvidas no Brasil, parte II

Abel Ferreira deverá ser confirmado como novo treinador do Palmeiras nesta sexta-feira. No Brasil voltam a surgir questões sobre as contratações de técnicos estrangeiros. Lembra-se de Marco de Vargas, o jornalista da FOX Brasil que não …

Guru de seita de escravas sexuais condenado a 120 anos de prisão

O guru de uma seita de escravas sexuais, conhecida como NXIVM, foi condenado a 120 anos de prisão. Foi considerado culpado de obrigar mulheres a fazer sexo com ele. Keith Raniere, guru da seita de escravas …

Jogadores do Atlético de Madrid "apanhados" a falar sobre João Félix

Saúl e Oblak elogiaram o jovem português, durante o intervalo da receção ao Salzburgo. Tom diferente teve uma conversa entre jogadores do Real Madrid. João Félix voltou às grandes noites nas competições europeias. Depois de já …