Louvre fechou portas por causa de temporal em Paris

juanillooo / Flickr

Museu do Louvre

Museu do Louvre

A capital francesa está em alerta há dois dias devido ao mau tempo, e a subida das águas do rio Sena pode obrigar o museu do Louvre a fechar temporariamente. Há 30 anos que Paris não via cair tanta chuva.

“Esta tarde, o diretor do Louvre disse que pondera fechar o museu inteiro. Parte dele já está fechada. Temos, também, uma pequena ilha perto da Torre Eiffel que já não existe”, referiu Rodolfo de Oliveira, jornalista da emissora portuguesa em Paris Rádio Alfa, à Renascença.

De acordo com a agência Reuters, o diretor do museu, Jean-Luc Martinez, avisou aos funcionários que “é altamente provável que tenhamos que fechar o museu e pedir ajuda de voluntários esta tarde”.

Durante a tarde, está também previsto o encerramento dos comboios suburbanos.

​”Em três dias choveu o equivalente a três semanas, em Paris. Os comboios urbanos e suburbanos estão a fechar. Até mesmo um dos mais importantes, que atravessa Paris, já não circula porque é subterrâneo e havia risco de inundação”, conta o jornalista da Rádio Alfa.

De acordo com o Diário de Notícias, a linha de comboio RER C, que passa pela Ponte das Almas ou o Musée d’Orsay, vai estar interrompida a partir das 16h desta quinta-feira. O presidente da SCNF, a empresa francesa de caminhos-de-ferro, disse que está prevista a substituição por um serviço de autocarros.

Por volta da hora do almoço, o nível das águas do Sena estava muito próximo dos cinco metros, sensivelmente a altura dos edifícios da estação de Austerlitz, uma das maiores de Paris.

As autoridades esperam que as águas do rio Sena atinjam os 5,60 metros durante a madrugada ou manhã de sexta-feira, um valor ainda abaixo dos seis metros que fariam inundar os túneis do metropolitano parisiense.

As piores cheias de que há registo em Paris aconteceram em 1910, quando o Sena atingiu 8,60 metros de altura e inundou as estações de metro, paralisando a cidade.

Manuel Valls, o primeiro-ministro francês, já admitiu que as condições devem piorar com o avançar do dia. O risco agravado de inundações levou as autoridades a manter hoje o alerta vermelho em toda a região da capital francesa, apesar da relativa acalmia que se fez sentir na quarta-feira.

O alerta de temporal é válido também para todo o centro de França, onde cerca de 24 mil casas estão sem energia elétrica.

Na quarta-feira, uma mulher de 86 anos foi encontrada morta na sua casa inundada em Souppes-sur-Loing, a cerca de 130 quilómetros de Paris, apesar de a autarquia já ter vindo dizer que não ficou provado que a morte se deva ao mau tempo.

Na Alemanha, quatro pessoas morreram devido às inundações provocadas pela chuva torrencial, entre as quais três mulheres da mesma família, e outras quatro estão desaparecidas na Baviera.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Agentes do ex-Benfica Luka Jovic são suspeitos de branqueamento de capitais

Os agentes do antigo jogador do SL Benfica Luka Jovic, Fali Ramadani e Nikola Damjanac, são suspeitos de terem branqueado mais de 10 milhões de euros em Espanha. Os empresários Fali Ramadani e Nikola Damjanac, da …

Túmulos reais do Taj Mahal limpos pela primeira vez em 300 anos para receber Trump

Os túmulos reais do Taj Mahal foram limpos pela primeira vez em 300 anos como parte da preparação da visita do Presidente norte-americano, Donald Trump, à Índia, escreve o portal Newsweek citando média locais. Donald …

Microsoft revela novos detalhes da Xbox Series X

A Microsoft revelou novos detalhes da Xbox Series X, a principal corrente à Playstation 5 e à Nintendo Switch. A consola vai ser equipada com "12 Teraflops" e memória interna SSD. A Microsoft quer apostar forte …

OMS sobre Covid-19: O mundo "simplesmente não está pronto" para enfrentar a epidemia

O especialista que liderou a equipa da Organização Mundial de Saúde (OMS) enviada à China disse hoje que o mundo "simplesmente não está pronto" para enfrentar a epidemia do novo coronavírus. Bruce Aylward, médico canadiano especialista …

Um quinto das florestas australianas arderam devido a seca extrema

Os incêndios recentes "sem precedentes" que destruíram um quinto das florestas australianas estão ligados a uma seca de vários anos, devido às alterações climáticas, segundo um estudo publicado na segunda-feira. Os climatólogos estão, atualmente, a estudar …

Auditorias aos estádios da I Liga devido a casos de racismo começam amanhã

As auditorias aos estádios onde se realizam jogos da I Liga de futebol, motivadas pelos recentes atos de violência e racismo, vão decorrer até março, diz o Ministério da Administração Interna. As auditorias à segurança dos …

Liverpool já tem tantas vitórias como o invencível Arsenal de Wenger

O Liverpool operou esta segunda-feira a reviravolta sobre o West Ham (3-2) e evitou a primeira derrota na Liga inglesa de futebol, repondo a vantagem de 22 pontos para o Manchester City, no jogo que …

Lenine Cunha campeão de triplo e pentatlo em atletismo adaptado

O atleta paralímpico português Lenine Cunha sagrou-se, esta terça-feira, campeão mundial de triplo-salto e pentatlo, em Torun, na Polónia. Ana Filipe venceu a prova de triplo-salto no feminino. Lenine Cunha venceu a medalha de ouro, esta …

Kroos: Não foi fácil "adaptar-nos à falta de 40 ou 50 golos" de Ronaldo

Toni Kroos assumiu que foi difícil para o Real Madrid superar a saída de Cristiano Ronaldo. O alemão realçou a falta dos 40 ou 50 golos marcados pelo português fizeram-se sentir. Em entrevista ao The Athletic, …

Companhias aéreas querem conclusão das "obras urgentes" no aeroporto de Lisboa

A associação das companhias aéreas em Portugal (RENA) pediu ao Governo e à concessionária do aeroporto de Lisboa (ANA) a conclusão imediata "das obras urgentes" na infraestrutura, para além do "desenvolvimento do novo aeroporto" no …