Londres quer proibir fumo em parques e praças famosas

neilalderney123 / Flickr

Coluna de Nelson, no centro da Trafalgar Square, em Londres

Coluna de Nelson, no centro da Trafalgar Square, em Londres

A Comissão de Saúde de Londres recomendou ao presidente da câmara, Boris Johnson, que proíba o fumo nos jardins e praças mais famosos da capital britânica, como Trafalgar Square ou a Praça do Parlamento.

Num relatório da comissão, intitulado “Better Health for London” (“Melhor Saúde para Londres”), afirma-se que 1,2 milhões dos londrinos são fumadores, cerca de 15% da população da capital, e que todos os dias 67 crianças e jovens em idade escolar começam a fumar.

“Como cirurgião oncológico do NHS (serviço nacional de saúde britânico) vejo as consequências terríveis nos fumadores e nas suas famílias. Temos de fazer mais para ajudar as pessoas a deixar de fumar e para desencorajar as crianças de começar”, escreveu o autor do relatório, Ara Warkes Darzi, cirurgião e ex-ministro da Saúde.

Segundo o documento, as autoridades de saúde londrinas estimam que o consumo de tabaco é responsável pela morte prematura de 8.400 pessoas todos os anos e pela hospitalização de 51 mil.

O Reino Unido proibiu o fumo nos locais de trabalho, incluindo bares e restaurantes, em 2007.

Se esta recomendação der origem a nova legislação, Londres tornar-se-á a segunda cidade do mundo a proibir o fumo em espaços ao ar livre, depois de Nova Iorque, em 2011.

No relatório, também se recomenda a proibição de publicidade a fast food num raio de 400 metros em volta das escolas, descontos nos transportes públicos para as pessoas que fazem parte do percurso para o trabalho a pé e medidas para reduzir a poluição do ar.

Bastava sair de perto?

A possibilidade de proibir o fumo nos parques e jardins de Londres foi saudada pela organização antitabagista ASH, mas considerada escandalosa pelo grupo de defesa dos fumadores Forest, que considerou “revoltante” a proposta de proibição do fumo em parques.

“Não há risco nenhum para ninguém a não ser para o fumador. Se não gosta do cheiro, saia de perto”, disse Simon Clark, diretor do grupo.

“O tabaco é um produto legal. Se o Departamento de Saúde não gosta que as pessoas fumem em frente às crianças, deveria convencer o Governo a implementar salas para fumo em cafés e discotecas, e assim os adultos poderão fumar confortavelmente”.

“Só falta também sermos proibidos de fumar nos nossos jardins no caso do fumo chegar aos vizinhos”, disse.

ZAP / Lusa / BBC

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Estou 100% de acordo se essa decisao for tomada . Fui fumador 35 anos , durante os ultimos 15 anos fumava 3 macos por dia , deixei de fumar ha 22 anos , tendo apenas usado forca de vontade e ajuda de familia e amigos . Assim hoJe sou contra tabagismo mas respeito os fumadores , espero que respeitem o direito reciproco e nao o inverso , ( se nao te sentes bem vai embora ) assim nao me levam a lado nenhum. Se ha pessoas que compreendem os fumadores , eu sou uma delas . Que ha cada vez menos fumadores E UMA VERDADE , ha os que conseguem acabar com o vicio , aqueles que por razoes financeirasnao conseguem comportar pagar os ELEVADOS custos dos cigarros e aqueles que por motivos de saude tiveram que optar pela decisao de parar de fumar ou a morte estar perto e finalmente aqueles que nunca tiveram coragem de continuar entre os vivos ,preferindo a DEVORAR cigarros em cima de cigarros , entregando as suas vidas ao desespero , dor e sofrimento nao so deles propros , assim como de suas proprias familias . Estas decisoes estao a aparecer muito lentamente , mas o mais importante vao acontecendo ; O CERCO ESTA A FECHAR-SE !!!

RESPONDER

Afastado juiz que disse que "fechar as pernas" impedia agressão sexual

Um juiz de Nova Jersey, nos Estados Unidos (EUA), que disse que fechar as pernas poderia evitar uma agressão sexual foi impedido de presidir um tribunal, tendo sido afastado da Suprema Corte do Estado. Segundo noticiou …

"Tofu nunca causou uma pandemia", publica PETA em outdoors

A organização de direitos dos animais PETA está a incentivar os norte-americanos a experimentar tofu, através de anúncios em 'outdoors' nos Estados Unidos (EUA) onde defendem que o produto de soja "nunca causou uma pandemia". A …

Portugueses estão menos preocupados com a pandemia, mas apreensivos com a economia

O grau de preocupação com a pandemia diminuiu de 80,9% durante o estado de emergência para 76,2% no estado de calamidade, mas os portugueses estão mais alerta quanto ao impacto na economia, conclui um inquérito …

Nova morte, saqueamentos e protestos. Minneapolis vive caos após homicídio de George Floyd

Um homem foi encontrado morto a tiro, na madrugada de hoje, suspeito de ter sido vítima dos protestos, em Minneapolis, contra a morte de um homem negro sob custódia policial. Durante a noite de quarta-feira, milhares …

Filho de Deeney tem problemas respiratórios. Jogador foi alvo de abusos por recusar treinar

O futebolista Troy Deeney, capitão do Watford, revelou que tem sido alvo de abusos e comentários depreciativos, por ter recusado voltar aos treinos, face aos problemas respiratórios do seu filho. “Vi comentários em relação ao meu …

Parlamento aprova alargamento de apoios a todos os sócios-gerentes afetados pela pandemia

O parlamento aprovou hoje, em votação final global, um texto final que alarga os apoios no âmbito do `layoff´ aos sócios-gerentes das micro e pequenas empresas afetadas pela pandemia covid-19, independentemente do volume de faturação. Com …

Pandemia de covid-19 alimenta corrupção na América Latina

A propagação da Covid-19 na América Latina está a alimentar a corrupção nos vários países que a integram, que vai desde a inflação dos preços a situações de aproveitamento económico e de ligações entre políticos …

Mais de 500 católicos portugueses contra proibição de comunhão na boca

Mais de 500 católicos portugueses, entre leigos e sacerdotes, apelaram à Conferência Episcopal Portuguesa para revogar a proibição de os fiéis receberem a comunhão na boca, por causa da pandemia de covid-19, informou na quarta-feira …

Adeptos recusam devolução dos bilhetes. Bayern distribui dinheiro por clubes amadores

Os adeptos do Bayern renunciaram ao direito de serem reembolsados pelos bilhetes comprados para os jogos até ao final da temporada. O clube decidiu distribuir o dinheiro pelos emblemas amadores da região da Baviera. Tal como …

Trabalhadores acusam TAP de pagar abaixo do salário mínimo a tripulantes em lay-off

O Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) acusou hoje a TAP de não estar a pagar o previsto na lei do ‘lay-off’, indicando vários casos em que a remuneração é inferior …