/

No último suspiro, Liverpool derrota Monterrey e está na final do Mundial

Ali Haider / EPA

O Liverpool selou a presença na final do Campeonato do Mundo de Clubes ao derrotar o Monterrey por 2-1. Os ingleses vão defrontar o Flamengo, de Jorge Jesus.

O Liverpool entrou no jogo desta quarta-feira como claro favorito à vitória. O Monterrey, do México, teria de se exibir em grande nível para se conseguir equiparar com os ‘Reds’. A verdade é que os mexicanos conseguiram causar sérias dificuldades ao Liverpool, que só marcou o golo decisivo já para lá do tempo regulamentar.

O ‘onze’ do Liverpool causou desde logo surpresa, com Klopp a deixar de fora alguns dos grandes talentos da equipa. Virgil Van Djik, Trent Alexander-Arnold, Sadio Mané, Fabinho, Wijnaldum e Roberto Firmino começaram o jogo no banco. Destaque para a titularidade de Lallana, Oxlade-Chamberlain, Shaqiri e Origi.

Apesar de apresentar uma formação desfalcada, os ingleses adiantaram-se cedo no marcador. Aos 12 minutos, Naby Keita inaugurou o marcador a passe de Mo Salah.

O Monterrey demorou pouco tempo a reagir ao golo e, dois minutos volvidos, retribuiu a igualdade ao marcador. O antigo jogador do SL Benfica, Rogelio Funes Mori, fez as redes adversárias balançar e levou os adeptos mexicanos ao delírio.

O resto da partida foi sempre muito dividida, com nenhuma equipa a conseguir superiorizar-se. O golo decisivo só apareceu aos 92 minutos de jogo, quando Roberto Firmino – que salto do banco – bateu o guardião Marcelo Barovero.

Desta feita, os britânicos selam a presença na final do Campeonato do Mundo de Clubes, que será jogada frente ao Flamengo, no próximo sábado, às 17h30.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.