Livros e o paraíso fazem deste o melhor emprego do mundo

Em pleno século XXI, na era digital, ninguém podia imaginar que o “melhor emprego do mundo” pudesse ser o de livreiro. Este “trabalho” decorre num resort de luxo nas Maldivas e, para além do salário, existem muitos benefícios associados à função.

Foi Philip Blackwell, herdeiro de uma família de livreiros, o criador desta profissão de luxo, que publicou um anúncio de emprego para a livraria do luxuoso resort ecológico Soneva Fushi, nas Maldivas.

Segundo o que Blackwell disse ao The Guardian, o valor que os livreiros recebem é “irrisório”, mas os benefícios extras são “incomparáveis. Blackwell acrescenta ainda que o papel irá evoluir, que este é um trabalho de sonho para muitas pessoas e que, se tivesse 25 anos, seria um dos candidatos.

O escolhido para o cargo vai assinar um contrato inicial de três meses e, para além de vender livros, terá também outras funções, tais como, escrever um blogue divertido e animado onde possa descrever a sua vida como livreiro numa ilha deserta, contar histórias a crianças e organizar cursos de escrita criativa para os hospedes, na sua maioria celebridades e multimilionários.

Os candidatos devem ser apaixonados por livros e ter a capacidade de cativar e envolver leitores de todas as idades. Blackwell procura alguém criativo e inspirador, capaz de conquistar o máximo de pessoas possíveis para o prazer da leitura, algo que as pessoas gostam de fazer nas férias.

O livreiro terá como “escritório” uma paisagem de sonho: praias de águas transparentes, com “areia tão macia como neve“, e ficará alojado perto do resort de luxo, onde o preço de um quarto pode chegar aos 26 mil dólares por uma noite.

Neill Denny, editor da Bookbrunch e o primeiro a anunciar a oferta de emprego, afirmou que este trabalho é “um nicho dentro de um nicho”, uma vez que se vendem livros de qualidade aos mais ricos do mundo, que invertem a atual tendência do digital, e começam atualmente a construir as suas bibliotecas de raiz. Para além do mais, estes compradores estão dispostos e podem pagar o preço de uma primeira edição.

Para Blackwell, esta é uma forma diferente de olhar para a herança deixada pela familia. Após gerir durante anos a cadeia de livrarias britânicas, criou a Ultimate Library. Foi durante as viagens que este fez no seu ano sabático, que percebeu como era difícil encontrar livros de qualidade nalguns locais.

Por esta razão, decidiu criar pequenas livrarias em hotéis de luxo e também já o fez num navio de cruzeiro numa reserva de caça no Quénia e num clube privado em Londres.

PARTILHAR

RESPONDER

Milhares de manifestantes voltam às ruas de Hong Kong

A polícia de Hong Kong deteve, este domingo, onze pessoas e apreendeu várias armas, incluindo uma pistola, pouco antes do início de uma manifestação convocada para a cidade, para a qual se espera uma forte …

Irão e Estados Unidos trocam prisioneiros

Irão e Estados Unidos realizaram, este sábado, uma troca de prisioneiros que envolveu a troca de um investigador sino-americano por um cientista iraniano detido pelos EUA, num avanço diplomático que surge após meses de tensão …

Coreia do Norte anuncia "teste muito importante" em local de lançamento de mísseis

A Coreia do Norte anunciou ter realizado um "teste muito importante" no local de lançamento de mísseis de longo alcance, defendendo que terá um efeito fundamental na futura posição estratégica do país. A Agência Central de …

Balas que assassinaram John F. Kennedy preservadas em modelo 3D

A partir do próximo ano, os Arquivos Nacionais dos Estados Unidos vão disponibilizar, no seu catálogo online, imagens 3D das balas que assassinaram o antigo presidente norte-americano John F. Kennedy. Para criar os modelos das …

Pela primeira vez, neurónios artificiais foram criados para curar doenças crónicas

Uma equipa de investigadores conseguiu recriar as propriedades biológicas dos neurónios em chips, que podem ser úteis ajudar na cura de doenças neurológicas crónicas. Naquele considerado um feito única na ciência, investigadores da Universidade de Bath …

Cientistas encontram uma relação negativa "muito forte" entre inteligência e religiosidade

Uma equipa de investigadores sugere que pessoas religiosas tendem a ser menos inteligentes do que pessoas sem crenças religiosas. O estudo tem gerado uma grande controvérsia. A religião é um tema forte, capaz de juntar ou …

Descoberta nova espécie de tubarão pré-histórico que podia chegar aos sete metros

Uma nova espécie de tubarão pré-histórico foi descoberta no Kansas, nos Estados Unidos. Este predador podia crescer até quase sete metros de comprimento. De acordo com a revista Newsweek, Kenshu Shimada, da Universidade DePaul, e Michael …

Conhecido medicamento para diabetes pode conter um carcinógeno

A Food and Drug Administration, agência federal e reguladora do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, está a testar amostras de metformina, um medicamento para diabetes que pode conter o carcinógeno N-Nitrosodimetilamina …

Nobel da Física diz que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra

Didier Queloz disse, este sábado, estar convencido de que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra, razão pela qual está "zangado" com alguns argumentos do cofundador da Tesla, Elon Musk. Os suíços …

Ford está a reciclar palha de café do McDonald's. Quer transformá-la em peças de carro

https://vimeo.com/377768195 A Ford está a fabricar peças de carro através de palha de café reciclada do McDonald's. A iniciativa contribui para a redução da pegada ecológica e do desperdício alimentar. O combate às alterações climáticas cabe um …