Procura-se: licenciados por 120 euros por mês para estágios

A Universidade de Aveiro está a anunciar, no seu portal de estágios e saídas profissionais, oportunidades de emprego para licenciados com uma remuneração mensal de 120 euros. Uma situação “inconcebível”, acusa o Bloco de Esquerda.

O Jornal de Negócios dá conta do desconforto dos bloquistas com este caso, divulgando o teor da pergunta que os deputados Moisés Ferreira e Luís Monteiro endereçaram ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior a propósito da situação.

Em causa estão dois anúncios publicados no site do Gabinete de Estágios e Saídas Profissionais (GESP) da Universidade de Aveiro (UA), para estágios na área do Design Gráfico e da Comunicação que referem uma remuneração mensal de 120 euros.

O Negócios realça que os anúncios visam “recrutar bacharéis e licenciados na área de Design, ou indivíduos com Curso de Especialização Tecnológica na área do Design de Calçado e Marroquinaria, durante seis meses, com um vencimento de 120 euros mensais”.

Este anúncio é inconcebível“, salientam os deputados do Bloco de Esquerda (BE), considerando que “mais inconcebível ainda é o facto de um gabinete de uma universidade pública estar a divulgar tais anúncios”, como cita o Negócios.

“A remuneração de 120 euros por um estágio é um insulto a qualquer bacharel ou recém-licenciado”, acusam os bloquistas, frisando que “é a promoção da precariedade e exploração mais abjecta”.

A título de comparação, o Bloco lembra os valores pagos pelos estágios profissionais realizados ao abrigo do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), designadamente de 600 euros mensais para quem tenha um Curso de Especialização Tecnológica, e de 707 euros mensais para os licenciados. A estas verbas acrescem ainda, os subsídios de refeição e o seguro de acidentes de trabalho.

Deste modo, o Bloco apela à retirada dos referidos anúncios e recomenda à UA que “defina critérios exigentes para a admissão e divulgação de ofertas de estágio e de emprego”, com o intuito de garantir a “protecção dos direitos laborais dos estudantes e ex-estudantes”.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. devem-se ter esquecido de um “0” = 1200 € só pode, senão é melhor ir trabalhar/estagiar p/ caixa de supermercado, pelos menos ganha o salario mínimo…

  2. Não sei onde está o problema, um dos estágios em questão é estágio curricular, não é profissional (vi a oferta 7075) e estágios curriculares por norma não são remunerados e dependendo do plano curricular são obrigatórios ou facultativos.

    Quem me dera a mim no meu estágio curricular ter recebido 120EUR/mes nos 6 meses que trabalhei lá ao menos já ajudava nas despesas.

    Mais uma meia noticia em que não questionam, nem explicam o porque desse valor ser apresentado.

RESPONDER

Chovem diamantes no interior de Neptuno e Urano (e já se sabe porquê)

Podem estar a chover diamantes dentro dos corações de Neptuno e Urano. Agora, os cientistas descobriram novas evidências experimentais que mostram como é que isso poderia ser possível. Neptuno e Urano são os planetas mais mal …

Descobertas duas super-Terras na zona habitável de uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar

Uma equipa internacional de cientistas encontrou duas super-Terras a orbitar uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar. Conduzida pela Universidade de Göttingen, na Alemanha, a equipa de especialistas localizou um sistema formado por pelo …

Sporting 2-1 Gil Vicente | Leão de Plata só sabe vencer

O Sporting cumpriu na recepção ao Gil Vicente, no fecho da 29ª jornada da Liga NOS, e venceu por 2-1, num jogo que pareceu sempre controlado, mas que terminou com emoção. Os “leões” dominaram por completo …

Leões marinhos decapitados estão a dar à costa no Canadá (e ninguém sabe porquê)

Os corpos decapitados de pelo menos cinco leões-marinhos encontrados nas costas de Vancouver, no Canadá, nos últimos meses sugerem que pode haver um serial killer de mamíferos marinhos à solta. O LiveScience relata que pelo menos …

Este japonês é a única pessoa no mundo a ter um mestrado em Estudos Ninja

Um homem japonês tornou-se a primeira pessoa no mundo a ter um mestrado em Estudos Ninja depois de concluir um curso de pós-graduação que envolvia a aprendizagem de artes marciais básicas e escalada de montanhas. De …

Cátio Baldé acusado de comprar vistos para jogadores do Benfica

Cátio Baldé está a ser acusado de corrupção passiva por ter pagado a um funcionário da embaixada portuguesa em Bissau para conseguir vistos para jogadores do Benfica. O empresário admite o crime, mas nega o …

Ex-polícia admite ser "Assassino de Golden State" e declara-se culpado de 13 homicídios

O ex-polícia norte-americano Joseph DeAngelo declarou-se, esta segunda-feira, culpado de 13 homicídios. Mais conhecido como o "Assassino de Golden State", DeAngelo foi preso em 2018, após 40 anos de investigação. A identificação do criminoso apenas foi …

Infarmed garante ter stock de remdesivir, apesar da compra massiva dos EUA

Depois da notícia de que os EUA compraram à empresa Gilead Sciences praticamente toda a reserva para três meses do medicamento remdesivir, o primeiro aprovado no país no tratamento de covid-19, o Infarmed garante que …

Orfão, capturado e apresentado à rainha. A história da mais antiga fotografia de um indígena da Nova Zelândia

Um daguerreótipo - primeiro processo fotográfico do mundo - mantido na Biblioteca Nacional da Austrália é o mais antigo retrato fotográfico conhecido de um indígena maori da Nova Zelândia. Na imagem antiga, um adolescente aparece vestido …

Uma mesa de 490 metros na Charles Bridge. Em Praga, o fim da restrições celebrou-se com um jantar em massa

Os habitantes de Praga, capital da República Checa, construíram uma mesa com quase 490 metros e realizaram um enorme jantar público esta terça-feira para comemorar o fim do bloqueio do coronavírus no país. De acordo com …