Ligadura regenerativa cura rapidamente pequenas feridas sem medicamentos

(dr) Universidade de Northwestern

Agora, pequenas feridas ou arranhões, que para diabéticos podem ser um grave problema e até levar a amputação, podem ser tratados com uma ligadura regenerativa.

Desenvolvida pela Universidade Northwestern, de Evanston, no estado de Illinois, Estados Unidos, a ligadura cura rapidamente pequenas feridas que para pessoas diabéticas são muitas vezes dolorosas e difíceis de tratar sem o uso de medicamentos.

Testes realizados pelos cientistas mostraram que a ligadura curou feridas de diabéticos 33% mais rapidamente do que pensos existentes atualmente no mercado. “A novidade é que identificamos um segmento de uma proteína na pele que é importante na cicatrização das feridas”, explica Guillermo Ameer, da Universidade de Northwestern.

“Fabricámos o segmento e incorporámo-lo numa molécula antioxidante que se auto-agrega à temperatura do corpo para criar uma estrutura que facilita a capacidade do corpo de regenerar o tecido no sítio de uma ferida”, continuou o líder da investigação.

A ligadura não implica o uso de medicamentos nem fatores externos que aceleram a cura. Em vez disso, aproveita o poder de cura do próprio corpo humano. Os cientistas admitem assim que não usar medicamentos pode estar para muito em breve no mercado.

Segundo a investigação, cujos resultados foram publicados na Proceedings of the National Academy of Sciences, o método de tratamento é especialmente indicado para aplicação em diabéticos. Ainda assim, pode ser usado para tratar qualquer tipo de ferida aberta.

A diabetes pode provocar danos nos nervos que levam a dormências nas extremidades do corpo. Uma pequena ferida pode, por isso, passar despercebida porque a pessoa nem sabe que a tem. A circulação sanguínea também é mais lenta, o que dificulta a cicatrização das feridas.

A equipa considera que o “segredo” desta ligadura está na laminina, uma proteína encontrada na maioria dos tecidos do corpo humano. Os investigadores envolvidos no estudo identificaram um segmento de laminina que é fundamental no processo de cicatrização das feridas. Depois de identificado, os cientistas isolaram-no para o sintetizar em laboratório.

O passo seguinte foi incorporar a proteína numa ligadura de hidrogel antioxidante, também desenvolvida em laboratório. A natureza antioxidante da ligadura contraria a inflamação enquanto que o hidrogel é termicamente reativo, pelo que solidifica ao ficar exposto à temperatura do corpo, adaptando-se à forma exata da ferida.

Até agora, a equipa de Guillermo Ameer não encontrou nenhum efeito colateral adverso em modelos animais.

ZAP // NewAtlas / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

PJ faz buscas à SAD do Benfica por suspeitas de suborno a jogadores

A Polícia Judiciária do Porto está a realizar buscas à SAD do Benfica, no Estádio da Luz, e nas instalações do Vitória de Setúbal, do Desportivo das Aves e do Paços de Ferreira. Segundo a notícia …

Novo Banco e BCP registam perdas de quase 700 milhões com a Ongoing

A Ongoing, empresa liderada por Nuno Vasconcellos e Rafael Mora, abriu um buraco de quase 700 milhões de euros nas contas do novo Banco e do BCP. A Ongoing criou um buraco de quase 700 milhões de …

Ex-secretário-geral da NATO Javier Solana barrado na fronteira dos EUA

Os EUA negaram a entrada no país ao ex-chefe da diplomacia da União Europeia e ex-secretário-geral da NATO Javier Solana, devido às suas viagens ao Irão, constante da lista negra norte-americana. "As normas de imigração impostas …

Lei que permite entrada de animais em restaurantes entra hoje em vigor

A lei que permite a presença de animais em restaurantes e outros estabelecimentos entra em vigor esta segunda-feira, mas a associação que representa o setor estima uma fraca adesão. A Associação de Hotelaria, Restauração e Similares …

Um terço das empresas não paga IRC (e sem o PEC seria pior)

Em cada dez empresas há três que não entregam qualquer imposto sobre os rendimentos. No entanto, esse número aumentaria para 65% se não fosse o PEC. Três em cada dez empresas não entregam ao Estado qualquer …

Bruno de Carvalho impede Sousa Cintra de entrar no estádio (e, afinal, já é candidato)

Bruno de Carvalho, destituído do cargo de presidente do Sporting, por decisão dos sócios na Assembleia Geral extraordinária de sábado, terá impedido Sousa Cintra, presidente designado pelo Conselho de Gestão, de entrar nas instalações da …

Empresas recusam regime de horário flexível a pais de menores de 12 anos

A lista de pareceres da Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego é dominada pela questão da flexibilização de horários de trabalhadores com filhos menores de 12 anos. Este ano já foram analisados …

Mudança do Infarmed para o Porto pode aumentar produtividade e gerar poupanças

A deslocalização do Infarmed para o Porto pode melhorar a produtividade e a eficiência da instituição. Além disso, pode também gerar uma poupança de 8,4 milhões de euros ao longo dos próximos 15 anos. Segundo o …

Encontrado em Jerusalém um raro amuleto islâmico com mil anos

Uma equipa de arqueólogos que escavava uma das áreas mais antigas de Jerusalém encontrou um pequeno amuleto islâmico, único do seu tipo, com cerca de mil anos. Segundo o jornal israelita Haaretz, o pequeno amuleto encontrado …

"Super-presidente" Erdogan vence eleições presidenciais e legislativas

O Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, reivindicou este domingo a vitória numas eleições presidenciais e legislativas renhidas, perante uma oposição determinada a impedi-lo de obter um novo mandato de cinco anos com poderes consideravelmente reforçados. "Os …